Esportes

Bottas diz que “esquivou-se de muitas balas” para ganhar o Grande Prêmio da Áustria

Ele pode ter liderado todas as voltas, mas Valtteri Bottas diz que teve que “esquivar-se de muitas balas” para conquistar a vitória no Grande Prêmio da Áustria de abertura da temporada, pois sobreviveu à pressão do companheiro de equipe Mercedes e atual campeão Lewis Hamilton, além de três aparições do Safety Car e problemas “críticos” da caixa de velocidades.

O finlandês saiu da pole, liderando confortavelmente Max Verstappen, da Red Bull, nos estágios iniciais, antes que seu companheiro de equipe Hamilton subisse a ordem – depois que uma penalidade de três lugares o colocou em quinto – para encher seus espelhos enquanto a batalha pela vitória esquentava.

Uma série de carros de segurança – quando Kevin Magnussen, George Russell e Kimi Raikkonen abandonaram – aumentou a tensão, enquanto a Mercedes disse aos dois pilotos para se afastarem dos freios por causa de problemas na caixa de câmbio.

Mas Bottas permaneceu gelado e obteve sua oitava vitória na carreira.

“Houve definitivamente muita pressão durante a corrida. Um Safety Car estava bom, mas no último Safety Car eu estava tipo ‘vamos lá de novo?’ ”

“Havia tantas oportunidades para Lewis assumir a liderança se eu cometesse um pequeno erro e ele fosse muito rápido hoje, mas eu consegui mantê-lo unido, consegui realmente controlar a corrida do meu lado, e obviamente não há melhor maneira de começar a temporada”.

A Mercedes moveu-se para desligar os motores de ambos os carros, quando ficou claro que eles estavam em uma liga própria, mas então os avisos da equipe vieram pelo rádio de que era “crítico”.

“Tivemos que administrar bastante o carro, então não pude realmente usar todos os freios”, diz Bottas. “Em algum momento, fiquei um pouco preocupado se tudo ia dar certo, mas estou feliz por termos terminado com os dois carros, estamos liderando a classificação da equipe e é um bom começo”.

Bottas agora detém uma vantagem de 13 pontos sobre o atual campeão Hamilton, que cruzou a linha em segundo, mas terminou em quarto, após uma penalidade de cinco segundos por fazer contato com Alex Albon, da Red Bull, na luta pelo segundo lugar.

1254405363
Fonte: Fórmula 1

Quando começamos o Press Periódico para tentar trazer a verdade para o resto do mundo, sabíamos que seria um grande desafio. Mas fomos recompensados pela incrível quantidade de suporte e feedback dos leitores que nos fizeram crescer e melhorar.
Faça parte da missão de espalhar a verdade! Ajude-nos a combater as tentativas de silenciar nossas vozes e torne-se um assinante.

Print Friendly, PDF & Email

Wesley Lima

Colunista associado para o Brasil em Duna Press Jornal e Magazine, reportando os assuntos e informações sobre atualidades culturais, sócio-políticas e econômicas da região.
Botão Voltar ao topo