SABEDORIA DOS MESTRES – 15 Costumes Que Você Deve Abandonar Para Ser Feliz:

DESISTA DA NECESSIDADE DE ESTAR SEMPRE CERTO: Há pessoas que não conseguem suportar a idéia de estarem errados(a), mesmo sob o risco de terminar grandes relacionamentos ou causar um grande nível de estresse e dor, para si e para outros.

DESISTA DA NECESSIDADE DE CONTROLE: Esteja disposto a desistir da sua necessidade de sempre controlar tudo que acontece a você e em volta de você – situações, pessoas, eventos etc… seja com seus amados, colegas de trabalho ou somente estranhos que você encontra na rua – apenas permita-os ser. Permita que tudo e todos sejam como eles são, e verá como isso vai lhe fazer bem.

DESISTA DA CULPA: Desista da sua necessidade para culpar outros pelo que você tem ou não tem, pelo que você sente ou não sente. Pare de transferir suas frustrações para outros e comece a assumir as responsabilidades da sua própria vida.

DESISTA DO DERROTISMO: Quantas pessoas estão se machucando por causa das suas mentalidades negativas, poluídas, revanchistas, conservadoras e repetitivas? Não acredite em tudo que sua mente está especulando. Reflita sobre tudo.

DESISTA DE CRENÇAS QUE LIMITAM E APRISIONAM: Sobre aquilo que você pensa que pode ou não pode fazer, sobre o que é possível ou impossível. Abra suas asas e voe! Uma crença não é uma idéia presa pela mente, ela é uma idéia que prende a mente.

DESISTA DE RECLAMAR: Desista da sua necessidade de reclamar sobre tudo e todos – pessoas, situações, acontecimentos que lhe faz infeliz, triste e deprimido. Não é a situação que dispara aqueles sentimentos em você, mas sim como você escolhe olhar para tudo aquilo.

DESISTA DA LUXURIA DAS CRITICAS: Abandone a necessidade de se sentir superior ou inferior a outras pessoas, somente pq elas são diferentes de você. Somos todos diferentes! A rigor, todos queremos as mesmas coisas… ser feliz, amar e ser amado e, principalmente, ser compreendido.

DESISTA DA NECESSIDADE DE IMPRESSIONAR OS OUTROS: Pare de tentar ser o que não é, somente pra fazer os outros gostarem de você. Esse método já foi testado milhares de vezes, e garanto… não funciona. No momento que você pára de tentar ser algo que você não é, no momento que você tira todas as suas máscaras, no momento que você aceita e abraça seu EU verdadeiro, vc passará a estar sintonizado com quem precisa ficar a seu lado, sem esforço algum.

ABANDONE RESISTIR Á MUDANÇA: Mudar é bom. Mudar irá lhe ajudar a ir de A a B. Mudar irá ajudar vc a fazer melhorias em sua vida e na vida das pessoas à sua volta. Siga seu destino, e abrace a mudança – não resista a ela.

DESISTA DAS ETIQUETAS: Pare de etiquetar coisas, pessoas ou eventos que você não entende. Pare de chamá-los “estranhos” ou “diferentes”. Tente ‘abrir’ sua mente, pouco a pouco. A mais alta forma de ignorância é quando você rejeita algo sobre o qual não sabe absolutamente nada.

DESISTA DOS SEUS MEDOS: Medo é só uma ilusão. Ele não existe – você o criou. Está tudo na sua mente. Corrija o seu interior e tudo no seu exterior irá se encaixar.

DESISTA DAS SUAS DESCULPAS: Coloque-as em um pacote e atire-as ao lixo. Você não precisa delas. Não raro limitamos a nós mesmos por causa das muitas desculpas que usamos. Ao invés de crescer, trabalhar e focar em melhorar, nos tornamos presos, mentindo para nós mesmos, usando todos os tipos de desculpas.

DESISTA DO SEU PASSADO: Eu sei… é difícil. Especialmente quando o passado parece tão melhor do que o presente – e o futuro parece tão assustador. O passado que você agora está buscando reviver – o passado com o qual você ainda sonha – foi ignorado por quando ele era presente. Tenha em mente que a vida é uma jornada, não um destino.

DESISTA DO APEGO: Este é um conceito que, para a maioria de nós, é tão difícil de compreender, inclusive para mim… mas seu entendimento não é algo impossível. Estou falando do apego que beira o egoísmo extremo, o amor ás coisas materiais, a vontade descontrolada de consumir, de ter o que precisa a qq custo. Livrando-se desse modelo destrutivo de apego, vc dominará a virtude da temperança.

DESISTA DE VIVER SUA VIDA ATRAVÉS DA EXPECTATIVA DE OUTRAS PESSOAS: Muitas pessoas estão vivendo uma vida que não é a vida delas. Vivem de acordo com o que os outros pensam que é melhor para elas; vivem de acordo com o que seus pais, patrões, amigos e até inimigos pensam ser o ‘melhor’ para elas. Ignoram sua voz interior, seu ‘chamado interno’, uma direção intuitiva… tudo pq não acreditam em si mesmas. sentem medo de errar, de não serem bem sucedidas, ou até de morrer. Quem escolheu esse modo de ser, viverá por conta do êxito alheio e morrerá tomando o veneno dos outros. Você tem uma vida – aqui e agora – e você precisa vivê-la, apropriar-se dela. Vc precisa se alegrar por conta dos seus esforços, e se preciso for, se entristecer temporariamente pelos seus erros… que no fundo servem como aprendizado.

Print Friendly, PDF & Email

Facebook Comments