Inovação da rede Ebserh impulsiona estudo multicêntrico sobre tratamento cirúrgico para suor excessivo

Inovação da rede Ebserh impulsiona estudo multicêntrico sobre tratamento cirúrgico para suor excessivo

Administração central da estatal foi creditada em artigo científico publicado em revista internacional.

Composta por 40 hospitais universitários federais, a Rede Ebserh tem a possibilidade de intensificar o compartilhamento de experiências, boas práticas e estudos científicos, práticas que impulsionam os resultados positivos. Esse é o caso de um estudo multicêntrico sobre técnicas cirúrgicas para tratamento de hiperidrose (suor excessivo), com a participação de diversas instituições, incluindo quatro unidades da Rede Ebserh.

A coordenadora de Formação Profissional da Rede Ebserh, Caroline Valero, explica que a atuação da equipe da administração central da estatal foi justamente aplicando sua atuação como rede. “Nossa contribuição no estudo foi identificar e capitanear os hospitais da rede em condições de participarem como centros da pesquisa. Esse papel articulador da administração central com instituições externas e nossos hospitais é fundamental para fomentar as pesquisas multicêntricas na Rede”, disse.

A técnica consiste em corrigir a hiperidrose compensatória, um efeito colateral que pode ocorrer após a primeira cirurgia para tratar o suor das mãos e axilas, em que o paciente passa a suar em demasia nas costas e abdômen. Nesta técnica, é feito o tratamento cirúrgico através de videotoracoscopia (técnica cirúrgica que utiliza um toracoscópio acoplado a um sistema de microcâmera e monitor de vídeo para a visualização da cavidade pleural), corrigindo o problema e apresentando enorme grau de satisfação aos pacientes.

Segundo a pesquisadora do Hospital das Clínicas da Universidade Federal de Minas Gerais (HC-UFMG/Ebserh), Marina Varela, que participa do estudo, se confirmarem as premissas da pesquisa, haverá um grande benefício para os portadores de hiperidrose, que são em torno de 2% da população. Ela ressalta a importância do trabalho multicêntrico. “O alinhamento da Ebserh no intuito de incentivar o conceito da colaboração científica para a realização de estudos multicêntricos contribui para a coleta de dados de alta qualidade e publicações de resultados válidos e confiáveis”, avaliou Marina Varela.

Coordenado pelo pesquisador Miguel Lia Tedde, do Instituto do Coração (Incor), de São Paulo, o estudo preliminar foi publicado na revista Contemporary Clinical Trials Communications. A publicação desse um artigo em revista científica internacional, que inclui créditos para a administração central da Ebserh reforça a importância da atuação em rede. O artigo traz o resultado parcial da pesquisa na área de cirurgia torácica, pois, por conta da pandemia de Covid-19, a maioria das cirurgias eletivas foram suspensas nos hospitais. Dos 200 participantes prospectivos, 96 foram submetidos ao procedimento.

Pela Rede Ebserh, participam do estudo o Hospital Universitário de Brasília (HUB-UnB/Ebserh), no Distrito Federal; o Hospital Universitário Getúlio Vargas (HUGV-Ufam/Ebserh), em Manaus (AM); o Hospital das Clínicas (HC-UFMG/Ebserh), em Belo Horizonte (MG); e o Hospital Universitário da cidade de Dourados (HU-UFGD/Ebserh), no MS.

Acesse o artigo científico.

Sobre a Ebserh     

Desde dezembro de 2015, o HUAC-UFCG é filiado à Rede Ebserh. A Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh), vinculada ao Ministério da Educação (MEC), foi criada em 2011 e, atualmente, administra 40 hospitais universitários federais, apoiando e impulsionando suas atividades por meio de uma gestão de excelência.

Como hospitais vinculados a universidades federais, essas unidades têm características específicas: atendem pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS), e, principalmente, contribuem para a formação de profissionais de saúde e o desenvolvimento de pesquisas. Devido a essa natureza educacional, os hospitais universitários são campos de formação de profissionais de saúde. Com isso, a Rede Ebserh atua de forma complementar ao SUS, não sendo responsável pela totalidade dos atendimentos de saúde do país.

Fonte: gov.br / Imagem em destaque: Mec

Contar hoje com uma mídia isenta, ética e informativa é a busca de todo leitor. Somos o DUNA PRESS JORNAL. Uma Agência de Notícia On-Line, trabalhando com informações gerais que podem ser lidas por toda a família, em uma abordagem que prima pela ética e pelo respeito ao leitor. Torne-se um assinante de nosso jornal clicando no banner abaixo:

– U$ 1,00 mensal

– U$ 10,00 anual (com todos os benefícios nesta opção – Press, Magazine, artigos científicos diversos, entre outros acessos)

DUNA Press Jornal – Jornalismo Ético, Sério, Educativo e Informativo.

Print Friendly, PDF & Email