Indy: O’Ward diz está aprendendo muito com Castroneves

Indy: O’Ward diz está aprendendo muito com Castroneves

Pato O’Ward ficou surpreso quando soube que seu companheiro de equipe no fim de semana estava dirigindo um carro Indy pela primeira vez para uma equipe diferente da Equipe Penske desde 31 de outubro de 1999.

O’Ward nasceu em 6 de maio de 1999, mas seis meses após seu nascimento, Helio Castroneves dirigia um carro Indy pela Hogan Racing no Auto Club Speedway em Fontana, Califórnia.

“Uau”, disse O’Ward. “Quando você coloca essas estatísticas em palavras, e então você vê Scott Dixon e ele estava na Indy Lights em 1999 e 2000, é como se eu pensasse que estarei correndo com o filho de Scott Dixon em 20 anos.

“Eu acho isso muito legal, porque temos veteranos, uma espécie de veteranos e novatos na série este ano”.

O companheiro de equipe de O’Ward na Arrow McLaren SP para o INDYCAR Harvest GP é Castroneves, que correu exclusivamente pela Team Penske de 2000 até a 104ª Indianápolis 500 no dia 23 de agosto. para O’Ward, é uma tremenda oportunidade de aprender com um dos grandes impulsionadores da geração anterior.

“Estou animado por ter Helio ao meu lado”, disse O’Ward. “Ele é um cara que eu admirava quando criança, e é legal trabalhar com uma lenda do esporte”.

“Meus ouvidos e olhos vão se abrir. Quero aprender o máximo possível neste fim de semana e entregar o melhor pacote de pontos possível para a equipe neste fim de semana”.

Os dois carros da Arrow McLaren SP tiveram dificuldades na primeira corrida da doubleheader. Castroneves terminou em 20º, O’Ward em 22º.

O resultado de O’Ward, junto com o quarto lugar de Colton Herta, o deixou em quarto lugar na classificação com duas corridas para o fim. A penúltima corrida da temporada é sábado às 15h30 (horário de Brasília).

Embora O’Ward não seja considerado um novato – esta é sua primeira temporada completa na INDYCAR – e ele correspondeu às altas expectativas de ganhar o campeonato Indy Lights em 2018.

O’Ward deveria ter sua primeira temporada completa em 2019 com a então Harding Steinbrenner Racing, mas os fatores de patrocínio o forçaram a mudar de equipe antes mesmo do início da temporada. Ele dirigiu um cronograma parcial para Carlin depois disso, antes de entrar no programa de desenvolvimento da Red Bull no verão passado.

O’Ward voltou para INDYCAR quando a McLaren juntou forças com Arrow Schmidt Peterson para criar a Arrow McLaren SP.

Isso deu ao talentoso piloto mexicano a chance de cumprir sua promessa e potencial.

“Isso prova a tudo que você trabalhou durante toda a sua vida e carreira”, disse ele. “Nunca foi uma perda de fé em mim mesmo. Eu sabia que poderia alcançá-lo; Eu só precisava de uma temporada inteira no carro para fazer isso. Esses caras da Arrow McLaren SP trabalharam muito na entressafra deste ano. Tem sido bom com muito pouco tempo de prática. Mostramos que somos candidatos. Estamos lá para vencer corridas e lutar pelos pódios e queremos lutar pelo campeonato”.

“Não estamos perto o suficiente do campeonato este ano, mas no ano que vem vamos repetir ainda melhor o que fizemos este ano. Teremos mais experiência e eu terei mais experiência”.

Fonte: NTT IndyCar

Assine Prêmio: 
Contar hoje com uma mídia isenta, ética e informativa é a busca de todo leitor. Nosso Jornal e Revista oferecem informações gerais que podem ser lidas por toda a família, em uma abordagem que prima pela ética e respeito. Torne-se um assinante Prêmio e obtenha 25% de desconto aplicando o código (WELIMA).

Print Friendly, PDF & Email