Paraná: Governo recupera corredor do agronegócio da Região Oeste

Paraná: Governo recupera corredor do agronegócio da Região Oeste
Missal - 21-10-2020 - Recape asfáltico na PR 495 em Missal - Foto : Jonathan Campos / AEN

Em ações distintas, Departamento de Estradas de Rodagem do Paraná (DER-PR) está revitalizando a PR-495 no trecho entre Medianeira e Santa Helena. Intervenção prevê serviços como remendos, reperfilagem e microrrevestimento.

A rotina de Elisa Horn passa pela PR-495. Ao menos quatro vezes por dia ela encara a rodovia no trecho que liga a região central de Missal, no Oeste do Paraná, ao distrito de Dom Armando. A funcionária pública conta que foi surpreendida em outubro quando avistou operários e máquinas trabalhando na estrada. Ergueu as mãos para o céu e agradeceu pelo fim dos imponentes buracos que tanto atrapalham o ir e vir da casa para o trabalho.

“O asfalto estava péssimo, que bom que vai melhorar. Já tive de parar o carro por causa de pneu furado. Não só eu como outras pessoas aqui no distrito”, diz.

A revitalização da PR-495 compõe um grande pacote de ações do Governo do Estado em diferentes rodovias. O trecho destacado por Elisa integra a intervenção de 25 quilômetros entre Medianeira e Missal. A obra faz parte do programa de Conservação e Recuperação com Melhorias do Estado do Pavimento (Cremep) do Departamento de Estradas de Rodagem do Paraná (DER-PR). Prevê serviços como remendos, reperfilagem e microrrevestimento, feitos de modo rotineiro.

O governador Carlos Massa Ratinho Junior diz que, considerando o estado atual do pavimento no trecho, a execução de uma obra de restauração vai atender melhor os usuários, com resultados muito mais duradouros. “Investir na malha rodoviária é essencial para gerar mais segurança, melhorar a trafegabilidade, dar mais conforto para a população, além de ser fundamental para a manutenção do comércio e a atração de empresas, que geram emprego e renda”.

A expectativa é que a intervenção seja finalizada nesta quinzena de novembro. Está programada ainda para ocorrer a reforma de um trecho de seis quilômetros dentro de Medianeira. No total, o investimento nos 31,53 quilômetros é de R$ 4.382.663,96. “As melhorias no tráfego facilitam o acesso e contribuem para atração de novos investimentos, aumentando a qualidade de vida da população”, destacou o diretor-geral do DER-PR, Fernando Furitatti.

NOVAS MELHORIAS – Paralelamente, o departamento começou a trabalhar na melhoria das condições de outra parte da PR-495, os 51 quilômetros que ligam Missal e o distrito São Clemente, em Santa Helena. Serão feitos serviços de remendos, e em que os locais com buracos passam por fresagem, pintura de ligação, e aplicação de Concreto Betuminoso Usinado a Quente (CBUQ); a reperfilagem, em que o pavimento existente ganha aplicação de pintura de ligação e na sequência uma camada nova de CBUQ, compactada até que a pista fique segura e confortável para os condutores; e, por último, a sinalização horizontal do pavimento.

Neste caso, a obra integra outro programa do DER-PR, o de Conservação de Pavimentos (COP), com investimento estimado de R$ 8 milhões.

“Passo de duas a três vezes por dia por essa estrada e os buracos estavam perigosos. Ouço muitos relatos de colegas que tiveram o pneu do carro estourado. O tráfego aqui é intenso por se tratar de uma rodovia essencial para o agronegócio da região, passagem de caminhões que carregam suínos, aves e ração”, afirmou o vendedor de insumos Gilvano Andrle Damian.

“Todo mundo reclamava porque em alguns pontos quase não havia mais condições de trafegar”, acrescenta o agricultor Silmar Juens, que mora às margens da rodovia desde que nasceu, há 49 anos.

MAIS CIDADES – Setenta e quatro municípios paranaenses, de todas as regiões, também foram beneficiados com convênios da Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística ao longo desse um ano e meio. Os investimentos foram de aproximadamente R$ 146 milhões, grande parte neste ano.

“Estamos trabalhando nos macroprojetos de infraestrutura do Estado, como o Anel de Integração, os contornos rodoviários e as melhorias nas rodovias, mas mantendo as modernizações nos municípios”, explicou o secretário Sandro Alex. “Os convênios da nossa pasta ajudaram a tirar do papel demandas antigas da população, de acessos principais às avenidas de comércio. As obras impactam diretamente na rotina dos centros urbanos”, acrescentou.

Em 2019 foram 57,1 quilômetros asfaltados em 20 municípios, a maioria de recape ou pavimentação asfáltica, além de três pavimentações poliédricas em Capitão Leônidas Marques e Roncador.

Em 2020 foram investidos recursos em 174,5 quilômetros em 55 municípios (algumas cidades receberam verbas nessa linha nos dois anos). Foram, ao todo, 64 recapes ou pavimentações, cinco pavimentações poliédricas (Pinhalão, Prudentópolis, Araruna, Marumbi e Leópolis) e uma pavimentação em bloco sextavado em Santa Isabel do Ivaí.

Fonte: Agência de Notícias do Paraná

Assine Prêmio: 
Contar hoje com uma mídia isenta, ética e informativa é a busca de todo leitor. Nosso Jornal e Revista oferecem informações gerais que podem ser lidas por toda a família, em uma abordagem que prima pela ética e respeito. Torne-se um assinante Prêmio e obtenha 25% de desconto aplicando o código (WELIMA).

Print Friendly, PDF & Email