Esportes

Torcedor do Bahia se inscreve no programa Voluntário Verde e Amarelo

Compartilhar

Emerson Franco aprovou a iniciativa e pretende participar em ações próximas de sua casa e com doações.

“Se o Bahia pedir, faço com o maior prazer”. Foi assim que Emerson Franco, de 34 anos, explicou uma de suas motivações para se inscrever no programa Voluntário Verde e Amarelo, iniciativa do CBF Social junto ao movimento Transforma Brasil, que também foi divulgada por alguns times do país. Apaixonado pelo clube de Salvador e com histórico de participação em ações sociais, ele ressaltou a importância da ideia e de ajudar o próximo neste período de pandemia do Coronavírus.

– Fiquei sabendo da plataforma pelo Twitter do Bahia, pois sou atento ao que o clube que sou apaixonado desde criança posta. É quase uma lei, se o meu Bahia pedir, faço com o maior prazer. Aliado ao meu amor pelo time, o que me motivou a fazer a inscrição foi o prazer de poder ajudar de alguma forma – disse.

Morador de Curitiba, Emerson é economista e participa de ações e doações sempre que pode, incluindo arrecadações de alimentos e agasalhos. Há alguns anos, ele ainda participou do projeto “Me Conte a Sua História”, em que conversava com idosos em asilos da cidade.

– Ajudar o próximo é muito importante, pois sabemos que a vida não é fácil e todos nós estamos sujeitos a adversidades. Sentimos dores, frios e fome, por exemplo, como qualquer outro e se sentir assim não é bom. Por isso busco ajudar sempre que posso. Tenho um filho de 3 anos e, quando vejo algum morador de rua com uma criança, me coloco no lugar – acrescenta.

Neste período difícil que vivemos por conta da pandemia do Covid-19, a solidariedade é considerada fundamental para ajudar pessoas que se encontram em situação de vulnerabilidade. Buscando amenizar os impactos deste momento nas pessoas, o CBF Social iniciou, em parceria com o Transforma Brasil, o projeto Voluntário Verde e Amarelo. Você pode conhecer mais sobre ele aqui.

– Futebol é uma paixão nacional e tem um poder de mobilização inacreditável. É hora de usar essa força que o esporte tem para ajudar a população no combate às mazelas sociais, utilizar esse amor que o povo tem para conseguir motivar os torcedores a ajudar quem precisa. Ideias assim são muito válidas – completou Emerson.

Fonte: CBF

Quando começamos o Press Periódico para tentar trazer a verdade para o resto do mundo, sabíamos que seria um grande desafio. Mas fomos recompensados pela incrível quantidade de suporte e feedback dos leitores que nos fizeram crescer e melhorar.
Faça parte da missão de espalhar a verdade! Ajude-nos a combater as tentativas de silenciar nossas vozes e torne-se um assinante.

Print Friendly, PDF & Email

Compartilhar

Wesley Lima

Colunista associado para o Brasil em Duna Press Jornal e Magazine, reportando os assuntos e informações sobre atualidades culturais, sócio-políticas e econômicas da região.
Botão Voltar ao topo