Técnicos da Agricultura de São Paulo participam de debate sobre economia solidária

Técnicos da Agricultura de São Paulo participam de debate sobre economia solidária

Roda de conversa organizada pela Associação Paulista de Extensão Rural será realizada nesta quinta-feira (18), às 17h.

“Dádiva e Economia Solidária” serão os temas da roda de conversa organizada pela Associação Paulista de Extensão Rural (Apaer) nesta quinta-feira (18), às 17h, com participação dos técnicos da Secretaria de Agricultura de Abastecimento Osmar Mosca Diz e Maria Cláudia Silva Garcia Blanco. Para participar, basta acessar o link: https://meet.google.com/mpr-qyor-izc.

O engenheiro agrônomo Osmar Mosca Diz é responsável pelo Projeto Fazendinha Feliz, com área para treinamentos instalada na sede da Coordenadoria de Desenvolvimento Rural Sustentável (CDRS), da pasta, em Campinas.

Já Maria Cláudia Silva Garcia Blanco, que também atua na CDRS, é especialista em ervas medicinais e aromáticas e fitoterapia, bem como responsável pelas capacitações nesse segmento e também pelo horto medicinal na sede da instituição.

A roda de conversa abordará metodologias de extensão para construção de redes sociotécnicas caracterizadas pela cooperação e solidariedade, tipificada como reciprocidade, entre os diferentes atores que integram essas redes e destes com o meio ambiente.

“Trata-se de atividades que viabilizaram trabalho, renda e convivência. O objetivo é tirar ensinamentos dessas experiências”, explica o vice-presidente da Associação, Abelardo Gonçalves Pinto, funcionário aposentado da Divisão de Extensão Rural, da Secretaria.

Debate

O assunto “Dádiva e Economia Solidária” é explicado pelos organizadores. “A dádiva se caracteriza pela tripla obrigação: dar, receber e retribuir. Refere-se a uma forma sociológica em que toda prestação de serviços ou produção de bens é efetuada com o intuito de criar, manter ou reconstituir o vínculo social”, salientam.

Além da Apaer, está envolvida na organização a Rede de Economia Solidária da Baixada Santista, que organiza há vários anos o Fórum de Economia Solidária da Baixada Santista, envolvendo diversos órgãos e parceiros.

Os temas propostos para discussão e debate são as experiências: Rede de Agroecologia do Leste Paulista; rede de cooperação do Projeto Fazendinha Feliz (criação de abelhas sem ferrão e escola na horta); e rede de cultivo de plantas medicinais e fitoterápicos. Os dois últimos são projetos da Secretaria de Agricultura viabilizados pela CDRS – Divisão de Extensão Rural.

Fonte: Governo de São Paulo

Quando começamos o Press Periódico para tentar trazer a verdade para o resto do mundo, sabíamos que seria um grande desafio. Mas fomos recompensados pela incrível quantidade de suporte e feedback dos leitores que nos fizeram crescer e melhorar.
Faça parte da missão de espalhar a verdade! Ajude-nos a combater as tentativas de silenciar nossas vozes e torne-se um assinante.

Print Friendly, PDF & Email