Série D: 22 times vencem na abertura da sexta rodada

Série D: 22 times vencem na abertura da sexta rodada

Em uma quarta-feira (14) movimentadíssima, 29 partidas mexeram com a tabela da competição.

A abertura da sexta rodada da Série D do Brasileirão foi muito agitada, com 29 jogos providenciando uma chuva de gols nesta quarta-feira (14). Entre eles, destaque para Rio Branco-AC, Independente-PA, Juventude-MA, River-PI, Baré-RR, América-RN, Floresta-CE, Afogados-PE, Potiguar-RN, Coruripe-AL, Vitória da Conquista-BA, Vitória-ES, Aparecidense-GO, Goianésia-GO, Gama-DF, Bahia de Feira-BA, Brasiliense-DF, Villa Nova-MG, FC Cascavel-PR, Ferroviário-SP, Novorizontino-SP e Marcílio Dias-SC, que venceram seus jogos. Veja como foi o dia em cada grupo:

+ Confira a tabela completa da Série D!

Grupo A-1

Jogando em casa no estádio Navegantão, em Tucuruí (PA), o Independente-PA saiu atrás, mas virou e goleou o Atlético-AC por 4 a 1. Jhon abriu o placar para o time visitante aos 36 do primeiro tempo, mas os paraenses voltaram com tudo para a etapa final e desandaram a marcar. Danrley empatou aos dois e ainda deixou sua marca aos 26 e 28 para completar o hat-trick. Joãozinho também fez o dele, aos 13. Esta foi a primeira vitória do Galo Elétrico, que permanece na lanterna, com três pontos. O outro Galo, o Carijó, é o vice-lanterna, com quatro.

Em Manaus (AM), Fast-AM e Vilhenense-RO ficaram no 1 a 1, em partida no Ismael Benigno. O Tricolor abriu o placar aos 15 do primeiro tempo com Daivison, mas levou o empate aos 32 da etapa final, em gol marcado por Vinicius. A equipe amazonense está no quarto lugar, com nove pontos. Já os rondonienses estão na sexta posição, com cinco.

No jogo que fechou o dia, o Rio Branco-AC recebeu o Ji-Paraná-RO na capital do Acre e venceu o duelo na Arena Acreana por 4 a 1. Apesar disso, foram os rondonienses que saíram na frente com Watthimen, aos 24 do primeiro tempo. O Estrelão, porém, se recuperou logo depois e igualou com Guilherme Campana, aos 29. No segundo tempo, Lyniker e Bruce ampliaram o placar, marcando aos 12 e aos 41 minutos, respectivamente. No último lance, Mateus Monte fechou a conta. O triunfo coloca o time da casa na liderança provisória da chave, com 12 pontos. Os visitantes ficam em quinto lugar, com oito.

Grupo A-2

No estádio Nhozinho Santos, em São Luís (MA), Moto Club-MA e São Raimundo-RR ficaram no empate em 1 a 1. O Mundão abriu o placar aos três minutos da etapa final, com Igor. O time da casa chegou ao empate aos 31, com Miranda. Os dois times têm oito pontos, mas os roraimenses estão na quarta colocação, dentro da zona de classificação. O Papão do Norte é o quinto.

Quem se deu bem foi o Juventude-MA, que venceu o Sinop por 2 a 0 fora de casa. Os maranhenses saíram na frente no estádio Gigante do Norte, em Sinop (MT), logo aos 16 da etapa inicial, com Márcio Diogo. Aos 14 do segundo tempo, Alexsandro deu números finais ao confronto. Com o triunfo fora de casa, o Poraquê mantém a vice-liderança, com dez pontos. Os mato-grossenses caíram para a penúltima posição, com seis.

Outro time a ganhar na rodada foi o River-PI, que recebeu o Santos-AP no Albertão, em Teresina (PI), e aplicou 3 a 1. Max fez o primeiro do jogo para o time piauiense aos 28 da etapa inicial. Dedé igualou para os visitantes aos 44, mas Erivan tratou de recolocar o mandante na frente logo aos dois do segundo tempo. João Gabriel foi expulso pelo Galo Carijó, mas Juninho também foi para a rua pelo clube do Amapá. Aos 43, Bruninho fez o terceiro e fechou a conta. A vitória levou o River à terceira posição, com dez pontos; o Peixe da Amazônia é o lanterna, com seis.

