General Paulo Chagas, no II Encontro Monárquico de Brasília.

“O exercito interveio na politica do Brasil, na nossa história, diversas vezes, muitas vezes. Quase todas acertadamente. Há pessoas que são intervencionistas hoje, os saudosistas do tempo da intervenção Militar e dizem que nós temos que ter outra intervenção porque sempre deu certo. E eu respondo, que não, nem sempre deu certo. Só nós olharmos a república que foi proclamada por um movimento militar, e que até hoje nós tentamos fazer com que isso dê certo, e não da certo. E esse é o melhor caminho, melhor forma de nós enxergarmos a realidade, nós éramos felizes e não sabíamos, e temos que restaurar aquilo que nos faz feliz.”

Comments are closed.