Corinthians vence o Fluminense e assume a ponta do Brasileirão Sub-20

Corinthians vence o Fluminense e assume a ponta do Brasileirão Sub-20

Com triunfo por 3 a 0, equipe paulista tirou o Tricolor da primeira posição. Outras cinco partidas foram realizadas e tiveram muitos gols.

Nesta quarta-feira (4), seis partidas abriram a décima rodada do Brasileirão Sub-20. O grande destaque ficou com o Corinthians, que venceu o Fluminense por 3 a 0 e destronou a equipe carioca na liderança da competição. Atlético-MG, Botafogo, Chapecoense e Flamengo também foram bem e venceram seus jogos, enquanto Goiás e América-MG empataram sem gols. Veja como aconteceram os confrontos:

+ Confira a tabela completa do Brasileirão Sub-20

Corinthians 3 x 0 Fluminense

No duelo que valia a liderança da competição, Corinthians e Fluminense fizeram um primeiro tempo morno no Parque São Jorge, em São Paulo (SP). Porém, a equipe paulista deslanchou na reta final, venceu por 3 a 0 e assumiu a ponta. Os corintianos tiveram presença ofensiva maior nos primeiros 45 minutos, mas pecaram na pontaria e também pararam no goleiro Pedro Rangel, do Tricolor. A oportunidade principal do time da casa foi de Vitinho, que fez boa jogada individual e chutou com perigo, já na reta final.

No segundo tempo, o Corinthians voltou mais incisivo e teve boas chances com Daniel Marcos, que furou na grande área, e Vitinho, em chute defendido por Pedro Rangel. Aos 17 minutos, o time da casa conseguiu abrir o marcador: em confusão na pequena área, Cipriano disputou bola com Caue e acabou fazendo um gol contra. Aos 29, o Timão ampliou em finalização de Vitinho, que apareceu livre após remate cruzado de Matheus Araújo. Nos acréscimos, Walisson bateu forte no canto direito para fazer o terceiro e fechar a conta.

Com a vitória, os corintianos agora têm 22 pontos e tiraram a liderança do Tricolor, que ficou com 21, na segunda colocação.

Flamengo 2 x 1 Palmeiras

De virada, Flamengo vence o Palmeiras pela décima rodada do Brasileiro Sub-20De virada, Flamengo vence o Palmeiras pela décima rodada do Brasileiro Sub-20
Créditos: Marcelo Cortes/CRF

Flamengo e Palmeiras fizeram um jogo movimentado no Estádio da Gávea, no Rio de Janeiro (RJ). As duas equipes ameaçaram no início, mas a primeira etapa ficou marcada pelos dois pênaltis assinalados para o Alviverde e desperdiçados. O primeiro, aos 26, saiu depois de Caio Cunha ter sido derrubado em falta sem bola. Porém, João Fernando salvou o Rubro-Negro após chute à meia altura de Fabrício no canto esquerdo. Aos 37, foi Caio Cunha quem bateu, mas não adiantou: o goleiro do Fla voou na direita e pegou novamente, garantindo o 0 a 0 no intervalo.

No segundo tempo, o time paulista chegou ao gol primeiro: Caio Cunha se redimiu do pênalti perdido ao completar cruzamento na pequena área e abrir o placar, aos 18. O Flamengo não se intimidou e partiu para o ataque. Aos 32, Leandro fez defesa sensacional em chute de fora da área; porém, na cobrança de escanteio, Diego desviou e empatou. Dois minutos depois, Yuri recebeu na grande área e bateu colocado no canto esquerdo para virar. O goleiro João Fernando ainda teve que executar duas grandes defesas para garantir o resultado da equipe carioca.

Com a vitória de virada, o Fla assumiu a quinta colocação, com 17 pontos. Por outro lado, o Palmeiras perdeu uma posição e agora é o quarto, com 18.

Atlético-MG 5 x 1 Vitória

No Sesc Alterosas, em Belo Horizonte (MG), o Atlético-MG dominou o confronto contra o Vitória e goleou por 5 a 1. O Galo começou em cima e teve grande chance em escanteio logo no primeiro minuto, mas o remate foi pelo alto. O time mineiro manteve o volume de jogo e, novamente pela bola aérea, conseguiu abrir o placar: aos 20 da etapa inicial, Wesley testou firme na segunda trave e balançou a rede. O ritmo diminuiu, apesar do domínio dos mineiros. Aos 47, Guilherme Santos foi calçado e o árbitro apontou pênalti. Ele mesmo bateu, tirou do goleiro e ampliou.

Na etapa final, o Atlético chegou ao terceiro gol logo com cinco minutos, em chute de longe de Echaporã. Contudo, os baianos tiveram um pênalti a seu favor no lance seguinte, quando Samuel foi derrubado pelo goleiro na área. O próprio atacante bateu e diminuiu. Porém, o time da casa retomou a vantagem de três gols com Giovani, que enfileirou a defesa e fez um golaço aos 27. Aos 38, Guilherme Santos aproveitou passe na pequena área e marcou o quinto, fechando o placar.

