Com pressão da Red Bull e dificuldades em pistas lentas, escuderia italiana foca melhor colocação nos próximos GPs.

Sem vencer até o momento, a Ferrari se encontra em uma posição preocupante. Apenas 44 pontos a separam da RBR na classificação de construtores, rival que já venceu duas provas na primeira parte da temporada.

Análises de Mônaco mostraram que a Ferrari perdia 0.8s em ritmo de corrida, em relação à rival Mercedes. Na Hungria, Vettel estava 1 minuto abaixo de Hamilton, e dá uma idéia de quão longe a Ferrari pode ficar em pistas de baixa velocidade e em circuitos com muito efeito-solo (downforce).

O modelo Ferrari SF90, se sai bem em retas, mas não em curvas. Retas são predominantes nos circuitos de Spa-Francorchamps e Monza.

Mattia Binotto, engenheiro e atual chefe de equipe da Ferrari, em entrevista a F1, afirmou: “Spa e Monza são circuitos mais rápidos, então nós certamente devemos ter mais sucesso, mas não há nada garantido. Nossos concorrentes são muito fortes e tentamos enfrentar nós mesmos. “Acho que a situação será diferente de Budapeste e vamos nos preparar da melhor forma para buscar a primeira vitória.” Acrescentou Binotto, ao lembrar da terceira e quarta posição em que Vettel e Leclerc respectivamente terminaram no GP da Hungria.

Vettel, que pegou o último lugar no pódio, comentou: “No papel, Spa e Monza deverá ser um pouco melhor para nós – mas precisamos de confirmação.

Obviamente, a Ferrari busca uma solução, mas não é algo rápido e fácil de resolver: “Sabemos que nas curvas não nos saímos bem e o natural em pistas de corrida é tê-las. Então gostaríamos de construir um carro rápido nas curvas. Nós estamos tentando tudo que podemos mas no momento, ainda não é o suficiente.” Afirma Vettel.

Como Mattia Binotto e Sebastian Vettel explicaram, não é garantido que a Ferrari vença na Bélgica e em casa, na Itália. Mas sem dúvidas, a equipe precisa de uma vitória.

(Foto: reprodução twitter oficial @ScuderiaFerrari)

Abaixo, veja a posição dos pilotos da escuderia italiana na classificação e seus pontos:

4 | Sebastian Vettel – 156 PTS (94 pontos atrás do líder, Lewis Hamilton);

5 | Charles Leclerc – 132 PTS.