News

São Paulo: Sabesp amplia tratamento de esgoto em Santo André

Volume de esgoto tratado passa de 42% para 62% em menos de um ano de atuação da companhia no município.

Na última quarta-feira (5), a Sabesp entregou à população de Santo André dois córregos despoluídos graças às obras de ampliação do serviço de esgotamento sanitário executadas pela companhia no município.

Os córregos Itrapoã e Utinga foram recuperados depois do aumento da coleta para 37 mil imóveis, beneficiando cerca de 150 mil moradores da região e, junto com outras ações, elevando de 42% para 62% o índice de tratamento de esgoto em menos de um ano.

Quando a Sabesp assumiu os serviços de água e esgoto do município, a cidade tratava 441 litros de esgoto por segundo, atendendo 189 mil moradores. Com a conclusão das obras, que despoluíram os córregos Itrapoã e Utinga e com outras ações executadas pela companhia, o volume tratado aumentou em mais 210 l/s, alcançando outros 218 mil andreenses.

Com isso, a população atendida pela coleta e tratamento de esgoto chega a 407 mil moradores de Santo André e o total de esgoto tratado passa para 651 litros por segundo.

A despoluição dos córregos contribui para o Projeto Tietê, ao reduzir o volume de esgoto que chega ao principal curso d’água paulista através do rio Tamanduateí. Com investimentos de R$ 450 mil, as obras para livrar os córregos de esgoto foram iniciadas em novembro de 2019 e consistiram na implantação de coletores e na execução de conexões dos imóveis.

Fonte: Governo de São Paulo

Quando começamos o Press Periódico para tentar trazer a verdade para o resto do mundo, sabíamos que seria um grande desafio. Mas fomos recompensados pela incrível quantidade de suporte e feedback dos leitores que nos fizeram crescer e melhorar.
Faça parte da missão de espalhar a verdade! Ajude-nos a combater as tentativas de silenciar nossas vozes e torne-se um assinante.

Print Friendly, PDF & Email

Wesley Lima

Colunista associado para o Brasil em Duna Press Jornal e Magazine, reportando os assuntos e informações sobre atualidades culturais, sócio-políticas e econômicas da região.
Botão Voltar ao topo