ArteHistória

A Brigada da Carga Ligeira e os erros de informação

Quem conta um conto aumenta um ponto, versa o dito popular. E assim como uma informação mal averiguada ou distorcida pode mudar todo o rumo da história, e vidas podem ser perdidas por um erro de informação. Como ocorreu no episódio da Guerra da Crimeia conhecido como A Carga da Brigada Ligeira, onde por uma informação distorcida, várias vidas foram perdidas.

O fato ocorreu em 25 de outubro de 1854, na Batalha de Balaclava, um dos incidentes da Guerra da Crimeia. Mas para entender melhor todo o contesto, é necessário preliminarmente compreender o que foi a Guerra de Crimeia. Uma guerra pouco conhecida, mas que revolucionou em vários sentidos o layout das batalhas, apresentando vários novos conceitos, como a guerra de trincheiras, que serviram de base para as grandes guerras mundiais que viriam em décadas depois, bem como desenhou o cenário auspicioso para a nefasta queda da monarquia russa.

O estopim da Guerra da Crimeia foi uma contenda entre o Império Otomano com a Rússia, liderada por Nicolau I, onde as duas potências disputavam uma rota até Jerusalém. Isso mesmo, em pleno século XIX, parecia que as Cruzadas ainda não haviam terminado. Neste sentido, o Império Otomano foi apoiado pelo Império Britânico, que no período era governado pela icônica rainha Vitória, no qual dispensa comentários, sendo também apoiado pela França, que tinha como líder Napoleão III, que viu uma auspiciosa oportunidade de sair da enorme sombra projetada pelo baixinho Napoleão I.

Com o conflito deflagrado e os lados da guerra definidos, era hora de pôr as peças no tabuleiro. Onde teve-se então o Cerco de Sebastopol, uma cidade com porto para o Mar Negro, onde as forças aliadas (Império Otomano, Império Britânico e França), sitiaram a cidade portuária, e ao deliberarem acerca dos locais onde ergueriam seus assentamentos, coube aos ingleses Balaclava, que era o lugar geograficamente menos favorável.

Em 25 de outubro de 1854, pela manhã, os russos iniciam um ataque nos locais onde os otomanos e os britânicos de encontravam, objetivando romper o cerco e ganhar terreno. O ataque rendeu aos russos grande vantagem dizimando todo o front com sua cavalaria, somente sendo impedidos de avançar pela infantaria escocesa que bravamente impediu o avanço russo. Nesta escaramuça a cavalaria inglesa aproveitou o momento conveniente e avançou com aproximadamente 800 cavaleiros, fazendo com que três mil russos recuassem.

O jogo havia virado, e a sorte se voltara para os aliados, seria uma oportunidade perfeita para o triunfo se Lorde Cardigan houvesse ordenado a cavalaria a perseguir os russos em fuga, que seriam facilmente subjugados no aproveitamento do êxito. Fato este que não ocorreu. Em virtude disto os russos se reagruparam e retornaram para a sua rota de fuga para recuperarem as pesadas peças de artilharia que haviam perdido durante sua recuada.

No mesmo dia, Lorde Raglar, o comandante chefe do exército envia uma mensagem a Lorde Lucan, o comandante da cavalaria, ordenando para seguir em ataque aos russos, bem como capturar os canhões e demais armamentos perdidos pelos russos em fuga. Diante da ordem Lorde Lucan envia Lorde Cardigan (que era cunhado de Lucan, e havia uma hostilidade entre ambos), para liderar a missão.

Lorde Cardigan, que era conhecido por sua irredutibilidade decidiu partir sem reforços com a cavalaria. Um ato de imprudência tanto de quem proferiu a ordem, quanto de quem a aceitou cumprir, uma vez que em decorrência da geografia acidentada do local onde se encontravam acampados os ingleses, era impossível ter uma visão ampla do terreno onde seria empreendida a missão, e por isso não foram capazes de ver que o local se encontrava massivamente reforçado pelos russos.

