Desenvolvimento de produtos de combate ao novo coronavírus é debatido por Defesa e Senai

Desenvolvimento de produtos de combate ao novo coronavírus é debatido por Defesa e Senai

O Secretário Geral do Ministério da Defesa, Almirante de Esquadra, Almir Garnier, recebeu nesta quarta-feira (10) o Reitor do Senai-Cimatec Bahia (Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial e Campus Integrado de Manufatura e Tecnologia), Leone Andrade, e o ex-senador Roberto Muniz. A visita tratou da parceria entre o Senai e Defesa para o desenvolvimento de produtos tecnológicos de saúde de combate ao novo coronavírus.

Para essa discussão, também estiveram presentes o Secretário de Produtos de Defesa (SEPROD), Marcos Degaut, e o Diretor do Departamento de Promoção Comercial da SEPROD, General Duizit Brito. No encontro, foi apresentado o projeto do Instituto de Tecnologias da Saúde (IPS), do Senai Cimatec Bahia, voltado para a produção de novas tecnologias e inovação no âmbito da saúde.

Essa é uma das ações do Cimatec em apoio à saúde pública em pesquisa para novos fármacos e está baseado em quatro pilares: produção do produto farmacêutico; terapia avançada; equipamentos, materiais e insumos; regulação e gestão, incluindo a relação com a Anvisa e preparação de empresas para obter a certificação.

O Almirante Garnier lembrou que o Ministério da Defesa está envolvido, por meio da SEPROD, no apoio a manutenção de respiradores juntamente com o Senai, para amparar pessoas contaminadas pelo coronavírus. “O Cimatec tem muito a contribuir. Estamos criando o Hospital das Forças Armadas 4.0 totalmente automatizado e uma farmácia automatizada, coisas que a tecnologia permite”, disse.

“Essa parceria com o Ministério da Defesa é fundamental devido a urgência desse momento da pandemia. A Pasta, no âmbito da Secretaria de Produtos de Defesa, tem estrutura com grande capacidade na base industrial de defesa e consequentemente isso pode ser adaptado para apoiar toda a indústria de saúde”, elogiou o reitor do Senai, Leoni Andrade. Ele ressaltou ainda que o apoio do Ministério da Defesa, no momento de pandemia, é de grande importância.

O ex-senador Roberto Muniz salientou que cada vez mais a engenharia se aproxima da Medicina e o Cimatec apoia a indústria brasileira na área de saúde, com inovação nos institutos Senai. O objetivo é realizar produção nacional de produtos que atualmente são adquiridos por importação. “Entendemos que o Ministério da Defesa é parceiro estratégico para o Senai Cimatec na construção desse novo ambiente que acreditamos que será o futuro da indústria de fármacos”, disse.

Assessoria de Comunicação Social (Ascom)
Ministério da Defesa

Print Friendly, PDF & Email