Esportes

Discreto e brilhante: Rivaldo completa 48 anos de idade neste domingo

Compartilhar

Jogador brilhou com a camisa do Palmeiras, Barcelona pelo Brasil, sendo protagonista do pentacampeonato

Nascido no dia 19 de abril de 1972, o meia-atacante Rivaldo completa 48 anos de idade neste domingo. Sempre muito discreto aos olhos da maioria fora de campo, o ex-jogador brilhava dentro das quatro linhas com gols e momentos marcantes no futebol paulista e com a camisa da Seleção Brasileira.

Rivaldo surgiu de forma promissora pelo Santa Cruz (PE), time de sua cidade natal. De lá, foi para o Mogi Mirim, onde fe parte do “Carrossel Caipira”, que ainda tinha Válber e logo despertou o interesse de clubes paulistas da elite nacional. Em 1993, foi emprestado ao Corinthians, onde não conseguiu desenvolver o seu melhor desempenho. O Palmeiras, por sua vez, foi atrás do jogador e o levou ao Palestra Itália.

Foto: Arquivo Histórico/Palmeiras

Logo em seu primeiro ano pelo clube, conquistou o Campeonato Brasileiro de 1994, marcando três gols em dois jogos da decisão do nacional. Ainda com a camisa alviverde, Rivaldo fez parte do elenco que conquistou que marcou 102 gols na campanha do título do Campeonato Paulista de 1996, colocando o seu nome na galeria de ídolos palmeirenses.

Diante de muito sucesso, o pernambucano foi negociado com o Deportivo La Coruña, da Espanha, e posteriormente desembarcou na Catalunha, para defender o Barcelona, clube pelo qual foi bicampeão espanhol, e eleito o melhor jogador do mundo, em 1999. Ainda em solo europeu, passou pelo Milan, clube pelo qual conquistou a Copa dos Campeões e o Campeonato Italiano.

Retornou ao Brasil e passou meio ano no Cruzeiro, antes de retornar ao Velho Continente, desta vez para jogar no Olympiacos, da Grécia. Também em solo grego, jogou pelo AEK e, posteriormente, se transferiu para o Bunyodkor, do Uzbequistão. Rivaldo ainda atuou pelo São Paulo, em 2011, e depois defendeu o clube angolano Kabuscorp. Em suas últimas temporadas, jogou pelo São Caetano e encerrou a sua carreira pelo Mogi Mirim, em 2015.

Genialidade pela Seleção Brasileira

Além de sucesso por grandes clubes, Rivaldo brilhou mesmo com a camisa da Seleção Brasileira. Ao lado de Ronaldo, por exemplo, foi um dos protagonistas da Copa do Mundo de 2002, com cinco gols marcados e lances emblemáticos, como o corta-luz para o Fenômeno marcar na decisão diante da Alemanha.

Pela Seleção Brasileira, Rivaldo conquistou a Copa do Mundo da Coreia e do Japão, a Copa América (1999) e a Copa das Confederações (1997). Ao todo, foram 78 partidas com 49 vitórias, 17 empates e 12 derrotas, tendo anotado 38 gols, oito deles em Copas do Mundo.

Fonte: FPF
Print Friendly, PDF & Email

Compartilhar

Wesley Lima

Colunista associado para o Brasil em Duna Press Jornal e Magazine, reportando os assuntos e informações sobre atualidades culturais, sócio-políticas e econômicas da região.
Botão Voltar ao topo
Translate »