fbpx
News

Prefeitura lança o Plano de Turismo Municipal da Cidade de São Paulo

Compartilhar

A iniciativa é o resultado do trabalho conjunto de equipes da Secretaria Municipal de Turismo, da Spturis e do Conselho Municipal de Turismo.

A Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Turismo e do Conselho Municipal de Turismo, lançou, nesta quinta-feira (16), o Plano Municipal de Turismo – PLATUM. A iniciativa é fruto das discussões realizadas entre os dias 16 e 17 de agosto de 2019, durante a 1ª Conferência Municipal de Turismo – Confetur, em São Paulo.

“Temos certeza de que,  com o lançamento do Platum, vamos trabalhar de maneira ordenada o turismo em São Paulo, com ajuda da Prefeitura e da Câmara. Vamos melhorar o city tour que já existe, teremos ônibus adaptados para esta atividade. Os guias, que já são bilíngues, serão trilíngues. O objetivo da Secretaria Municipal de Turismo é elaborar a política pública dessa área. São Paulo é uma cidade com 12 milhões de habitantes, multicultural, com infraestrutura turística como hotéis, aeroportos, rodoviárias e povo receptivo. É o primeiro destino do Brasil. O segundo mais procurado pela plataforma Google”, afirmou o secretário municipal de Turismo, Miguel Calderaro, que representou o prefeito Bruno Covas.

+ O documento, lançado virtualmente, pode ser consultado aqui. 

Sobre a Confetur

O evento reuniu mais de 500 participantes e contou com painéis temáticos sobre turismo, além de ampla discussão dos grupos de trabalho sobre as propostas levantadas nas etapas anteriores. Ao final, foram aprovadas 178 propostas, distribuídas em 15 objetivos estratégicos:

1. Fortalecer a capacidade institucional técnica-administrativa por meio da infraestrutura organizacional e ampliação de recursos (humanos e financeiros).
2. Fortalecer a capacidade institucional de inteligência de dados por meio de sistemas de monitoramento e avaliação.
3. Fortalecer a capacidade institucional de governança por meio de parcerias com organizações do poder público, da iniciativa privada e do terceiro setor.
4. Promover o reconhecimento e a valorização de São Paulo como uma cidade turística.
5. Estabelecer e divulgar um calendário de eventos unificado da cidade.
6. Definir e implantar política pública de desburocratização e apoio a eventos.
7. Fomentar e apoiar segmentos temáticos e nichos (compras, cultural, gastronômico, religioso, étnico, esportivo, ecoturismo, LGBTI, infantil, dentre outros) existentes.
8. Incentivar o desenvolvimento territorial do turismo na cidade.
9. Fomentar o turismo nos Polos de Ecoturismo de Parelheiros/Marsilac/Ilha do Bororé e da Cantareira.
10. Reativar o território do Triângulo SP, no centro histórico de São Paulo.
11. Ampliar e aprimorar a infraestrutura turística de mobilidade e acessibilidade.
12. Ampliar, aprimorar e promover os serviços turísticos.
13. Promover o aprimoramento da hospitalidade para que o turista se sinta acolhido.
14. Fortalecer a imagem de São Paulo como destino turístico de relevância nacional e internacional.
15. Aumentar o consumo da oferta turística de São Paulo por turistas e moradores.

No documento, é possível enxergar com clareza a visão de que o turismo é uma atividade importante e estratégica para o desenvolvimento econômico e social de qualquer capital mundial cosmopolita, como São Paulo.

Foto: Jose Cordeiro/SPTuris
Fonte: Prefeitura de São Paulo

Quando começamos o Press Periódico para tentar trazer a verdade para o resto do mundo, sabíamos que seria um grande desafio. Mas fomos recompensados pela incrível quantidade de suporte e feedback dos leitores que nos fizeram crescer e melhorar.
Faça parte da missão de espalhar a verdade! Ajude-nos a combater as tentativas de silenciar nossas vozes e torne-se um assinante.

Print Friendly, PDF & Email

Wesley Lima

Colunista associado para o Brasil em Duna Press Jornal e Magazine, reportando os assuntos e informações sobre atualidades culturais, sócio-políticas e econômicas da região.

Artigos relacionados

Verifique também
Fechar
Botão Voltar ao topo
Translate »