Ditos ou não Ditos? Eis a Questão…

Ditos ou não Ditos? Eis a Questão…

Acho que já usei o Eis a questão!! Eis a questão… Usando os ditos populares dentro da política, sempre vamos observar algumas situações parecidas.

Ditos Populares são aquelas frases de efeitos que o povo usa para expressar alguma situação e que muitas vezes as coloca de forma errada pelo processo coloquial da linguagem e do velho “Quem conta um conto aumenta um ponto”, ou altera o tal conto. “Quem não tem cão caça com gato”; “Cuspido e Escarrado”; “São os Ossos do Ofício”; “Batatinha quando nasce se esparrama pelo chão”; “Cor de burro quando foge”; “Cada um com seu cada um” e vários outros que encontraremos pelo inconsciente coletivo popular… Mas, o que isso tem a ver com a política? Hoje no Brasil? Tudo.

Os ditos na verdade são outros, como disse o cotidiano acaba tornado Vossa Mercês em “Vosmecê” e daí: “Quem não tem cão caça COMO gato”; “ESCULPIDO EM CARRARA”; “São os ÓCIOS do Ofício”; “Batatinha quando nasce, ESPALHA RAMAS pelo chão”; “CORRO de Burro, quando foge”; Cada um, com seu cada QUAL, e vemos que o sentido se torna outro e ainda continuarão a perguntar o que isso tem a ver com a política? Hoje no Brasil? TUDO.

Vamos analisar: Nossa bendita Constituição Socialista Parlamentarista de 1988 foi criada para distorcer as verdades em benefício, não do povo, mas de uma casta dominante que já conhecemos e já falei em outros textos – OS POLÍTICOS -. Tal casta se aboletou do poder muito mais fortemente a partir de 1982, quando o governo militar já dava sinais de estar “fazendo água”. Já tinha se enfraquecido com a bendita Anistia – Ampla, Geral e Irrestrita e ainda piora permitindo o Pluripartidarismo sem fim, onde começa a pulular partidos fisiológicos, sendo criados com falácia de Ideologia, mas citando Cazuza, – “Ideologia… Eu quero uma pra viver”, pois, ideologia mesmo não vejo nenhuma, em nenhum deles, são “Farinha do mesmo Saco”, apenas divididas em três lados – Esquerda, Direita e Centro, se é que se dividem assim ou se isso é apenas mais uma “Cortina de Fumaça”.

Esta suposta Constituição Cidadã, nas palavras do falecido – em tempo, morte essa que até hoje não se explicou bem como ocorreu, mas, Ah!! Se fosse da Marielle, até hoje estariam enchendo o saco – Ulisses Guimarães, na verdade distorce a “Democracia” com um texto abjeto e totalmente Antidemocrático em seu artigo 1º, Parágrafo Único, onde cita – “Todo poder emana do povo, que o exerce através de seus REPRESENTANTES ELEITOS OU DIRETAMENTE, nos termos dessa constituição.”. Começa aí o “Dito por não dito”.

Por que somente através de seus Representantes Eleitos? E quem são esses Representantes Diretamente? Analisemos: Os primeiros são claros – Os Políticos, e os outros que dizem representarem o povo diretamente, não sendo os eleitos por voto, mas, a falarem pelo povo? Lideranças do MST, MTST, BLACK BLOCKS, ANTIFA, MOVIMENTO NEGRO, MOVIMENTO LGBT etc., etc., etc., e o que eles têm em comum? Todos ligados ao povo do LADO ESQUERDO do muro, sem contar o lado marginal da coisa (lembrando que Marginal é quem está “A Margem da Lei”), que agora começa a determinar cobranças “Na Marra”, à população de localidades aqui no Estado do Rio de Janeiro, por conta de determinados Representantes Diretos, que em vez de preservarem a Constituição, a distorce, sabe-se lá por que, como certa proibição de operações policiais em comunidades do Rio de Janeiro durante a Pandemia, feita através de decisão liminar – ou seja “Provisória”, permitindo assim que tal ato abominável fosse feito por marginais – Já explicado acima o termo, para evitar entendimentos equivocados, não que tal ação não possa ser feita, mas para tal, a burocracia se torna imensa, só cabendo em hipóteses absolutamente excepcionais – mas determinaram que hipóteses seriam essas? – necessitando de justificativa, por escrito com comunicação imediata ao Ministério Público do Rio de Janeiro. Se for para prender alguém, até sair a liberação, o sujeito já estará na Europa.

Isso tudo por conta da morte de um adolescente de 14 anos, no mesmo município onde tal ordem de cobrança acima citada se dará sobre a população e o comércio, tudo organizado com local e data certa para tal prestação de contas, menos o Gás e a “Gatonet” que já tem local certo – viu como o “Crime é Organizado?”.  