O último jogo do dia pelo grupo foi entre Baré e Altos-PI, no estádio Canarinho, em Boa Vista (RR). Melhor para o time local, que venceu por 2 a 1. Ítalo, aos 14 da etapa inicial e Emerson, aos 17, deram ótima vantagem para o Colorado da Consolata. Os visitantes diminuíram já aos 40 do segundo tempo com Jânio Daniel, mas não conseguiram buscar a reação. Apesar do revés, os piauienses seguem na liderança, com 12 pontos. Os roraimenses, por sua vez, deixaram a lanterna e ocupam agora o sexto lugar, com oito.

Grupo A-3

Na Arena das Dunas, em Natal (RN), o América-RN manteve a liderança do grupo ao vencer o Guarany de Sobral-CE por 3 a 0. Todos os gols do Mecão foram marcados no segundo tempo: Marcelo abriu o placar aos sete, Rondinelly ampliou aos 43, e Carlos Renato fechou o marcador aos 46. A derrota deixa o Cacique do Vale na última posição, com quatro pontos.

O Estádio Domingão, em Horizonte (CE), foi palco de outro jogo do dia: o dono da casa, Floresta, venceu o Globo-RN por 2 a 0. Andrey e Marconi fizeram os gols, aos sete e aos 31 da etapa final, respectivamente. O Verdão da Vila segue vice-líder, com 11 pontos; já a Águia, com sete, caiu para a quinta posição e está fora da zona de classificação.

Em Campina Grande (PB), Campinense e Salgueiro-PE ficaram em um empate sem gols no Amigão. O time da casa ficou com dois a menos no final do confronto agitado, após a saída do lesionado Jone e da expulsão de Mattheus Silva, mas manteve o placar igualado. A Raposa permanece na sétima e penúltima colocação, com seis pontos. O Carcará perdeu uma posição, mas ocupa o quarto lugar com nove e segue na zona de classificação.

Quem mais ganhou posições na rodada foi o Afogados-PE, que venceu o Atlético-PB por 3 a 2 no Vianão, em Afogados da Ingazeira. O duelo movimentado teve gol logo no primeiro minuto, com Júnior Juazeiro abrindo o placar para o time da casa. Os outros tentos saíram na etapa final: Bruno Gonçalves igualou aos 11, mas Thomas recolocou os pernambucanos na frente aos 15. Aos 36, outro empate, mais uma vez pelos pés de Bruno Gonçalves. Porém, a Coruja não dormiu e chegou ao triunfo com Júnior Mandacaru, aos 40 minutos. O resultado catapultou o clube mandante para o terceiro lugar, com nove pontos. A equipe de Cajazeiras fica com seis, na sexta colocação.

Grupo A-4

O jogo que abriu a sexta rodada no grupo aconteceu em Ceará-Mirim (RN), no estádio Manoel Barretto. O Potiguar-RN, time da casa, venceu o Jaciobá-AL por 3 a 2: Histone, aos 36, e Anderson, aos 40, abriram vantagem para o clube de Mossoró. Claudio diminuiu aos seis da etapa final, mas Alyson fez 3 a 1. Aos 33, os alagoanos voltaram a encostar, mais uma vez com Claudio balançando as redes; porém, ficou nisso. O time do Rio Grande do Norte chegou aos nove pontos e entrou na zona de classificação, com o quarto lugar. O Azulão segue na lanterna, com três.

Jogando em Coruripe (AL), o time que leva o nome da cidade desbancou o então líder ABC-RN por 1 a 0, no estádio Gerson Amaral. O gol da vitória foi marcado por Willian, aos 29 do primeiro tempo. O Hulk alagoano chega à segunda colocação do grupo, com dez pontos; enquanto isso, o Mais Querido desceu para o terceiro lugar, com nove.

Na cidade de Frei Paulista (SE), Freipaulistano e Central-PE se enfrentaram no Titão e não saíram do 0 a 0. A Patativa do Agreste teve a chance de vencer em pênalti de Leandro Costa, mas o goleiro Igor salvou o time da casa. O empate não foi bom para nenhuma das duas equipes, que permanecem com seis pontos e fora da zona de classificação para a próxima fase. Os sergipanos ocupam o sexto lugar, enquanto os pernambucanos estão na sétima posição.

