Crônicas

O Sistema financeiro continua nos estrangulando

Alguns fatos econômicos parecem estar dando certo, números positivos e aumento econômico para nosso país.

Porém, crescimento econômico não quer dizer segurança, educação, saúde e riqueza e crescimento econômico individual e da população em geral.

O ministro da economia vem anunciando várias situações que podem até gerar um certo bom momento para todos, porém paira no ar estar a serviço do sistema financeiro, pois está fazendo com que o câmbio exploda, alegando que até deveria deixar aumentar mais. O sistema financeiro funciona para o sistema financeiro (bancos, poderosos, etc.).

Os banqueiros  e rentistas especuladores estão muito felizes com algumas medidas e em especial esta, enquanto nós, meros mortais, pagamos mais caro tudo, inclusive carne e gasolina. Confiar numa equipe econômica deve ter ressalvas, pois os bastidores e poderes financeiros são muito ocultos e obscuros e agem, como sempre fizeram, de forma sórdida, sorrateira. Por isso, precisamos ligar o alerta, tanto presidência como sociedade.

A mídia vem divulgando que estamos exportando, a equipe econômica comemora o aumento de exportações, que “estamos vendendo para o mundo, para todos e muito mais”. Cuidado, pois isto ao mesmo tempo significa que os oligopólios criados nos últimos 40 anos de Brasil continuam enriquecendo e aumentando o poder sobre nós, que produzimos e levamos o país para a frente. Isto está claro, pois estamos vendendo e aumentando vendas para China, Rússia, Europa e também EUA, enquanto aqui no Brasil estamos tendo aumento de combustíveis e a carne tem aumentado muito de valor, chegando até mesmo a aumentos no bovino de 35% em um curto prazo de tempo.

O dólar precisa ter uma baixa perante nossa moeda. A equipe econômica não vem tentando alterar isto, o que aumenta nosso custo Brasil e as importações ficam também mais caras.

Dólar alto encarece as importações e desvaloriza as exportações, em regras gerais. Exportar só por exportar mais e mais, em nosso cenário é prejudicial, pois o dinheiro vai para a mão dos mesmos poderosos de sempre, que já controlam tudo há pelo menos 40 anos seguidos, bem como somente exportar e não importar e desenvolver a indústria, tecnologia e outras áreas, não é sinônimo de crescimento e segurança de desenvolvimento no longo prazo.

O povo brasileiro não pode bancar este Brasil trabalha para os ricos do capital financeiro globalista, que tentam manear as economias para onde eles querem, como gado. Estamos no brete, visto que a economia de hoje está deixando os pobres com menos poder ainda de compra, piorando a situação no médio e longo prazo, bem como nada vem sendo feito para reverter ou atender o povo num total, pois do jeito que está sendo conduzida a economia governamental, vai aumentar ainda mais o volume nos bolsos de bancos, controladores do mercado financeiro, etc.

Créditos de imagem: Pixabay. Fotografia de Gerd Altmann.

Print Friendly, PDF & Email

Leonardo Garbossa

Colunista associado para o Brasil em Duna Press Jornal e Magazine, reportando os assuntos e informações sobre atualidades sócio-políticas e econômicas da região.
Botão Voltar ao topo