Proteção ambiental não é um tema para o futuro é um tema para o presente, pois a preservação do Meio Ambiente é o caminho para obtermos avanços no que diz respeito ao Desenvolvimento Humano Integral (DHI), conceito que se encontra previsto na Declaração da ONU de 1986 sobre o Direito ao Desenvolvimento (DDD).

Cada vez mais pessoas e empresas têm elaborado e efetivado medidas voltadas para a conservação da natureza, como, por exemplo, coleta seletiva e reciclagem de lixo, consumo responsável, aproveitamento da água da chuva, uso consciente da água e da energia elétrica, ambientes limpos, bem cuidados e despoluídos, uso de recursos naturais de forma inteligente e uso de fontes de energia limpas e renováveis (eólica, solar, maremotriz, geotérmica e hidráulica). Essas ações e tantas outras similares são de enorme relevância para promover um aumento no DHI.

O respeito à natureza é condição sine qua non para se obter progressos consideráveis no índice de DHI, o qual contempla novas formas de se enfrentar problemas urbanos em sua totalidade apreciando tanto o ser humano em sua individualidade quanto em sua coletividade.

O Meio Ambiente equilibrado constitui um instrumento poderoso para o equilíbrio da vida humana já que em harmonia com a natura que nos cerca é que encontramos paz, segurança, saúde, qualidade de vida e, portanto, felicidade.

Sobre este tema, Duna Press entrevistou o empresário carioca Allan Marx (24 anos), diretor de projetos da empresa AMT – Automação Residencial, com sede no Rio de Janeiro, Brasil. Confira a entrevista na íntegra:

DUNA PRESS: Em sua opinião, qual a importância de uma empresa atuar de modo a respeitar e proteger o Meio Ambiente?

ALLAN MARX: Trabalhar com energia renovável hoje significa a combinação de qualidade de vida, progresso, ambiente e inovação, na verdade, representa o verdadeiro desafio da modernidade, uma vez que este é o progresso socioeconômico real, protegendo o meio ambiente. Para a nossa empresa é essencial criar as melhores práticas para ser um exemplo e estímulo.

DUNA PRESS: Sua empresa realizou alguma ação/ atividade que de alguma forma colabora para a preservação ambiental? Qual?

ALLAN MARX: Nossa empresa vem incentivando a sociedade, mostrando as tecnologias disponíveis hoje, capazes de inverter o caminho que conduz à crise energética.

DUNA PRESS: Há obstáculos para a execução de ações que protegem a Natureza? Quais?

ALLAN MARX: Sim, falta de incentivo fiscal, conscientização da sociedade, tanto no consumo de energia elétrica como no consumo de água.

DUNA PRESS: Quais são, em sua visão, os principais benefícios para a empresa ao adotar ações que resguardam o maior patrimônio do ser humano que é a Natureza?

ALLAN MARX: Disseminar a tecnologia fotovoltaica e o conhecimento sobre os temas no Brasil promovendo, portanto, uma fonte limpa, renovável e inesgotável de energia, alinhada com a crescente busca de soluções ecológicas e sustentáveis.

DUNA PRESS: Você acredita que atitudes que visam salvaguardar o Meio Ambiente contribuem para garantir e alcançar um melhor nível de DHI (Desenvolvimento Humano Integral)? Por quê?

ALLAN MARX: Acredito. Quanto maior e melhores as nossas atitudes para ajudar o meio ambiente melhor será para os seres que o habitam.

DUNA PRESS: Você pensa ser possível a qualquer pessoa, em seu cotidiano, contribuir para melhorias no Meio Ambiente? De que formas?

ALLAN MARX: Com certeza, não jogando lixo na rua, fechando a torneira ao escovar os dentes ou ao se ensaboar no banho, não efetuando furtos de energia (Gatos)… Todos nós podemos ajudar o meio ambiente.

 

 

Website Comments