Esportes

Perez “não fez nada de errado”, diz o chefe da Racing Point

Otmar Szafnauer, chefe da Racing Point, defendeu Sergio Perez depois que o piloto contraiu o coronavírus, insistindo na sexta-feira antes do GP da Grã-Bretanha que o piloto de 30 anos tomou “todas as precauções” ao visitar sua mãe em casa no México.

Perez vai perder o Grande Prêmio da Inglaterra deste fim de semana, quebrando uma série de 172 corridas que começou com o Grande Prêmio da Europa de 2011, quando testou positivo para o Covid-19 na quinta-feira, com o ex-piloto da Renault Nico Hulkenberg entrando em seu lugar neste final de semana.

Perez, que diz não estar sentindo nenhum sintoma, revelou que voltou para casa no México após o GP da Hungria para visitar sua mãe e, quando questionado sobre isso na sexta-feira, Szafnauer disse que seu piloto não quebrou nenhuma regra durante a viagem.

“Não acho que Checo tenha feito algo errado ao voltar para sua família, ele tomou todas as precauções. Eu acho que não é diferente da Ferrari voltar para a Itália, por exemplo”, disse Szafnauer.

“Não temos cláusulas no contrato em que ele precise pedir permissão para voltar à família. Acho que a família dele estava no México e não é uma surpresa que ele tenha voltado ao México, foi o que ele fez para sempre enquanto dirigia para nós.”

“No entanto, discutimos como ele estava voando para lá e para trás. Era sempre por meio de vôo particular, nunca comercialmente. Portanto, não há problema com isso”.

GP2004_1100000A4A5131_15.jpg
Nico Hulkenberg está de volta à F1 – pelo menos neste final de semana, como substituto de Sergio Perez

“Ele está bem, vamos checá-lo diariamente, enviar um médico para ele – ele está em quarentena agora – e só precisamos garantir que o vírus saia do seu corpo e ele volte logo”.

Szafnauer também revelou que dois membros da Racing Point – assistente pessoal e fisioterapeuta de Perez – viajaram com ele, mas tiveram resultados negativos para o vírus. Mesmo assim, eles também estarão em quarentena.

O diretor da equipe acrescentou que não estava “certo” se Perez teria que ficar em quarentena por sete ou 10 dias após o resultado positivo do teste, o que significa que ele também poderia ter que ficar de fora do próximo GP de Silverstone, na próxima semana.

Se o mexicano precisa perder o Grande Prêmio do 70º Aniversário , Szafnauer confirmou que Hulkenberg assumirá o seu lugar mais uma vez.

Fonte: Fórmula 1

Quando começamos o Press Periódico para tentar trazer a verdade para o resto do mundo, sabíamos que seria um grande desafio. Mas fomos recompensados pela incrível quantidade de suporte e feedback dos leitores que nos fizeram crescer e melhorar.
Faça parte da missão de espalhar a verdade! Ajude-nos a combater as tentativas de silenciar nossas vozes e torne-se um assinante.

Print Friendly, PDF & Email

Wesley Lima

Colunista associado para o Brasil em Duna Press Jornal e Magazine, reportando os assuntos e informações sobre atualidades culturais, sócio-políticas e econômicas da região.
Botão Voltar ao topo