Efeito Manada- O que significa?

Efeito Manada- O que significa?

Trago hoje aos leitores uma reflexão sobre o famoso “Efeito Manada” algo cada vez mais decorrente em nossa sociedade, causado pela necessidade de aceitação nos mais variados grupos da sociedade, e que atinge em sua grande maioria, jovens ainda em formação de seu caráter e identidade.

O que é o Efeito Manada?

O conceito desse comportamento humano comparado ao dos animais irracionais, vem como forma de ilustrar a maneira como podemos ser influenciados pela sociedade a nossa volta, a agir muitas vezes de forma irracional, ou de maneira que normalmente não agiríamos caso estivéssemos sozinhos.

  Desde os primórdios da convivência humana em sociedade, temos embutida em nós uma necessidade de agradar, de sermos aceitos como se isso de alguma forma, trouxesse uma sensação maravilhosa de que todos nos amam e que somos amigos ou companheiros perfeitos.

  Como dito anteriormente, isso é muito comum de ser observado entre grupos de jovens ou adolescentes com um mundo de caminhos e possibilidades a frente, estão em formação de suas identidades e agarram-se em causas ou ideologias que melhor julgam serem parecidas com sua forma de pensar, muitas vezes antes mesmo de fazerem uma reflexão sobre o motivo de estarem engajando-se em qualquer ideologia.

  Além disso há o medo da repressão, e para ilustrar tal medo, contarei uma pequena história:

João é um adolescente que adora estar entre amigos para se divertir e esquecer um pouco todas as preocupações que a vida lhe impõe. Um certo dia, a professora de João anuncia que uma prova seria aplicada na semana seguinte, o garoto imediatamente seguindo seus princípios pensa em deixar um pouco de lado a diversão com os amigos para dedicar-se ao estudo da matéria ao longo da semana anterior à prova. Mas seus amigos não pensam como ele, e imediatamente convidam João para aquela cerveja e farra, Estudar? Pra quê João? Você vai deixar de curtir com a gente pra ficar com  a cara enfiada nos livros?! Deixa disso! João com medo de desagradar os amigos então, faz algo que normamente em uma atitude mais racional ele não faria, esquece totalmente suas responsabilidades e vai beber como se não houvesse amanhã.

  No outro dia, de ressaca, João vai fazer a prova e simplesmente não consegue manter o foco no que faz. Resultado: João é reprovado na matéria e passa o resto dos dias que antecedem a recuperação se lamentando que não deveria ir pela cabeça dos outros.

 Outra ilustração desta vez com adultos:

Mariana vive se lamentando de que trabalha exaustivamente o mês todo porém seu dinheiro parece nunca sobrar, ao contrário disso, ela sempre acaba criando dívidas e mais dívidas então ela decide cortar seus gastos supérfluos e poupar seu dinheiro.

  Dias depois, Mariana é convidada por suas colegas de trabalho a dar uma volta no shopping, e entre idas e vindas o grupo se vê diante de uma vitrine extremamente atrativa, todas as outras tem uma ótima condição financeira, e podem pagar usando um de seus vários cartões de crédito, porém Mariana já não pode dizer o mesmo, ela até recorda o seu propósito de poupar, mas o medo de ser vista como “mão de vaca” a faz criar mais uma dívida  a sua extensa lista de coisas a pagar.

  Desta forma podemos perceber que o medo de não causar uma boa impressão, nos leva a atitudes que com dois ou três minutos de reflexão não cometeríamos.

  A intenção não é retratar amigos e colegas como vilões e destruidores da moral, e sim mostrar até onde o chamado Efeito Manada pode nos levar, desta maneira onde quer que estejamos, é necessário ter firmeza na defesa de seus princípios fazendo inclusive com que as pessoas que realmente querem ver seu crescimento, estejam perto de você, pois são esses que te entenderão apesar das diferenças e acima de tudo terão respeito por você.

Imagem de destaque: Freepik

Print Friendly, PDF & Email