Em continuação aos dois artigos passados, de algumas semanas atrás, cujos links seguem (https://dunapress.org/2018/08/02/saindo-da-zona-de-conforto-01/ – https://dunapress.org/2018/08/08/saindo-da-zona-de-conforto-02/), temos a lhe dizer:

– As árvores não comem os próprios frutos, o sol não brilha para si mesmo.

– A verdade é viver para os outros. Em verdade vivemos para os demais, tanto é por isso que uma das instituições mais sagradas é a família, pois temos ela para aprender a viver em comunhão e é ali onde o desafio é maior, e onde desde o nascimento nos esforçamos em conjunto.

Como também devemos seguir em conjunto como família, pois só assim todos prosperarão.

As escrituras bíblicas trazem vários trechos onde nos induz a sair da zona de conforto, como:

– Mateus 14,22-24 – “Iniciar a travessia a pedido de Jesus. Jesus forçou os discípulos a irem para o outro lado do mar, onde ficava a terra dos pagãos. A barca simboliza a comunidade. Ela tem a missão de dirigir-se aos pagãos e de anunciar também entre eles a Boa Nova do Reino que gera um novo jeito de viver em comunidade. Mas a travessia é perigosa e demorada. A barca é agitada pelas ondas, pois o vento era contrário. Apesar de terem remado a noite toda, falta muito para chegar à terra. Faltava muito para as comunidades fazerem a travessia para os pagãos. Jesus não foi com eles. Ele queria que aprendessem a superar as dificuldades da vida juntos, unidos e fortalecidos pela fé. O contraste é grande: Jesus orante junto de Deus na paz da montanha, e os discípulos meio perdidos lá embaixo, no mar revolto”. 

Como um corredor, em uma prova de velocidade, chega ao fim da pista? Com  o primeiro passo.

Como você consegue terminar uma faculdade? Primeiro fazendo o vestibular e se matriculando no curso, ou seja, com o primeiro passo.

Como um time ganha um título? Todos trabalhando em prol do bem comum.

É preciso fazer o movimento acontecer. A vida é movimento e evolução, como também trabalho em conjunto de esforços com os demais.

Sem isso você será pego pela depressão e desânimo.

Portanto, para virar este quadro comece algo novo e crie projetos. Evolua e se esforce para isso!

Temos que ser espelho de Jesus Cristo, para que ele continue trabalhando em nós. Ele veio com um propósito a realizar, principalmente em nós e por meio de nossa ação.

O Mestre veio nos transformar e nos ensinar a evoluirmos juntos e não cada um em seu ego. Cabe a cada um, sem esperar do outro, dizer e fazer: “Eu sou trabalhador do Todo, porque Deus pai trabalha, seu filho trabalha e eu vou ajudar e trabalhar”.

O Todo nos dá poderes infinitos, porém não acreditamos e não entendemos essa capacidade ainda. Porém, o Todo que é o Criador pode tudo e somos parte dele.

A mídia e o entretenimento de hoje é todo distração e frivolidade. Tudo baixaria, promiscuidade, fascínio, manter as pessoas alienadas, novelas, filmes, séries, notícias irrelevantes, divertimento, vulgaridade, etc. O ser humano está rebaixando a sensibilidade humana a de animais, ficando todos insensíveis ao que de fato acontece, tornando presa fácil para a dominação. Isso tudo está planejado, e, por assim dizer, vem funcionando muito bem.

Para lhe auxiliar o entendimento, seguem outras palavras de fácil acesso, para que entendas a mensagem do Mestre.

– Cantares 2:10 – “O meu amado falou e me disse: Levante-se, minha querida, minha bela, e venha comigo”

– Rute 1:16 – “Aonde fores irei, onde ficares ficarei! ”

– Hb 11. 8-9 – “Pela fé Abraão, quando chamado, obedeceu e dirigiu-se a um lugar que mais tarde receberia como herança, embora não soubesse para onde estava indo”.

– II Coríntios 4.13- “Tendo, porém, o mesmo espírito da fé, como está escrito: Eu cri; por isso, é que falei. Também nós cremos; por isso, também falamos.”

– Hebreus 10.23- “Guardemos firme a confissão da esperança, sem vacilar, pois quem fez a promessa é fiel.”

– Tiago 1.6- “Peça-a, porém, com fé, em nada duvidando; pois o que duvida é semelhante à onda do mar, impelida e agitada pelo vento.” 

De igual forma a fé sem obras é morta, como também colhemos dos textos sagrados: 

– Tiago 2.,17,18 e 26: “17   Assim, também a fé, se não tiver obras, por si só está morta/ – 18 –   Mas alguém dirá: Tu tens fé, e eu tenho obras; mostra-me essa tua fé sem as obras, e eu, com as obras, te mostrarei a minha fé /– 26 – Porque, assim como o corpo sem espírito é morto, assim também a fé sem obras é morta.” 

– Filipenses 1: 6 – Tendo por certo isto mesmo, que aquele que em vós começou a boa obra a aperfeiçoará até ao dia de Jesus Cristo;

– João 5:17 – E Jesus lhes respondeu: Meu Pai trabalha até agora, e eu trabalho também.

Temos que ter certeza das nossas escolhas.

Pode parecer bobagem, mas saber exatamente o que queremos é essencial para cocriarmos as experiências que desejamos ter.

Fonte das imagens:

1 – http://crisedeansiedade.com/acabar-com-ansiedade/

Website Comments