O Galo é o terceiro colocado após a goleada, com 19 pontos. Por sua vez, o Vitória parou nos 13 pontos e perdeu uma posição – agora, o time baiano está em oitavo lugar.

Botafogo 4 x 0 Santos

Botafogo goleou o Santos por 4 a 0 em partida do Brasileirão Sub-20Botafogo goleou o Santos por 4 a 0 em partida do Brasileirão Sub-20
Créditos: JB Produções/Botafogo

Jogando no CEFAT, em Niterói (RJ), o Botafogo aproveitou a exposição defensiva do Santos e o dia iluminado de Rafael Navarro para golear por 4 a 0. O Glorioso desperdiçou a primeira grande chance aos 18, em chute de Ênio ao lado do gol após passe curto da defesa santista; no entanto, chegou à vantagem no marcador aos 30 minutos, quando o atacante Navarro recebeu nova falha da zaga adversária de presente e tocou para a rede. Ênio teve outra oportunidade antes do intervalo ao costurar a marcação e bater, mas a finalização cruzada foi para fora.

Na etapa final, Navarro fez festa aos 13 minutos e chegou ao segundo gol: roubou a bola no ataque, limpou três defensores e bateu com classe na saída do goleiro. A equipe da Estrela Solitária teve outras três chances perigosas para fazer o terceiro – duas com Navarro e uma com Ênio, mas os chutes não foram bons. Aos 28, enfim, saiu: em cobrança de falta rápida, Rafael Navarro recebeu livre na pequena área e concluiu de carrinho para selar o hat-trick. Quatro minutos depois, Juninho soltou um belo chute da entrada da área para fechar a conta.

O Botafogo disparou na tabela de classificação com o resultado positivo. A equipe carioca saltou do 14º para o sétimo lugar, com 14 pontos. Por outro lado, o Santos segue na parte inferior e ocupa a 19ª e penúltima posição, com oito.

Chapecoense 2 x 1 Cruzeiro

No CT Água Amarela, em Chapecó (SC), a Chapecoense sofreu, mas venceu o Cruzeiro por 2 a 1. A Chape abriu o placar no primeiro chute, aos dez minutos, em desvio de cabeça de Vitor após falta levantada na área. A Raposa tentou reagir e teve duas chances claras na etapa inicial com o atacante Alexandre de Jesus: na primeira, João Paulo salvou; depois, o goleiro foi salvo pela trave.

Os catarinenses voltaram com força total no segundo tempo e ampliaram aos sete minutos com Paulista, que completou cruzamento na área para marcar. Porém, Gustavo cometeu falta ofensiva aos 14 e tomou o vermelho direto, deixando o Verdão do Oeste com um a menos. A Raposa buscou pressionar e levou perigo em cruzamentos. Primeiro, Israel tentou mandar na área e acertou o travessão. Depois, Thiago, em cabeceio, e Vinícius, em chute na pequena área, quase marcaram. A blitz cruzeirense surtiu efeito aos 45, quando Guilherme cabeceou como recomenda o manual para diminuir. No entanto, foi tarde demais para o Cruzeiro.

A vitória foi crucial para a Chape, que agora tem dez pontos e ocupa a 16ª posição. A Raposa perdeu um posto e agora está na nona colocação, com 13 pontos.

Goiás 0 x 0 América-MG

A partida entre Goiás e América-MG começou agitada e muito equilibrada no CT Edimo Pinheiro, em Goiânia (GO). A primeira ameaça foi de Sandrinho, do Esmeraldino, em bicicleta por cima da trave aos sete minutos. O Coelho reagiu e acertou a rede pelo lado de fora duas vezes, em chutes de Carlos Alberto e Kawê. Os goianos voltaram ao ataque com perigo em chute de João Lucas aos 25, que parou ao bater no travessão. Já na reta final, Sandrinho soltou bomba de longe e quase abriu o placar para o Verdão.

Apesar disso, o segundo tempo foi bastante morno, com poucas oportunidades de gol. Nos acréscimos, Einsten teve grande oportunidade de dar o triunfo aos visitantes, mas mandou em cima do goleiro Vanderley e o placar terminou zerado. O empate não foi bom para nenhum dos times: ambos continuam com 12 pontos – o Coelho é o 12º colocado e o Esmeraldino vem logo atrás, na 13ª posição.

Foto: Rodrigo Gazannel/Corinthians
Fonte: CBF

Assine Prêmio: 
Contar hoje com uma mídia isenta, ética e informativa é a busca de todo leitor. Nosso Jornal e Revista oferecem informações gerais que podem ser lidas por toda a família, em uma abordagem que prima pela ética e respeito. Torne-se um assinante Prêmio e obtenha 25% de desconto aplicando o código (WELIMA).

Print Friendly, PDF & Email