Esportes

“Mais uma volta e teria passado Albon” – Norris frustrado depois de perder o sexto lugar em Spa

Depois que seu companheiro de equipe Carlos Sainz não conseguiu nem mesmo começar a corrida, Lando Norris acabou salvando a face da McLaren no Grande Prêmio da Bélgica ao reivindicar o P7. Mas, tendo largado no P10, Norris sentiu que, se a corrida tivesse sido apenas uma volta mais longa, ele poderia ter terminado ainda mais alto do que isso.

O forte ritmo de Norris nas últimas fases da corrida permitiu-lhe chegar ao fim da luta entre Alex Albon da Red Bull e Esteban Ocon da Renault, que lutavam pelo quinto lugar. E embora Ocon tenha conseguido passar pela Red Bull na última volta para reclamar o P5, Norris ficou sem voltas para copiar a jogada de seu amigo Albon.

“Mais uma volta e teria o Alex,” disse Norris. “Eu não sei se eu teria Esteban. Acho que o ritmo [do Renault] foi muito melhor do que ontem, mostrado pelo Daniel [Ricciardo, que terminou em quarto].

“Acho que o único motivo pelo qual peguei [Ocon] foi quando ele ficou um pouco preso atrás de Albon, mas sim, mais uma volta teria sido adorável! Eu estaria bastante confiante de que teria passado por Alex; ele estava lutando muito, então um pouco frustrado desse lado, mas acho que o resto da corrida foi bom. Eu estava razoavelmente feliz”.

Norris inicialmente lutou na fase inicial da corrida em Spa. Ele caiu para o AlphaTauri de Pierre Gasly na volta 1, fugindo em Les Combes para uma boa medida – enquanto depois, a Racing Point de Lance Stroll o ultrapassou para P9 no reinício do Safety Car da 15ª volta.

Mas Norris devolveu o favor a Stroll na volta 36, antes de facilmente enganar o canadense – com o piloto da McLaren revelando que havia sido a falta de confiança em seu MCL35 que o atrapalhou na primeira parte do Grande Prêmio.

“Começamos não tão bem – a primeira volta e a primeira passagem foi difícil para mim”, disse Norris. “Estava lutando muito com a confiança no carro e com o desgaste dos pneus e tudo. Mas na segunda metade da corrida, o tempo mudou um pouco, esfriou, o vento diminuiu um pouco e nós ganhamos um pouco mais de força, e então eu pude empurrar e conseguir ter um ritmo melhor do que Stroll e pegar o outro pessoal no final… É uma pena que faltou uma volta!”.

“É um pouco para cima e para baixo, mas são mais pontos do que nada – principalmente porque como equipe, não foi o melhor dia para nós, com o Carlos nem largando e a Renault marcando muitos pontos. Não é o ideal, mas fizemos o melhor com um péssimo trabalho”.

Os seis pontos de Norris, com Racing Point marcando apenas três e Ferrari zero, foram suficientes para levantar a McLaren da quarta para a terceira posição na classificação de construtores pós-Spa, faltando 10 corridas da temporada para terminar.

Fonte: Fórmula 1

Assine Prêmio:
Contar hoje com uma mídia isenta, ética e informativa é a busca de todo leitor. Nosso Jornal e Revista oferecem informações gerais que podem ser lidas por toda a família, em uma abordagem que prima pela ética e respeito. Torne-se um assinante Prêmio e obtenha 25% de desconto aplicando o código (WELIMA).

https://dunapress.org/produto/assinatura-leitor-premio/?aff=wesleylima

Print Friendly, PDF & Email

Wesley Lima

Colunista associado para o Brasil em Duna Press Jornal e Magazine, reportando os assuntos e informações sobre atualidades culturais, sócio-políticas e econômicas da região.
Botão Voltar ao topo