Em meio a esse cenário que ocorreu o incidente conhecido como A Carga da Brigada Ligeira, uma missão mal planejada a um local incerto para um resgate de material bélico incerto, onde 673 cavaleiros britânicos trotearam para sua incerta missão, em direção ao vale existente no sopé da colina de Fedyukhin, conhecido após o incidente como “vale da morte”, e ao chegarem no vale foram imediatamente recebidos a tiros pelos russos que os flanquearam pelos dois lados do vale, bem como os que estavam a sua frente, fazendo com que a cavalaria britânica fosse fuzilada tanto pelas laterais quanto pela frente, e incapaz de recuar, uma vez que um movimento de recuo com os cavalos naquele cenário seria ainda mais desastroso, e os canhões que os ingleses estavam incumbidos de resgatar neste momento estavam em posse dos russos, que os disparavam contra os ingleses bem a sua frente.

Neste cenário onde os flancos eram compostos por uma parede de fogo dos disparos da artilharia russa e a frente, os canhões dilaceravam homens e cavalos, os ingleses bravamente avançaram rumo ao desastre.  Em meio a pesadas baixas, a cavalaria consegue alcançar os canhões e a duras perdas abater muitos artilheiros russos, mas enquanto abatiam os artilheiros russos, a cavalaria russa os alcançou e ao darem a meia volta para retornarem ao ponto de partida, os britânicos novamente mergulharam no corredor de fogo, sendo novamente alvejados pelos flancos e agora pela retaguarda também, uma vez que seguia o curso oposto. Todo o incidente ocorreu em menos de meia hora, motivo pelo qual é intitulada a Carga Ligeira, em decorrência das táticas de ataques relâmpago da cavalaria.

Dos 673 cavaleiros, o saldo final foi de 118 mortos, 127 feridos, além de que perderam-se 362 cavalos, desta forma, o lado aliado sofre uma derrota agridoce, as custas de vários mortos e incontáveis feridos, em uma empreitada mal planejada, em uma guerra que inicialmente não era deles.

Neste sentido, observa-se que uma informação duvidosa e desprovida de sagacidade, levou os soldados da cavalaria britânica a um ataque fadado ao fracasso, jogando-os em meio a um corredor de artilharia, que os alvejava tanto pelos flancos como pelo fronte, e mesmo estando em um número muito inferior, os bravos cavaleiros não recuaram, mergulharam sem medo rumo a morte certa, tornando-se para muitos um exemplo de bravura, e para outros do absurdo desperdício de vidas humanas nas guerras.

Mesmo não sendo um acontecimento tão conhecido por muitos, a bravura dos 673 cavaleiros inspirou poemas, como o famoso The Charge of The Light Brigade, escrito por Alfred Lord Tennyson, bem como a popular canção da banda britânica Iron Maiden, intitulada The Trooper, no qual na introdução da música são citados trechos do poema de Lord Tennyson, bem como serviu de inspiração para três filme com o mesmo título do poema lançados, em 1912, 1936 e 1968. Este incidente deixou desta forma um legado de coragem e obediência por parte dos destemidos cavaleiros, bem como da fragilidade em que as vidas são desperdiçadas por simples atos irresponsáveis em tempos de guerra.

Referência Bibliográfica:
– SMITH, Cecil Woodhan. A Carga da Brigada Ligeira. Editora Bibliex. 2005.
– FIGES, Orlando. Criméia. Editora Record. 2018.
– RIVER, Charles. A Guerra Da Crimeia: A História E O Legado Do Conflito Que Modernizou a Guerra E Enfraqueceu a Rússia Czarista. Publicação Independente. 2019.
– TROUBETZKOY, Alexis. Uma Breve História da Guerra da Crimeia: A luta mais desnecessária da história. Editora Running Press. 2006.
Print Friendly, PDF & Email

Marcos Ferreira

Colunista associado para o Brasil em Duna Press Jornal e Magazine, reportando os assuntos e informações sobre atualidades sócio-políticas e econômicas da região.
Botão Voltar ao topo