Porém, está circulando pela internet, outra versão sobre o tal jovem, onde aparece portando armas de grosso calibre. Sabemos que o Tráfico coopta jovens de comunidades carentes, através da demonstração de poder, de dinheiro etc. Não estou fazendo aqui questões de valores, mas deixo para os leitores pensartem e buscarem na internet tais imagens para a devida comparação.

Podem ser duas pessoas diferentes? Pode, mas, o que me espanta é que sempre que ocorre uma morte de um jovem numa comunidade a polícia sempre é a culpada da coisa, lembremos que existem políticos e partidos que são totalmente favoráveis a extinção da força policial – PM – colocando em seu lugar “Mais iluminação pública”, mas, certos políticos de tal partido sempre pedem escolta policial, o que eu sempre sugiro – Dá uma lanterna poderosa, vai bem a caminho da ideia do tal partido para a defesa do povo.

Como explicar um presidente do Senado que devolve, assim diretamente, sem discussão, sem nenhuma prerrogativa, uma Medida Provisória da Presidência, quando o correto seria fazê-la valer, com votação no prazo de 60 dias, podendo prorrogada por mais 60 e aí sim em não votada, caducaria, mas, ela mexe num vespeiro muito poderoso – Reitores de Universidades Públicas – que possuem determinadas regras, que as vezes não são observadas, como, não possuírem vínculos com partidos políticos, mas temos alguns que o são, bastando para tal fazer uma verificação simples pela internet.

Por que do vespeiro? Por que a mais de 30 anos, coincidentemente como o início já citado da dominação política em nossas vidas normais, temos as universidades tornando-se um celeiro de doutrinação, formando militâncias políticas e coincidentemente sempre de esquerda, visto que o organismo máximo de defesa dos Estudantes, desde 1979 é totalmente controlado pelo PCdoB, exceto por duas presidências que foram do PT.

Muitos são “estudantes profissionais” que vão para os Campi, não para estudar, mas para fazer política estudantil esquerdista, minando assim aquele viés de conhecimento que as universidades formam e tal situação tem um fundo filosófico bem forte – Gramscismo e Marxismo Cultural – como posso afirmar isso? Já estive nesse meio, e saí por observar a forte aproximação do Maoismo com tal viés político estudantil, e com isso vemos a influência da política do P. C. da China de forma sutil e subterrânea neste movimento, desestruturando a educação, sucateando o ensino, aparelhando e tornando extremamente doutrinário tal movimento estudantil.

Vemos aí uma força político judiciária, que busca enfraquecer o atual governo conservador, ensejando a volta do poder às mãos esquerdista como nas últimas décadas, algo bem parecido com o ocorrido em Cuba, Venezuela e se insuflando na Argentina, tentando puxar o Brasil para esse Buraco Vermelho.

Só não contavam com a sobrevivência do Candidato Bolsonaro a facada recebida, pouco tempo antes das eleições, por Adélio Bispo, e outra questão a nos despertar a curiosidade. O afinco com que todos querem saber “Quem Matou Marielle Franco”, mas esses mesmos “quens” não querem que se descubra quem atentou contra o candidato e atual presidente, pois, se estenderem “O fio da Meada”, podem chegar até o Prefeito Celso Daniel, Teori Zavascki, Eduardo Campos etc.

As “Instancias Superiores” defendem “Com unhas e dentes” o sigilo do celular de Adélio Bispo e dos seus Quatro Caríssimos Advogados, mas, facilmente atendem representações para investigarem – STF pode pedir investigação? – deputados e aliados do presidente. Até texto meu já sofreu ação de censura, por ter “Cutucado a onça com vara curta”, quando expus meu pensamento e análise sobre a figura nebulosa de Zumbi, através de texto com várias fontes, mas questionados por que não expus fontes primarias, o que me faz pensar – Onde estão as fontes primarias do movimento negro que alega toda a história desse Herói da luta contra a escravidão no Brasil, mas que tinha escravos em Palmares? Ou seja, “Enfiar o dedo na ferida” da esquerda doutrinária que domina tais Movimentos onde estão os Representantes Diretos do povo como citado acima na constituição, mostrando a aproximação ideológica ou melhor Fisiológica de tais movimentos com a Esquerda Política Doutrinarista de nosso país, é igual a Elefante – “Incomoda muita gente”.

Nenhum deles se manifestou contra o absurdo do ACAMPAMENTO LULA LIVRE em Curitiba, no período em que o Eneadedálico, lá esteve “hospedado”, mas, expulsaram todos os acampamentos de apoiadores do presidente de Brasília, ou seja, incomodar a população que paga impostos, com bagunça, balburdia, manifestação pró condenado em segunda instância pode, mas manifestações perto do “Triângulo das Bermudas” não? (Triângulo das Bermudas = Praça dos Três Poderes, onde tudo que é bom para o povo SOME, como lá no seu semelhante no Oceano Atlântico).

