Esportes

Fora de casa, Cuiabá e Figueirense vencem pela quinta rodada da Série B

Quatro jogos foram disputados neste sábado (22). Confira os detalhes!

Neste sábado (22), a bola rolou para mais quatro partidas da quinta rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. Jogando fora de casa, Cuiabá e Figueirense garantiram três pontos diante de Avaí e Botafogo-SP, respectivamente. Nas outras duas partidas, muitos gols e dois empates. Náutico e Juventude empataram em 3 a 3, enquanto CRB-AL e Vitória ficaram no 2 a 2.

Confira os detalhes dos jogos deste sábado:

Avaí 0 x 2 Cuiabá

Rafael Gava marcou os dois gols do Cuiabá na vitória por 2 a 0 diante do Avaí, pela quinta rodada da Série BRafael Gava marcou os dois gols do Cuiabá na vitória por 2 a 0 diante do Avaí, pela quinta rodada da Série B
Créditos: Pierre Rosa/AGIF

O Cuiabá foi até a Ressacada, se impôs diante dos donos da casa e conquistou a terceira vitória seguida na competição. No primeiro tempo, sem muitas chances claras de gol, a melhor chance para o Dourado foi no chute cruzado de Elvis, bem defendido por Lucas Frigeri. Do lado do Avaí, a boa oportunidade foi após cruzamento de Capa para Gastón, que finalizou de primeira e viu João Carlos ficar com a bola.

Na volta do intervalo, o Cuiabá seguiu dominando as ações e abriu o placar após rápido contra-ataque, aos 13 minutos, quando Rafael Gava mandou uma bomba na entrada da área. Na sequência, o Avaí respondeu com Bruno Silva, que acertou a trave. Apesar de se lançar ao ataque em busca do empate, o time azurra viu o Dourado marcar mais um e fechar o marcador. Aos 37, Rafael Gava recebeu pela esquerda na área e finalizou cruzado para fazer um belo gol: 2 a 0.

Com mais um triunfo, o Cuiabá agora tem dez pontos e segue nas primeiras posições da tabela de classificação, ocupando o segundo lugar. O Avaí, que chegou a terceira derrota consecutiva, é o 15º colocado, com três pontos.

Botafogo-SP 0 x 1 Figueirense

Diante do Botafogo-SP, Keké marcou o gol da primeira vitória do Figueirense na Série BDiante do Botafogo-SP, Keké marcou o gol da primeira vitória do Figueirense na Série B
Créditos: Thiago Calil/AGIF

No Estádio Santa Cruz, o Figueirense bateu o Botafogo-SP por 1 a 0 e conseguiu a primeira vitória na Série B, o que o deixou fora da zona de rebaixamento. No entanto, o primeiro tempo da partida foi de domínio do Pantera, que criou as melhores chances com Wellington Tanque. Na primeira, o atacante cabeceou na trave de Sidão. Depois, após cruzamento de Luketa, e aproveitou a falha de Pereira, mas acabou cabeceando para fora. Outra boa oportunidade do time da casa foi com Marquinho, mas que testou para pelo lado direito do gol de Darley.

Na volta do intervalo, o Figueirense apresentou mais velocidade e passou a explorar melhor os contra-ataques. Aos 11 minutos, Everton Santos arrancou e deu um passe na medida para Keké, que finalizou de primeira, mas para fora. Depois, aos 16, a trama deu resultado. Diego Gonçalves avançou para o ataque e encontrou Keké, que dominou, se livrou da marcação e encobriu Darley para garantir a vitória do Figueira: 1 a 0.

Agora com quatro pontos, a equipe catarinense ocupa o 11º lugar na tabela da Série B. O Botafogo-SP, com seis, desceu para a décima posição.

