Ação em Itajaí faz parte de mobilização global promovida pela ONU

Ação em Itajaí faz parte de mobilização global promovida pela ONU

Campanha pelo fim da violência contra as mulheres terá 16 dias de ativismo online.

O Município de Itajaí está engajado na campanha mundial 16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência Contra as Mulheres. Neste ano, a iniciativa ocorrerá online para sensibilizar, prevenir e eliminar casos de violência contra meninas e mulheres. As ações ocorrerão de 25 de novembro (Dia Internacional pela Eliminação da Violência Contra as Mulheres) a 10 de dezembro (Dia Internacional dos Direitos Humanos).

Em Itajaí, a campanha é coordenada pela Rede de Atenção Integral às Pessoas em Situação de Violência (RAIPSV), por meio da Secretaria de Saúde. Por conta da pandemia de coronavírus, as atividades se concentrarão no Facebook e Instagram da Rede. Ao longo dos 16 dias, serão publicadas informações sobre os canais de denúncias, locais de apoio a urgências e emergências, tipos de violência, entre outros assuntos pertinentes à temática.

> Acesse o Facebook da Rede de Atenção Integral às Pessoas em Situação de Violência

> Acesse o Instagram da Rede

Durante a campanha, também será distribuído um informativo sobre como denunciar e onde procurar ajuda em casos de situação de violência. O material ficará disponível à população nas Unidades Básicas de Saúde, nos serviços da Secretaria de Assistência Social, supermercados, farmácias, lotéricas, entre outros estabelecimentos comerciais.

A coordenadora da Rede de Atenção as Pessoas em Situação de Violência de Itajaí, Thamara Garcia Del Mir, salienta que embora as ações deste ano sejam virtuais, é importante que a população acompanhe e ajude no compartilhamento das informações.

“Há muitas mulheres que estão em situação de violência doméstica e não conseguem se desvincular do parceiro, permanecendo no relacionamento abusivo e em situação de risco, por diversos fatores. Por isso, é importante que a mulher tenha amparo e acesso às informações necessárias, bem como uma rede de apoio para que se sinta fortalecida e, principalmente, protegida para realizar a denúncia. Há mulheres que se culpam, acreditam que têm responsabilidade pela situação em que se encontram e que o autor da violência não é o responsável, ou estão tão fragilizadas que não conseguem procurar ajuda e/ou denunciar”, destaca Thamara.

A mobilização em Itajaí faz parte da ação global “Una-se pelo Fim da Violência Contra as Mulheres”, da Organização das Nações Unidas (ONU).

Dia laranja
De 25 de novembro a 10 de dezembro, estabelecimentos comerciais, prédios e repartições públicas são convidados a iluminar suas fachadas com a cor laranja, em alusão aos 16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência Contra as Mulheres.
 

Fonte: itajai.sc.gov.br

Contar hoje com uma mídia isenta, ética e informativa é a busca de todo leitor.

Nosso Jornal e Revista oferecem informações gerais que podem ser lidas por toda a família, em uma abordagem que prima pela ética e respeito.

Torne-se um assinante Prêmio e obtenha 25% de desconto acesse o link abaixo e aplique o código JOMAFE e obtenha o desconto promocional.

Assinatura Leitor Prêmio

Print Friendly, PDF & Email