Observando claramente o vídeo da reunião ministerial que o Min. Celso de Melo – achando que iría criar polêmica, apenas ajudou a reeleger Bolsonaro – mandou liberar, pergunto: Ministro será que antes de sua saída do STF, o senhor vai quebrar o sigilo do celular dos advogados do Adélio Bispo e dele também? Vai exigir explicações do TCU pelo uso indevido das verbas liberadas pelo governo federal para o combate ao Covid 19 para municípios e estados e estes estão fazendo a farra do boi com o dinheiro, e nada está sendo resolvido, visto que os principais estados que estão com os mais altos índices de mortalidade e contaminação, são os que mais atacam o governo que cedeu a verba para eles? Será que o senhor vai cobrar do Legislativo – Câmara e Senado – o destrancamento das pautas, projetos, medidas provisórias etc. que para lá foram enviados e estão trancados sei lá em que gaveta? Não! Tenho certeza que não.

O senhor irá sair de cabeça baixa no final de seu tempo a frente do STF com a pecha de ministro que quis desestabilizar o governo atacando sua base, mas, Deus é maior e nada conseguiu, pois, só a mídia vendida que criticou e fez surgir palavras que não tinham, supostas ideias que não surgiram e montarem com isso um discurso vazio e pífio contra o governo.

É a porcaria do Politicamente Correto, sendo usado para destoar a verdade. Foi essa praga que se instalou no Brasil para criar um separatismo mefistofélico onde a chamada esquerda – sim, chamada, pois essa esquerda iPhone que temos é uma piada de mau gosto: corrupta, mentirosa e enganadora – cria nichos para atacar todos e tudo que seja contrário ao ideal de dominação que eles querem impor ao país.

Chamar um negro de negro é ofensa, tem de chamar de Afrodescendente. BABAQUICE. Gays podem vilipendiar imagens sagradas para os Católicos, moer imagem de Nossa Senhora e isso feito por um negro, se masturbar com crucifixo, denegrir a imagem de Jesus colocando uma transformista no seu lugar e para piorar, em um show de um gay, esse dizer que Jesus é BICHA SIM, levando ao delírio um monte de viados ou melhor de Gays, já que VIADO é Politicamente Incorreto – FRESCURA. Quando o presidiário travestido de ex-presidente chamou as mulheres de GRELO DURO, não houve nenhuma mídia que tivesse censurado ou criticado, quiçá questionado. Era o Presidente Lulinha Paz e Amor – Todos bateram palmas – PALHAÇADA.

Mas… quando um presidente hétero, eleito legalmente através do voto, faz uma reunião ministerial e solta alguns palavrões, coisa que eu mesmo também solto e não existe nenhuma lei que diga que isso é crime, vem uma dessas mídias que vendia sua alma ao diabo da esquerda e CONTA QUANTOS PALAVRÕES FORAM DITOS E AINDA ENUMERA QUANTOS O PRESIDENTE FALOU – agora, não teve nenhuma dessas mídias falando das crianças sendo conduzidas de mãos dadas por homens adultos pelados, ou tocando em homens adultos pelados e pior com a presença da mãe e achando isso super normal, desculpe, mas… VÃO A MERDA. Normal é o CACETE. Tanta coisa necessária para se mostrar ao povo via mídia e estes “zé ruelas” com essa papagaiada de politicamente correto

Politicamente Correto deveria ser banido da face do Brasil, da América, da Terra, pois, é apenas um instrumento para se gerar segregacionismo, separatismo, racismo exacerbado, intolerância religiosa e sexual. Politicamente Correto é o que de mais incorreto politicamente podermos ter a nosso redor. É apenas uma ferramenta usada pela esquerda raivosa e pela direita oportunista e corrupta – aí da a mão a esquerda também – para travar reais declamações e questionamentos feitos pelo povo de bem que quer o fim dessas papagaiadas no Brasil, que quer um país limpo, unido e buscando seguir em frente se desenvolvendo cada vez mais como o atual governo assim busca fazer.

#PeloFimDoPoliticamenteCorreto isso que tem de ser levantado, pois essa praga de Politicamente Correto ainda vai destruir nossa sociedade.

Tenho dito

Assine DUNA Press Períodico – Jornalismo Ético, Sério e Informativo
Adquira na Amazon.com em E-book ou Impresso
Print Friendly, PDF & Email

Facebook Comments

Comments are closed.