Brasileirão: Atlético/MG, São Paulo e Grêmio vencem

Brasileirão: Atlético/MG, São Paulo e Grêmio vencem

Fora de casa, Galo venceu o time paulista por 2 a 1 e subiu para a primeira posição da tabela da Série A.

O Atlético-MG está de volta à liderança do Brasileirão Assaí! Neste sábado (14), o Galo visitou o Corinthians, na Neo Química Arena, e venceu por 2 a 1, de virada, com gols de Guilherme Arana e Marrony – Davó abriu o placar para o Timão no jogo válido pela 21ª rodada da competição.

Com o triunfo, o Atlético assumiu o topo da tabela de classificação, com 38 pontos. O Corinthians, com 25, ocupa a 11ª posição.

Daniel Vorley/AGIF

O jogo

No primeiro tempo em São Paulo, o Corinthians abriu o placar aos cinco minutos após Luan receber pela esquerda e cruzar na medida para Ramiro, que avançou até a segunda trave e devolveu para o meio. Davó pegou de primeira e mandou para dentro das redes: 1 a 0. Em vantagem, o Timão apertou a marcação e seguiu criando algumas chances, como na finalização de Everaldo, cortada por Réver. O Atlético-MG, tentando encontrar espaços, chegou perto de empatar com Jair, aos 43, que recebeu de Sasha na entrada da área e chutou com perigo ao gol corintiano.

O Galo voltou do intervalo buscando o empate a todo custo. E, aos 15 minutos, alcançou o objetivo. Pela esquerda, Eduardo Vargas deixou de calcanhar para Guilherme Arana, que entrou na área finalizando com força para deixar tudo igual: 1 a 1. A pressão mineira seguiu intensa até que, aos 37, Marrony recebeu cruzamento na medida de Keno e virou o jogo: 2 a 1.

No Castelão, Tricolor Paulista bateu o time da casa por 3 a 2 e está a dois pontos do líder.

Pela 21ª rodada do Brasileirão Assaí, o São Paulo conquistou uma importante vitória neste sábado (14) diante do Fortaleza. No Castelão, o time paulista venceu por 3 a 2, de virada, e segue na briga pela liderança da Série A.

Com o resultado, o Tricolor ocupa o terceiro lugar na tabela de classificação, com 36 pontos, apenas dois atrás do líder Atlético-MG. O Leão, com 24, é o 12º colocado.

Kely Pereira/AGIF

O jogo

O primeiro tempo entre Fortaleza e São Paulo foi de equilíbrio entre as equipes na Arena Castelão. Os donos da casa saíram na frente aos dez minutos, quando David aproveitou falha de Diego Costa, invadiu a área e mandou para o fundo das redes. Depois, o Tricolor passou a ter mais posse de bola, mas sem conseguir chegar com perigo na área adversária. Nas tentativas de fora da área, Daniel Alves, Rodrigo Nestor e Gabriel Sara foram os que mais levaram perigo. Até que, aos 39, Sara cobrou falta e igualou o placar.

Na volta do intervalo, o Tricolor criou algumas chances no início e marcou o segundo gol aos 15 minutos. Vitor Bueno cruzou pela esquerda, e Luciano chutou de primeira para virar. O Fortaleza se lançou ao ataque e voltou a deixar tudo igual na marca dos 28, com Wellington Paulista, que aproveitou rebote de Tiago Volpi e mandou para dentro da rede. Depois, o São Paulo voltou a balançar as redes com Luciano, aos 36, e garantiu a vitória por 3 a 2.

Em jogo agitado na Arena, Tricolor bateu o Vozão por 4 a 2.

Neste sábado (14), Grêmio e Ceará se enfrentaram na Arena do Grêmio, em Porto Alegre, e fizeram um jogo movimentado pela 21ª rodada do Brasileirão Assaí. A equipe gaúcha levou a melhor: venceu por 4 a 2 e entrou no G-6 da tabela de classificação.

Agora com 33 pontos, o Tricolor subiu para o sexto lugar da Série A, enquanto o Vozão, com 24, ocupa a 13ª posição.

Fernando Alves/AGIF

O jogo

Jogando em casa, o Grêmio dominou as ações diante do Ceará e começou a construir boa vantagem ainda no primeiro tempo. Aos 19 minutos, Jean Pyerre cobrou falta com efeito e mandou no canto de Fernando Prass para abrir o placar. Depois, aos 32, Luiz Fernando cruzou rasteiro para Pepê finalizar para o fundo das redes e ampliar. Quatro minutos depois, o Vozão descontou com Kelvyn, que chutou de fora da área e viu a bola desviar no meio do caminho e enganar Vanderlei. Ainda controlando o jogo, o Tricolor Gaúcho marcou o terceiro aos 39, quando Luiz Fernando fez boa jogada individual e tocou para Diego Souza só empurrar para o gol.

O ritmo ofensivo dos donos da casa mudou um pouco no segundo tempo, mas o controle continuou o mesmo. Até que, aos 24, Churín aproveitou cruzamento para a área e subiu para cabecear e marcar o quarto. Antes do apito final, aos 45, Tiago subiu bem após cobrança de escanteio e ainda descontou para os cearenses: 4 a 2.  

Foto: Daniel Vorley/AGIF
Fonte: CBF

Assine Prêmio: 
Contar hoje com uma mídia isenta, ética e informativa é a busca de todo leitor. Nosso Jornal e Revista oferecem informações gerais que podem ser lidas por toda a família, em uma abordagem que prima pela ética e respeito. Torne-se um assinante Prêmio e obtenha 25% de desconto aplicando o código (WELIMA).

Print Friendly, PDF & Email