O novo líder da chave com dez pontos é o Vitória da Conquista-BA, que recebeu o time do Itabaiana-SE no estádio Lomanto Júnior e venceu por 2 a 1. Leo fez o gol inaugural para o Bode aos 21 do primeiro tempo. Na etapa final, Lucas Franco ampliou aos 38. Ainda deu tempo de Ila diminuir aos 44, mas não foi suficiente para os sergipanos. O Tremendão da Serra é o quinto, com sete pontos.

Grupo A-5

Vitória-ES passou a lanterna da chave ao Águia Negra-MS após bater o adversário por 3 a 1 em casa, no estádio Salvador Costa, localizado na capital capixaba. O time sul-mato-grossense abriu o placar com Gugu aos 27 da etapa inicial, em rebote de pênalti defendido por Paulo Henrique. A resposta do time da casa foi imediata, com Ewerton igualando aos 29. Nos acréscimos, mais um pênalti para o Águia, e Paulo Henrique foi buscar de novo, mas não deu rebote desta vez. Recuperado do susto, o Alvianil passou à frente com Edinho, aos quatro do segundo tempo. Quem deu números finais ao jogo foi Toni Galego, aos 29. Agora, o clube do Espírito Santo é o sexto colocado, com seis pontos – mesma pontuação do time da cidade de Rio Brilhante, último pelos critérios de desempate.

No Dito Souza, em Várzea Grande (MT), Operário-MT e Goiânia-GO ficaram no 1 a 1 e seguem fora da zona de classificação. Diney abriu o placar para o time goiano aos três da etapa final, mas o clube da casa teve um pênalti marcado aos 49 e igualou com Weverton. Os mato-grossenses ocupam o quinto lugar, com sete pontos; os goianos estão na sétima colocação, com seis.

Em duelo de duas equipes no grupo dos quatro classificados, a Aparecidense-GO venceu o Real Noroeste-ES em casa por 2 a 1, no Aníbal Toledo, em Aparecida de Goiânia (GO). Negueba abriu o placar para o Camaleão aos dez minutos, mas levou o empate nos acréscimos do primeiro tempo, com Jonata. Na volta para a etapa final, porém, Albano fez o gol da vitória goiana, aos seis minutos. Com isso, o time da casa chega aos 11 pontos, assume a vice-liderança e deixa os capixabas no terceiro lugar, com dez.

O líder segue sendo o mesmo: o Goianésia-GO, que recebeu o União-MT no estádio Valdeir Oliveira e venceu por 2 a 1. Os goianos abriram 2 a 0, com gols feitos por Bruno Leite (32 do primeiro tempo) e Caio Andrade (13 da etapa final). Os mato-grossenses diminuíram com Maranhão, aos 26 do segundo tempo. O Azulão do Vale tem 13 pontos; o clube de Rondonópolis tem sete e permanece em quarto.

Grupo A-6

No jogo do líder invicto contra o lanterna sem vencer, o time melhor colocado levou vantagem. O Gama-DF visitou o Palmas-TO no Nilton Santos, localizado na capital tocantinense, e venceu por 3 a 0; Michel abriu o placar aos 34 do primeiro tempo. Logo no primeiro lance da etapa final, David ampliou. Não demorou muito para Michel aumentar, aos quatro. O clube visitante ainda teve Lucas expulso, aos 27. O Verdão chega aos 16 pontos e deixa o Tricolor sem pontuar.

Quem também venceu muito bem e entrou na zona de classificação foi o Bahia de Feira-BA, que bateu a Caldense-MG por 3 a 0 na Arena Cajueiro, em Feira de Santana (BA). Com uma blitz na metade inicial do primeiro tempo, o time baiano construiu a vantagem: Deon abriu o placar aos 12, Michael ampliou aos 16, e Breno fechou a conta aos 20. Agora, o Cangaceiro é o quarto colocado, com dez pontos. A Veterana segue em sétimo lugar, com quatro.

O fator casa fez a diferença para o Villa Nova-MG, que venceu o Atlético-BA por 2 a 1 no Castor Cifuentes, em Nova Lima (MG). O Leão do Bonfim fez o primeiro gol aos oito minutos do primeiro tempo, com Vander; aos 23, Ramon ampliou. A equipe de Alagoinhas diminuiu aos 45 do segundo tempo por intermédio de Vitinho. Apesar do bom resultado, o Villa segue em sexto no grupo, com sete pontos. O Carcará baiano também manteve a terceira colocação, com dez.

