Vettel determinado a “superar” as dificuldades das últimas corridas com a Ferrari

Vettel determinado a “superar” as dificuldades das últimas corridas com a Ferrari

O canto do cisne de Sebastian Vettel na Ferrari não está exatamente como planejado: antes do Grande Prêmio da Bélgica, ele está em 11º na classificação com uma melhor classificação do P6 na Hungria – mas o tetracampeão mundial insiste que ainda está otimista sobre o resto de 2020.

Vettel, que vai deixar a Ferrari no final do ano, está enfrentando seu pior início de temporada na F1 com a equipe italiana, tendo marcado apenas 16 pontos após seis corridas, em comparação com 82 pontos após seis corridas em 2019. Mas antes da corrida deste fim de semana em Spa, o veterano alemão disse que não está desanimado com sua má forma.

“Sempre há duas maneiras de olhar para isso: você pode ficar frustrado com isso ou lidar com isso e seguir em frente, e é para isso que estou aqui. Estou sempre otimista”, disse ele.

“Acho que sempre há coisas que você pode aprender, mas essas coisas simplesmente não vão embora assim. Eles surgem assim, mas não vão simplesmente embora. Temos que trabalhar nisso e tenho certeza que vamos superar isso”.

A frustração de Vettel ficou evidente nesta temporada por meio de várias mensagens acaloradas de rádio para seu engenheiro de corrida em Silverstone e na Espanha, mas conforme ele se aproxima do fim de uma passagem de seis anos na Ferrari, ele diz que partirá com boas lembranças de sua gestão que viu ele conseguir 14 vitórias, 12 poles e 54 pódios – e ele não desistiu de somar essa contagem nas últimas 11 corridas de 2020.

“O ano ainda não acabou, então, como equipe, tentamos progredir e, individualmente, também tento tirar o melhor proveito da situação e … não é fácil, mas como disse, vamos tentar tirar o máximo proveito isso”, explicou ele.

“É só um sinal de respeito dar tudo o que tenho de volta também, independente da quantidade de corridas que ainda tenho, para a equipe”.

“Eu não olho para os negativos ou as coisas ruins. Acho que em primeiro lugar não estou contando as corridas, estou indo corrida a corrida e estou tentando fazer o meu trabalho, fazer o melhor que posso no futuro. Sempre estou otimista e prefiro ver a oportunidade do que as lutas. E acho que essa também é a coisa certa a fazer em relação ao que conquistamos nos últimos anos”.

“Com certeza houve alguns momentos que não foram bons nem ótimos e os momentos que não aproveitamos, mas também foram ótimos momentos, vitórias, etc, então muitos pontos positivos também”.

“Independentemente do que aconteça no próximo ano e no ano seguinte, estou tentando aproveitar o tempo que fiquei com os caras com quem passei tanto tempo nos últimos anos”.

Vettel tem sido tímido sobre seu futuro pós-Ferrari, se isso significa aposentadoria, um ano sabático ou uma mudança para outra equipe – talvez Racing Point – e na Bélgica ele disse que não havia nenhuma atualização sobre seus planos para 2021.

Fonte: Fórmula 1

Assine Prêmio:
Contar hoje com uma mídia isenta, ética e informativa é a busca de todo leitor. Nosso Jornal e Revista oferecem informações gerais que podem ser lidas por toda a família, em uma abordagem que prima pela ética e respeito. Torne-se um assinante Prêmio e obtenha 25% de desconto aplicando o código (WELIMA).

Assinatura Leitor Prêmio

Print Friendly, PDF & Email