fbpx
Esportes

F1 | Vitória de Hamilton e outros destaques do GP na Inglaterra

Compartilhar

Nessa prova no circuito de Silverstone, recordes foram quebrados e por parte da maioria dos pilotos, garra e foco não faltaram. O grid de largada foi liderado por Valtteri Bottas, seguido de Lewis Hamilton e Charles Leclerc.

Na volta 4/52, houve uma batalha entre Hamilton e Bottas pela liderança. Hamilton ultrapassou o parceiro de equipe e manteve a posição por alguns segundos, mas Bottas recuperou a P1.

Dez voltas à frente, Verstappen e Leclerc fizeram o pit-stop ao mesmo tempo. Ao parar primeiro e sair da mesma forma, era esperado que Leclerc sairia dos boxes antes de Verstappen, mas ocorreu o contrário. Max com sua equipe fez o pit-stop mais rápido da corrida, com o tempo inédito de apenas 1.9s e saiu com vantagem sobre Charles Leclerc. Esse foi o pit-stop mais rápido da história da Fórmula 1.

Embora Verstappen tenha levado vantagem na saída do pit-lane, perdeu a posição para Leclerc e caiu para a P5. Mas a batalha entre os pilotos não parou por aí, pois Verstappen pressionava o piloto Ferrari sem dar folga e Leclerc mantinha a posição de alguma jeito.

Antônio Giovinazzi abandonou em 20/52 após suas rodas traseiras travarem e sair da pista. Com o incidente, o Safety Car foi ativado. Após Giovinazzi, Magnussen e Grosjean abandonaram por conta de problemas mecânicos em seus carros.

Na metade da prova, houve uma disputa acirrada pela P5 entre Verstappen e Leclerc. Max mantinha a posição e Leclerc buscava uma oportunidade de ultrapassá-lo. Durante a curva 18, Leclerc forçou Verstappen pra fora da pista ao contornar por dentro, mas de um jeito inesplicável, Verstappen recuperou a posição. Na etapa passada, Verstappen fez o mesmo com Leclerc ao fazer uma ultrapassagem por dentro e forçá-lo pra fora.

Em 37/52, teve início uma batalha pela P3 entre Vettel e Verstappen. Após ser ultrapassado, Vettel colou furiosamente em Verstappen, o que resultou em uma batida na traseira de Max antes da curva e o lançou pra fora do trajeto. Ambos os pilotos retornaram à corrida em seguida.

Pela sexta vez em sua carreira, Lewis Hamilton vence o GP da Inglaterra, seguido de Bottas e Leclerc. Ao cruzar a linha de chegada, Hamilton marcou a volta mais rápida, com tempo de 1:27:369 segundos.

A próxima etapa será o GP da Alemanha, dia 28 de julho.

Print Friendly, PDF & Email
Botão Voltar ao topo
Translate »