Acontecerá nesta sexta feira, 23 de fevereiro, em Madrid na Espanha, o I Congresso Internacional sobre gênero, sexo e educação que discorrerá fundamentalmente acerca de teorias do gênero.

Participam do congresso renomados médicos, advogados,  educadores, sociólogos, filósofos, religiosos e escritores, a saber: Miriam Ben-Shalom, Agustín Laje, Rubén Navarro, Michelle Cretella, Glenn Stanton, Paul W. Hruz, Gabriele Kuby.

O grande destaque da conferência será o depoimento de Walt Heyer, que foi transexual e viveu 8 anos como mulher, e que, atualmente, além de ter retomado sua identidade masculina oferece ajuda a transexuais.

O congresso marca um momento histórico para os países da Europa que nos últimos anos tem discutido o tema. Vale ressaltar que, recentemente, o Conselho Nórdico de Ministros, uma cooperação inter-governamental regional constituída por Noruega, Suécia, Finlândia, Dinamarca e Islândia, encerrou o NIKK (Nordic Gender Institute) o qual pretendia fornecer alguma base científica para políticas pedagógicas e sociais. Tal decisão foi tomada depois que a TV estatal da Noruega, a NRK-TV exibiu o documentário “hjernevask”(brainwash, ou, em português, lavagem cerebral). O documentário expôs detalhes da pesquisas no NIKK, e demonstrou que não havia nenhum caráter científico tampouco um conjunto probatório robusto que sustentasse as teorias de gênero.

 

Data e Local: Sexta-Feira 8:00 – 19:30hr. Local Centro Comercial ABC – Calle Serrano, 61 – 4 andar Madrid – Espanha

Reservas: Clique aqui

Mapa: Clique aqui