Quem não se intimidou com a viagem foi o Brasiliense-DF, que foi até Juiz de Fora (MG) para enfrentar o Tupynambás-MG e saiu com uma goleada por 4 a 1. Quem saiu na frente, porém, foi o Baeta, com gol de Fabinho aos 40 da etapa inicial. Só que o Jacaré voltou inspirado do vestiário e desandou a marcar: Maicon Assis igualou logo no primeiro tempo e foi seguido por Zé Eduardo, que virou aos cinco. Aos 17, Luquinhas fez o terceiro e logo depois, aos 20, Zé Eduardo deixou seu segundo no confronto para fechar o placar. Com o resultado, o time do Distrito Federal é o novo vice-líder, com 11 pontos. Os mineiros ocupam a quinta posição, com nove.

Grupo A-7

No Rio de Janeiro (RJ), Portuguesa-RJ e Mirassol-SP se enfrentaram no Luso-Brasileiro e ficaram no 1 a 1. A Lusa fez o primeiro gol aos 38 da etapa inicial, com Marcão em cabeceio após cobrança de escanteio. O time paulista empatou no segundo tempo com o lateral Danilo Boza, que chutou da marca do pênalti aos 17 minutos. O resultado mantém o Leão na zona de classificação; a equipe subiu para o terceiro lugar, com nove pontos. Os cariocas têm a mesma pontuação, mas estão na quinta posição.

FC Cascavel-PR foi o time do grupo que mais se deu bem na rodada ao bater o Nacional-PR por 3 a 0 no duelo local, realizado no Erich George, em Rolândia (PR). Léo Itaperuna fez o primeiro logo aos dois minutos, com Robinho ampliando aos 20. Já nos acréscimos da etapa final, Willian deu números finais ao confronto. A vitória confortável coloca o time aurinegro em quarto, com nove pontos. O Alvi-Celeste, por sua vez, chega ao quarto revés seguido e é o sétimo, com três.

Outro jogo realizado no Paraná ocorreu entre Toledo-PR e Bangu-RJ, no estádio 14 de Dezembro, em Toledo. O Alvirrubro saiu na frente com Anderson Lessa, aos 14 do segundo tempo. Porém, aos 47, Lucas Sampaio tentou cortar cruzamento e fez gol contra, que igualou o marcador. Apesar do empate tardio, nada mudou na situação das equipes: os cariocas seguem na liderança, com 12 pontos, enquanto os paranaenses amargam a lanterna, tendo conquistado o primeiro ponto nesta partida.

Jogando na Fonte Luminosa, em Araraquara (SP), a Ferroviária superou a Cabofriense-RJ por 3 a 1. Branquinho abriu o placar para o time da casa aos nove minutos, mas viu Fellipe Mateus empatar aos 23 do segundo tempo. No entanto, a reação da Ferrinha foi rápida: Fellipe Mateus recolocou a equipe grená na frente aos 27, e Hygor fez o terceiro aos 31. Com a vitória, a Locomotiva chega aos 11 pontos e assume a vice-liderança. O Tricolor de Cabo Frio, por outro lado, deixou esse posto e caiu para o sexto lugar, com nove.

Grupo A-8

Novorizontino-SP fez valer o mando no estádio Jorge de Biasi, em Novo Horizonte, e venceu o São Luiz-RS por 1 a 0, assumindo a liderança da chave. O gol saiu dos pés de Cléo Silva, aos 40 do primeiro tempo. Com o resultado, o clube paulista foi aos 11 pontos e deixou os gaúchos em quarto lugar, com oito.

Na outra partida do dia pelo grupo, o Marcílio Dias-SC recebeu o então líder Caxias-RS no Gigantão, em Itajaí (SC), e venceu por 1 a 0. Aos 20 do segundo tempo, Zé Vitor marcou o gol da vitória do Almirante, que chega provisoriamente ao terceiro lugar, com nove pontos. O clube gaúcho agora é o vice-líder, com dez.

Foto: Héber Gomes/AGIF
Fonte: CBF

Assine Prêmio: 
Contar hoje com uma mídia isenta, ética e informativa é a busca de todo leitor. Nosso Jornal e Revista oferecem informações gerais que podem ser lidas por toda a família, em uma abordagem que prima pela ética e respeito. Torne-se um assinante Prêmio e obtenha 25% de desconto aplicando o código (WELIMA).

Print Friendly, PDF & Email