Chineses estão tentando anexar o Brasil

Chineses estão tentando anexar o Brasil

Precisamos desenvolver ao máximo nosso senso de patriotismo e evitar que chineses tomem o controle de nosso país. 

Na verdade, temos de fazer com que desistam do Brasil. Estão muito enraizados em Brasília. Uma boa medida para começar é a de evitar comprar produtos deles, principalmente automóveis, setor que representa uma indústria grande, inserida numa cadeia de produção enorme e cheia de elos.

E não se trata de xenofobia mas sim de patriotismo e soberania, o que é nosso é nosso, foi construído com muito suor e tem em seu DNA a nossa identidade.

Desculpem mas guerra é guerra e o que está em disputa é nosso país, nossa liberdade e nossa cultura cristã.

Estão fincando tentáculos em vários segmentos, corrompendo políticos e agentes públicos para entrar em setores estratégicos da infraestrutura, da indústria e do agronegócio (portos, aeroportos, ferrovias, rodovias, comunicação grande mídia e 5g, soja, milho, feijão, trigo e etc).

No agronegócio estão forçando a barra no legislativo para passar uma lei que dará abertura maior para adquirirem terras agricultáveis.

Agora me digam se faz sentido entregarmos nosso agronegócio, setor em que somos líder mundial e que nos proporciona segurança alimentar, para outra nação a qual, para piorar, tem um regime comunista, totalitário e cerceador de liberdades individuais? 

Estão trazendo muitos empregados para trabalhar no Brasil e cada empregado desses será um agente comunista em potencial já que todas empresas chinesas tem o governo como principal acionista.

Basta raciocinar e ligar os pontos para perceber que a ameaça é enorme e pode se tornar avassaladora. O povo brasileiro precisa se manifestar contra isso.

Print Friendly, PDF & Email