Náutico 3 x 3 Juventude

Náutico e Juventude fizeram um jogo movimentado pela quinta rodada da Série B e empataram em 3 a 3Náutico e Juventude fizeram um jogo movimentado pela quinta rodada da Série B e empataram em 3 a 3
Créditos: Marcel Lisboa/AGIF

Seis gols movimentaram a partida entre Náutico e Juventude nos Aflitos, que foi marcada por boas chances e reviravoltas. Já no primeiro tempo o ritmo do jogo foi acelerado. Com os dois times buscando o ataque desde o início, o Timbu foi quem saiu na frente e marcou duas vezes. Aos nove minutos, Salatiel cabeceou para o gol após cruzamento de Simões, e Luis Carlos fez a defesa. Mas, no rebote, Erick não desperdiçou: 1 a 0. Um pouco depois, aos 14, Jean Carlos tabelou com Simões pela esquerda e ampliou para o time da casa. E já no minuto seguinte, Rafael Silva completou cruzamento de Igor para diminuir para o Juventude. A equipe gaúcha buscou o empate e balançou as redes novamente aos 40. Após falha na saída de bola de Rafael Ribeiro, Dalberto não deixou a chance passar e mandou no ângulo de Marcão: 2 a 2.

A volta do intervalo seguiu eletrizante. Dadá Belmonte perdeu boa chance para o Náutico logo no começo, e o Juventude acabou virando aos cinco minutos, novamente com Dalberto, que aproveitou cruzamento de Igor e fez 3 a 2. Aos 13, o Timbu acabou tendo Camatunga expulso, mas seguiu tentando se livrar da desvantagem. Até que, aos 26, Willian Simões sofreu falta de Gabriel Novaes dentro da área, e Jean Carlos cobrou pênalti para fechar o placar em Recife: 3 a 3.

Com o resultado, o Juventude soma oito pontos e aparece em sétimo lugar na tabela da Série B. O Náutico, com quatro, ocupa a 12ª posição.

CRB 2 x 2 Vitória

No Rei Pelé, CRB e Vitória empataram em 2 a 2, em jogo válido pela quinta rodada da Série BNo Rei Pelé, CRB e Vitória empataram em 2 a 2, em jogo válido pela quinta rodada da Série B
Créditos: Reprodução/Twitter @CRBoficial

No primeiro tempo no Rei Pelé, o Vitória começou mais no ataque e levou perigo ao CRB logo aos sete minutos, quando Carleto cobrou escanteio na cabeça de Maurício Ramos,        que finalizou bem e viu a bola sair pela linha de fundo. O Galo só respondeu aos 18, após Magno puxar rápido contra-ataque e encontrar Diego Torres, que soltou uma pancada de fora da área, mas viu Ronaldo fazer boa defesa. O Leão teve nova chance aos 33, mas Reginaldo foi parado em Ronaldo. No rebote, João Victor cabeceou para escanteio. Cinco minutos depois, a bola sobrou com Fernando Neto, que quase conseguiu finalizar para o gol e marcar para o time baiano. Os times seguiram chegando bem perto da área, até que, aos 46, o CRB balançou as redes. Diego Torres cruzou na medida para Léo Gamalho, que mostrou o faro de artilheiro para completar de pé direito para o gol: 1 a 0.

No segundo tempo, os times seguiram bem organizados e se jogando ao ataque. O CRB ampliou aos 31 minutos, em cobrança de pênalti de Léo Gamalho. Depois, aos 45, Bocão cruzou, a defesa do Galo se enrolou para fazer o corte, e Vico aproveitou: 2 a 1. O Leão seguiu empenhado e ainda buscou o empate. Aos 48, Marcelinho recebeu ótimo lançamento, dominou no peito e soltou uma bomba indefensável para Victor Souza: 2 a 2.

Com o empate, o CRB desperdiçou a chance de entrar no G-4 e aparece no quinto lugar, com oito pontos. Já o Vitória, com sete, ocupa a nona posição.

Foto: Patrick Floriani/Figueirense
Fonte: CBF

Quando começamos o Press Periódico para tentar trazer a verdade para o resto do mundo, sabíamos que seria um grande desafio. Mas fomos recompensados pela incrível quantidade de suporte e feedback dos leitores que nos fizeram crescer e melhorar.
Faça parte da missão de espalhar a verdade! Ajude-nos a combater as tentativas de silenciar nossas vozes e torne-se um assinante.

Print Friendly, PDF & Email

Wesley Lima

Colunista associado para o Brasil em Duna Press Jornal e Magazine, reportando os assuntos e informações sobre atualidades culturais, sócio-políticas e econômicas da região.
Botão Voltar ao topo