Dólar fecha estável com escalada de casos de covid-19

Dólar fecha estável com escalada de casos de covid-19

Bolsa recua 1,05% depois de três dias seguidos de alta.

Os receios relacionados à escalada de casos de covid-19 na Europa e em regiões dos Estados Unidos que estavam relativamente contidas fizeram o dólar reverter a queda durante a sessão e fechar com leve alta. Num dia de ajustes, a bolsa de valores caiu após três altas seguidas.

O dólar comercial encerrou esta quarta-feira (18) vendido a R$ 5,337, com alta de R$ 0,007 (+0,13%). A divisa chegou a cair para R$ 5,27 na mínima do dia, por volta das 12h, mas reverteu o movimento ao longo da tarde.

Apesar da divulgação pela Pfizer de que a taxa de eficácia da vacina contra a covid-19 foi revisada para 95%, o mercado refletiu a decisão da cidade de Nova York de voltar a fechar as escolas para conter a alta de casos da doença. Depois de um pico de casos em maio, a metrópole registrava, até agora, contenção nas infecções. A taxa de mortalidade na Europa retomou os níveis registrados na fase mais aguda da pandemia.

No mercado de ações, o índice Ibovespa, da B3, fechou esta quarta aos 106.119 pontos, com recuo de 1,05%. As ações atravessaram um movimento de realização de lucros, quando os investidores vendem papéis para embolsarem ganhos recentes. Na última terça-feira (17), o Ibovespa tinha superado os 107 mil pontos e fechado no nível mais alto desde o fim de fevereiro.

Fonte: Agência Brasil – Imagem de destaque: REUTERS/Rick Wilking/Direitos Reservados

Contar hoje com uma mídia isenta, ética e informativa é a busca de todo leitor. Nosso Jornal e Revista oferecem informações gerais que podem ser lidas por toda a família, em uma abordagem que prima pela ética e respeito. Torne-se um assinante Prêmio e obtenha 25% de desconto aplicando o código (JOJOJO).

Assinatura Leitor Prêmio

Print Friendly, PDF & Email