Ricciardo mirando o pódio após ‘genuíno’ P3 no segundo treino em Silverstone

Ricciardo mirando o pódio após ‘genuíno’ P3 no segundo treino em Silverstone

Daniel Ricciardo terminou a apenas 1,1s do terceiro colocado Charles Leclerc no Grande Prêmio da Inglaterra na semana passada. E o australiano tem o pódio bem na mira para o Grande Prêmio do 70º aniversário em Silverstone depois de terminar “um genuíno” – em suas palavras – P3 no Treino Livre 2.

Ricciardo terminou FP1 em 17º – “foi… uma sessão um pouco descartável”, explicou ele depois, “estávamos fazendo alguns testes” – mas deu uma volta forte com o pneu C4 mais macio no FP2 para terminar a sessão como o corredor não Mercedes mais rápido, 0,815s atrás de Lewis Hamilton, mas uma posição e 0,016s à frente de seu ex-companheiro de equipe da Red Bull, Max Verstappen.

“Foi bom!” disse Ricciardo após a sessão. “Nós saímos lá, eu fiz outra corrida com força e foi uma corrida muito boa e depois achei uma boa parte, um pedaço, com força também, então foi legal. Karel, meu engenheiro, disse: ‘Esse é o P3’, e eu disse, ‘Tudo bem, vamos fazer isso no quali!’.

“Mas é bom. Mesmo que seja apenas prática, com certeza isso faz todos se sentirem bem. É melhor ter um dia no P3 do que um dia no P16 ou algo assim, então definitivamente vamos aceitar”.

Questionado sobre quais eram as suas possibilidades de terminar na mesma posição P3 – ou superior – na corrida de domingo, entretanto, Ricciardo respondeu: “Se fizermos o que fizemos esta tarde, então sim. E acho que isso foi genuíno para as condições da pista. Fizemos algumas mudanças durante a sessão e realmente senti um grande passo com uma das mudanças que fizemos, e pensei, ‘Este é um carro de corrida muito bom agora’.

“Então eu acho que podemos aguentar firme. Veremos. Se estivermos aqui em quali, acho que ainda ultrapassaria o que provavelmente é nossa expectativa agora, mas acho que ainda podemos fazer um trabalho muito bom”.

O companheiro de equipa de Ricciardo, Esteban Ocon, terminou o FP2 na 10ª posição, cerca de meio segundo atrás do australiano, mas disse que se sentiu encorajado pelo ritmo de Ricciardo depois do que tinha sido um dia experimental para a equipe.

“Testamos muitas coisas diferentes nos carros”, disse ele. “É bom ver que somos capazes de estar entre os 10 primeiros, obviamente, e ver o Daniel colocar isso aí é muito bom. Significa que o carro tem velocidade. Claro que só FP2, precisamos fazer isso amanhã, mas vai ser bom revisar tudo o que testamos hoje”.

Campeonato Mundial de Fórmula 1
Ocon e Ricciardo fizeram muitos testes de sexta-feira

“Mudamos muitas coisas [desde o fim de semana passado]”, acrescentou Ocon, “especialmente a confirmação de coisas entre os carros, e temos algumas coisas que continuaremos e outras que não vale a pena continuar”.

“Então foi bom no geral; acho que temos um bom conhecimento dos pneus também. Não é fácil trabalhar com a escolha mais macia neste fim de semana, especialmente com a temperatura. Então, acho que hoje foi o dia mais fácil, e amanhã vai ser mais difícil”.

Fonte: Fórmula 1

Quando começamos o Press Periódico para tentar trazer a verdade para o resto do mundo, sabíamos que seria um grande desafio. Mas fomos recompensados pela incrível quantidade de suporte e feedback dos leitores que nos fizeram crescer e melhorar.
Faça parte da missão de espalhar a verdade! Ajude-nos a combater as tentativas de silenciar nossas vozes e torne-se um assinante.

Print Friendly, PDF & Email