ES: Fapes apoiará projetos ganhadores do Prêmio Shell de Educação Científica 2020

ES: Fapes apoiará projetos ganhadores do Prêmio Shell de Educação Científica 2020

Quem é professora ou professor das redes públicas no Espírito Santo e leciona Matemática, Física, Química, Biologia ou Ciências tem até o dia 25 de outubro para se inscrever no Prêmio Shell de Educação Científica 2020. Os projetos inovadores no ensino-aprendizagem selecionados no Estado receberão também o apoio da Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Espírito Santo (Fapes).

Podem participar do concurso os professores do Ensino Fundamental II, nas disciplinas de Ciências e Matemática; e do Ensino Médio, nas disciplinas de Biologia, Física, Química ou Matemática. O Prêmio Shell garante o repasse de uma quantia em dinheiro, além de uma viagem educacional para Londres.

A Fapes definiu o apoio para a continuação dos projetos selecionados, com o pagamento de bolsas para o desenvolvimento e a replicação da experiência em outras turmas e unidades de ensino. Serão investidos até R$ 140 mil em recursos do Fundo Estadual de Ciência e Tecnologia do Espírito Santo (Funcitec).

A diretora técnico-científica da Fapes, Denise Rocco de Sena, considera ser um incentivo e uma grande oportunidade a professoras e professores do ensino básico nas áreas contempladas. “Acompanhando de perto o prêmio, é possível observar a excelente qualidade dos projetos vencedores que dão a oportunidade de desenvolver metodologias e estratégias de ensino inovadoras e que proporcionam a realização de pesquisa em sala de aula”, considerou.

A diretora Denise Sena afirma que a ação da Fapes busca a valorização do professor, enquanto pesquisador e inovador, e dá oportunidade de um maior número de alunos e alunas participarem e vivenciarem as iniciativas vencedoras.

Apoio da Fapes aos vencedores

Os projetos contemplados na premiação receberão apoio da Fapes para serem desenvolvidos por 12 meses, durante o calendário escolar de 2021. A sétima edição do Prêmio Shell de Educação Científica do Espírito Santo selecionará sete iniciativas ganhadoras, conforme colocações e categorias especificadas abaixo:

a) 1º ao 3º colocado na categoria “Ensino Médio”;
b) 1º ao 3º colocado na categoria “Ensino Fundamental II”;
c) 1º colocado na categoria “Premiação Especial 2020”.

A Fapes vai conceder uma bolsa BPIG-IV, no valor de R$ 1,5 mil mensais, a cada professor ganhador. Além disso, a Fundação também apoiará financeiramente os projetos com R$ 2 mil em custeio para auxiliar no desenvolvimento de cada pesquisa.

Prêmio Shell de Educação Científica

Criado em 2014, o Prêmio Shell de Educação Científica estimula o desenvolvimento de trabalhos que inovem o jeito de ensinar e de aprender em escolas públicas municipais, estaduais e federais do Rio de Janeiro e do Espírito Santo. O concurso tem o objetivo de transformar as salas de aula em verdadeiros laboratórios para docentes e estudantes.

Segundo informações da organização, já foram premiados, desde 2014, 48 professores do Ensino Fundamental II e do Ensino Médio nas disciplinas de Ciências, Biologia, Física, Química e Matemática. Nesse período, o Prêmio Shell recebeu mais de 1,4 mil projetos.

Fonte: Governo do Espírito Santo

Assine Prêmio: 
Contar hoje com uma mídia isenta, ética e informativa é a busca de todo leitor. Nosso Jornal e Revista oferecem informações gerais que podem ser lidas por toda a família, em uma abordagem que prima pela ética e respeito. Torne-se um assinante Prêmio e obtenha 25% de desconto aplicando o código (WELIMA).

Print Friendly, PDF & Email