São Paulo: Estudantes da rede municipal contam com apoio psicológico on-line durante a pandemia

São Paulo: Estudantes da rede municipal contam com apoio psicológico on-line durante a pandemia

Núcleo de Apoio e Acompanhamento para Aprendizagem da Cidade de São Paulo atende alunos por meio de site.

Os estudantes da rede municipal de educação contam com apoio psicológico do Núcleo de Apoio e Acompanhamento para Aprendizagem (Naapa) ainda durante a quarentena por meio de um novo ambiente online.

O projeto é vinculado à Secretaria Municipal de Educação e atua por meio de 13 diretorias regionais. Ele oferece com psicopedagogos e psicólogos orientações aos estudantes que são encaminhados pelas unidades escolares especialmente com dificuldades na aprendizagem, derivadas de problemas familiares, sociais e emocionais.

Agora, durante o período de distanciamento social e com as aulas a distância, o acompanhamento é crucial para manter o vínculo do jovem com a escola e para auxiliar nas dificuldades impostas pelo isolamento. O Naapa conta com um site para fazer o meio de campo entre os estudantes e os profissionais.

“O resultado que nós esperamos com o site é de fato salvar vidas, é levar um pouco de solidariedade e esperança para os nossos alunos nesse momento de confinamento, dizer aos alunos e às equipes gestoras, aos professores e famílias que podem continuar contando conosco”, diz Ana Claudia de Paula, coordenadora na região de Santo Amaro. “O atendimento é sempre um acolhimento, uma escuta, que vai influenciar no seu relacionamento com seus familiares e colegas”.

Danos da quarentena

Para a professora Ironi Cerbelo de Almeida, o apoio é essencial para a contenção dos danos que o Coronavírus está deixando na vida dos alunos. “Com a pandemia, tememos que o sofrimento para as crianças é maior. Algumas crianças nos procuram, para outras precisamos ter um olhar mais atento e é muito importante ter a quem pedir ajuda”.

Ironi, que dá aula para a educação infantil e também para o ensino fundamental, relembra o sofrimento dos alunos que perderam familiares e amigos para a covid-19. “Tivemos casos de alunos que mudaram o comportamento da noite para o dia porque perderam os avós ou mesmo os pais. Esses momentos existem e não podemos ficar indiferentes às covas abertas. Precisamos que esses grupos possam multiplicar para que possamos passar por isso juntos”.

Fonte: Prefeitura de São Paulo

Quando começamos o Press Periódico para tentar trazer a verdade para o resto do mundo, sabíamos que seria um grande desafio. Mas fomos recompensados pela incrível quantidade de suporte e feedback dos leitores que nos fizeram crescer e melhorar.
Faça parte da missão de espalhar a verdade! Ajude-nos a combater as tentativas de silenciar nossas vozes e torne-se um assinante.

Print Friendly, PDF & Email