Esportes

Drugovich: “Não sabia” o quanto a MP havia melhorado

Compartilhar

Felipe Drugovich não escondeu a frustração por perder um pódio na Corrida de Destaque do sábado em Barcelona, ​​mas mais do que compensou com uma vitória enfática na Sprint Race no domingo. Foi a primeira vitória do brasileiro desde o Round 1, e ele elogiou sua equipe MP Motorsport pelos passos que deram, dizendo que não percebeu que eles haviam melhorado “tanto”.

Drugovich aproveitou ao máximo uma fuga sem brilho do polesitter Luca Ghiotto para atirar primeiro, antes de se afastar silenciosamente do pelotão e construir uma sólida vantagem de 9s.

“Foi quase perfeito”, disse Drugovich. “O carro estava incrível. O ritmo que tivemos neste fim-de-semana foi mesmo uma grande surpresa para nós. Conseguimos melhorar o carro, mas não sabia muito, então estou muito feliz pela equipe e por todos”.

“Podemos ver as melhorias que fizemos – o ritmo que tivemos foi incrível. No entanto, ainda há uma margem para melhorar”.

“Está sempre a tentar aumentar a distância e gerir os pneus, o que é muito difícil, especialmente nesta pista. O carro era incrível, então isso tornou as coisas mais fáceis para mim, e eu estava controlando tudo, não usando muito os pneus”.

“A frente esquerda é o principal problema aqui e eu estava cuidando disso. O resultado mostra o quanto avançamos com a equipe, então estou muito feliz”.

A MP Motorsport teve um fim de semana perfeito, com Nobuharu Matsushita conquistando a vitória da Feature Race no sábado – a primeira do piloto japonês nesta temporada.

Apesar disso, e da promessa que isso mostra da equipe, Drugovich fez questão de moderar um pouco as expectativas, informando que seu ritmo parecia ser “dependente da pista”.

Mesmo assim, o brasileiro agora quer lutar pelos grandes pontos nas corridas especiais e continua confiante de que pode fazer isso a partir da sétima rodada de Spa.

“O objetivo é lutar pelas corridas especiais”, continuou. “Temos que ter isso como objetivo e tentar vencer, tentar estar na frente. Acho que não podemos prever mais nada para as próximas corridas”.

“Acho que demos um passo em frente como equipe neste fim de semana, mas acho que depende bastante da pista, então teremos que ver nas outras pistas como vai ser e como vai funcionar”.

“Como podem ver, no sábado estivemos muito rápidos durante toda a corrida e hoje mostramos o ritmo. Estou confiante para as próximas corridas, mas não posso prever nada”.

Fonte: Fórmula 2

Quando começamos o Press Periódico para tentar trazer a verdade para o resto do mundo, sabíamos que seria um grande desafio. Mas fomos recompensados pela incrível quantidade de suporte e feedback dos leitores que nos fizeram crescer e melhorar.
Faça parte da missão de espalhar a verdade! Ajude-nos a combater as tentativas de silenciar nossas vozes e torne-se um assinante.

Print Friendly, PDF & Email

Compartilhar

Wesley Lima

Colunista associado para o Brasil em Duna Press Jornal e Magazine, reportando os assuntos e informações sobre atualidades culturais, sócio-políticas e econômicas da região.
Botão Voltar ao topo