A fiscalização no Arquipélago de Alcatrazes

A fiscalização no Arquipélago de Alcatrazes
Foto por mali maeder em <a href="https://www.pexels.com/pt-br/foto/acao-alimento-apolice-aquatico-229789/" rel="nofollow">Pexels.com</a>

Os pescadores receberam multas e 175 kg de peixes foram apreendidos

Os fiscais do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) flagraram seis pessoas pescando na área do Refúgio de Vida Silvestre do Arquipélago de Alcatrazes, em São Sebastião (SP), no dia 19 de junho de 2020. Com o grupo, foram apreendidos 175 quilos de peixes.

Eles foram multados em R$ 35 mil por estarem pescando em uma área protegida com diversas espécies em extinção. Dos 175 kg de pescado apreendidos, estavam pargo, anchova, olho de boi e garoupa. Os apetrechos usados para a pesca também foram apreendidos.

Além da multa, o grupo vai responder criminalmente. O ICMBio acionou o Ministério Público Federal (MPF) para abertura de processo de crime ambiental contra o grupo. Ninguém foi preso. As ações de fiscalização e a política de tolerância zero contra as infrações ambientais continuam ocorrendo dentro das unidades de conservação federais.

Fonte: mma.gov.br

Print Friendly, PDF & Email