O que observamos hoje no nosso país é uma metralhadora rotativa de ações contra o governo eleito democraticamente e que acabou com a “Farra do Boi” nas terras Brasilienses, estendidas ao resto do país, pois, temos aí 531 dias de ações governamentais SEM CORRUPÇÃO ATIVA, um marco na história política do país.

Ações arbitrárias, medidas provisórias que favoreceriam o povo diretamente como a Carteira de Estudante Digital e gratuita e o Décimo Terceiro para o Bolsa Família, por exemplo, deixaram caducar, pois a primeira retiraria das avidas mãos da UNE e indiretamente do PCdoB essa fonte de renda farta e fácil de conseguir, e a segunda, jamais poderia ocorrer, pois esse populismo só a esquerda pode conceder, na cabeça doentia deles. Sem contar um Judiciário que diuturnamente inventa alguma coisa para atrapalhar o governo ou dificultar sua atuação, assim como ocorre no Congresso. E pergunto, onde o Estado Democrático de Direito tão apregoado e falado está, que tais instituições não deixam o Executivo governar o país em meio a esse caos da pandemia? Vejo tais “Mi ne aprobas” ocorrerem por parte desses, contra todas as ações que possam se intrometer e interferir no governo para emperrá-lo (em tempo, a citação é em Esperanto).

Como citado acima, o povo, pela constituição, é apenas uma criança a ser conduzida e direcionada pelos seus tutores legais, eleitos ou diretamente – políticos e líderes de movimentos – tendo seu direito, democraticamente fincado pela tradição, esvaziados pelo texto aprovado pelos mesmos políticos, na Assembleia Constituinte.

Em 1964 o povo foi as ruas para barrar o avanço do esquerdismo no Brasil, pois a constituição de 1946 era bem direta em seu artigo Primeiro – “O Poder emana do povo e em seu nome é exercido”, não tinha tutores, representantes, o Real Estado Democrático de Direito era ali expresso. Diferente do que vemos hoje, quando um ministro do STF em mais uma “decisão liminar” ou seja Provisória, afirma que o art 142 não permite que as Forças Armadas intervenham nos poderes constituídos, isso a pedido do PDT, um partido que pertence ao Foro de São Paulo e que teve seu candidato na eleição presidencial de 2018, isso visto no site do partido, apoiado pelo Partido Comunista da China, o que é, em minha humilde visão, algo fora da lei.

Porém tal ministro esquece que as Forças Armadas estão “Sob a autoridade suprema do Presidente da República”, ou seja, a Chefia de Estado, chefia esta pertencente EXCLUSIVAMENTE ao Presidente da República, e como tal possui tal poder inalienável, ou seja, mais uma interferência no Executivo. Se estivéssemos numa monarquia o STF já estaria fechado e o parlamento dissolvido, por intervirem e interferirem na ação direta do Chefe de Governo, “Doa, em quem Doer”.

Diz o dito popular, “Quem tem boca, VAIA Roma”, eu mudaria para Vaia o STF, Vaia o Congresso, Vaia os partidos, todos. Vaia os ditos movimentos sociais, que de sociais nada tem, Vaia. Porém, se separarmos a palavra vaia, isso pode gerar uma situação ofensiva, mas, às vezes, cabe um Vai a m…

Só queremos que deixem o Executivo governar, o Legislativo fazer leis em prol do povo e do país para crescermos e o Judiciário, não invente leis ou modismos de leis, mas apenas julguem e Defendam a Constituição, não a rasgue.

Queremos apenas viver e ser feliz, podermos aproveitar o que de bom o Brasil tem a favor de seu povo. Não sermos furtados de nossos valores, cultura, hábitos, religiosidades, liberdades, enfim, sermos um país que possa progredir.

Alea Jacta Est. Só precisamos que “Deixem o Barco Correr”

Fonte da Imagen – https://brasilescola.uol.com.br/curiosidades/30-ditados-populares-seus-significados.htm
Contar hoje com uma mídia isenta, ética e informativa é a busca de todo leitor. Somos o DUNA Press Jornal. Uma Agência de Notícias on-line. Trabalhamos com informações gerais que podem ser lidas por toda a família, em uma abordagem que prima pela ética e pelo respeito ao leitor. Torne-se um assinante de nosso Jornal.
Clique no link abaixo para assinar
Experimente por 7 dias Gratuitos – Nossos Valores de Assinatura
– US 1,00 mensal.
– US 10,00 anual (com todos os benefícios nesta opção, Press, Magazine, artigos científicos diversos, entre outros acessos).

DUNA Press Jornal – Jornalismo Ético, Sério e Informativo.
Adquira na Amazom.com em E-book e Impresso
Print Friendly, PDF & Email