Brasília (DF) – No dia 26 de fevereiro, uma comitiva do governo federal acompanhou as atividades da “Operação Cérbero”, que está em curso desde o último dia 7 de fevereiro, no perímetro externo da Penitenciária Federal de Brasília (DF). O Exército Brasileiro, por intermédio da Força Planalto (FORPLAN), coordenada pelo Comando Militar do Planalto (CMP), atua em conjunto com a Força Nacional nas ações de Garantia da Lei e da Ordem (GLO), por determinação prevista no Decreto Presidencial Nº 10.233/2020, de 6 de fevereiro de 2020.

Durante a visita, as autoridades inspecionaram o centro de operações, onde foi apresentado o quadro geral das atividades; percorreram o perímetro externo da penitenciária a bordo de Viaturas Blindadas de Transporte de Pessoal Guarani; estiveram com os comandantes das frações de tropa envolvidas; e verificaram algumas das ações, como os postos de bloqueio e o patrulhamento hipomóvel.

A comitiva governamental contou com as presenças do Ministro da Defesa, Fernando Azevedo e Silva, e do Ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Fernando Moro. Também estiveram presentes, o Chefe do Estado-Maior Conjunto das Forças Armadas, Tenente-Brigadeiro Raul Botelho, e seu Chefe de Assuntos Estratégicos, Almirante de Esquadra Cláudio Portugal de Viveiros, além do Comandante de Operações Terrestres, General de Exército José Luiz Dias Freitas; do Comandante Militar do Planalto, General de Divisão Sergio da Costa Negraes; do Comandante da 3ª Brigada de Infantaria Motorizada, General de Brigada Marco Aurelio de Almeida Rosa; do Comandante de Operações Especiais, General de Brigada Mário Fernandes; e do Diretor do Departamento Penitenciário (DEPEN), Fabiano Bordignon.

Fonte: Portal de Imprensa do Exército Brasileiro

Print Friendly, PDF & Email