SP: Hemonúcleo de Jundiaí quer receber 720 doações para aumentar estoques de sangue

SP: Hemonúcleo de Jundiaí quer receber 720 doações para aumentar estoques de sangue

Com estoque crítico, unidade pede ajuda da população para reabastecimento total; meta é receber mais de 700 pessoas até a próxima semana.

O Hemonúcleo de Jundiaí, sob responsabilidade da Colsan (Associação Beneficente de Coleta de Sangue), convoca doadores com o objetivo de atingir mil pessoas até a próxima semana, quando será celebrado o Dia Nacional do Doador de Sangue, em 25 de novembro.

A finalidade é utilizar plena capacidade de coleta no serviço, incentivando as doações para reverter a situação crítica dos estoques, uma vez que a unidade é responsável por fornecer sangue para os serviços de saúde de toda a região.

Em outubro, foi registrada redução dos estoques de bolsa em 40%, reflexo do período de pandemia. Por isso, pede ajuda aos doadores para atingir as capacidades totais de doações, o que impacta diretamente na disponibilidade de bolsas de sangue para as redes de saúde regional.

O Hemonúcleo tem capacidade para coletar uma média diária de 120 doações. Atualmente, trabalha com cerca de 72 doações por dia de segunda à quinta-feira, e habitualmente alcança a meta de 120 doações às sextas-feiras e aos sábados. Hoje, a maior necessidade neste serviço é dos tipos sanguíneos de “O+” e “O negativo”.

“A doação de sangue é fundamental para a manutenção dos estoques de componentes do sangue nos hospitais. Neste período de pandemia houve uma diminuição da doação de sangue espontânea. Atualmente estamos precisando de solicitar muito aos familiares de pacientes internados doarem. Precisamos de um número estável e constante de doações para mantermos os estoques em níveis adequados. E, por isso, pedimos ajuda e apoio da população”, alerta o gerente médico do Colsan de Jundiaí, João Augusto.

Medidas preventivas contra a COVID-19

Durante a pandemia, a unidade adotou todos os critérios estabelecidos para segurança dos doadores como reforço na desinfecção dos ambientes, desinfecção das cadeiras a cada troca de doador, EPIs (Equipamentos de Proteção Individual) para os colaboradores, álcool em gel e o uso de máscara, que é obrigatório. Além disso, a Associação conta com o recurso do aplicativo “Colsan Doe Vidas” para agendamento das doações em qualquer ponto de coleta de sangue da Colsan, incluindo as unidades regionais. Em Jundiaí, são disponibilizados 17 horários por dia para agendamento prévio.

O Hemonúcleo de Jundiaí está localizado na Rua XV de Novembro, 1848, Centro, Jundiaí. O atendimento acontece de segunda a sábado, das 7h30 às 12h30. Mais informações, disponíveis no site www.colsan.org.br.

Quais são os critérios para doar sangue?

  • Ter entre 16 e 69 anos (se for menor de idade, só com autorização dos pais e responsáveis);
  • Estar com a saúde em dia;
  • Pesar, no mínimo, 50 kg;
  • Apresentar um documento de identidade oficial, com foto (RG, CNH);
  • Não ter ingerido bebida alcoólica no mínimo 12 horas antes da doação.
  • Não deve estar em jejum.

Recomendações complementares em meio a pandemia:

  • Pessoas que foram infectadas pela COVID-19 só poderão doar 30 dias após a completa recuperação;
  • Pessoas que tiveram contato com pessoas infectadas nos últimos 30 dias pelo COVID-19 não poderão dor sangue por 30 dias desde o último contato;
  • Pessoas que estejam em isolamento indicado por equipe médica devido a suspeita pela COVID-19 não poderão dor sangue por 30 dias;
  • Pessoas que apresentarem febre, tosse ou qualquer sintoma gripal só poderão doar sangue 30 dias após a completa recuperação.
Fonte: Governo de São Paulo

Assine Prêmio: 
Contar hoje com uma mídia isenta, ética e informativa é a busca de todo leitor. Nosso Jornal e Revista oferecem informações gerais que podem ser lidas por toda a família, em uma abordagem que prima pela ética e respeito. Torne-se um assinante Prêmio e obtenha 25% de desconto aplicando o código (WELIMA).

Print Friendly, PDF & Email