América-MG bate o Operário-PR e assume a vice-liderança da Série B

América-MG bate o Operário-PR e assume a vice-liderança da Série B

Além do Coelho, Oeste, CRB e CSA também venceram seus jogos neste sábado de Série B.

Quatro jogos encerram, neste sábado (21), a 22ª rodada da Série B. Fora de casa, o América-MG venceu o Operário-PR por 1 a 0 e assumiu a vice-liderança da competição. Também atuando como visitante, o CSA levou a melhor diante do Cuiabá pelo mesmo placar. Já Oeste e CRB fizeram valer o mando de campo contra Brasil-RS e Náutico, respectivamente. Veja como foi:

+Confira a tabela da Série B!

Operário-PR 0 x 1 América-MG
O Coelho não quis saber se o jogo era fora de casa e pulou na frente do marcador, logo aos três minutos de bola rolando no Germano Krüger. Léo Passos aproveitou uma bobeira da defesa adversária e bateu direto para o fundo das redes. Tentando uma resposta rápida, o Operário assustou em finalização perigosa de Ricardo Bueno, aos cinco. O time da casa seguiu pressionando, mas sem conseguir furar o bloqueio mineiro optou pelos cruzamentos e pelos chute de média distância. Aos 29, Diego Cardoso, de cabeça quase marcou, enquanto Tomas Bastos em arremate de fora da área viu Matheus Cavichioli fazer a defesa, aos 31. Depois das conversas nos vestiários, o Fantasma passou a jogar com um a menos após expulsão de Pedro Ken, aos dois. Em desvantagem no campo e no placar, a equipe paranaense perdeu volume de jogo. Do outro lado, o América soube administrar o resultado e por pouco não ampliou a contagem com Ademir, que parou em Thiago Braga, aos 34. 

Depois de três rodadas sem vitória, o América voltou a vencer na Série B, chegou aos 40 pontos e pulou para vice-liderança. Já o Operário tem 29 pontos e aparece na décima posição. 

Oeste 2 x 1 Brasil-RS
Na Arena Barueri, o Oeste tomou as rédeas do jogo desde os primeiros minutos. Aos cinco, De Paulo colocou a bola na área e Alex Ruan na tentativa de afastar o perigo mandou contra o próprio patrimônio: 1 a 0. Placar aberto, o time da casa seguiu pressionando. Aos 24, Caio parou em grande defesa de Rafael Martins. Dois minutos depois, o goleiro do Xavante nada pode fazer contra arremate de Pedrinho. Após contra-ataque fulminante do Rubrão, Caio carimbou o travessão e o atacante apareceu para ampliar a contagem. Na sequência, De Paula teve grande chance de fazer terceiro, mas mandou para fora. Correndo atrás do prejuízo, o Brasil-RS voltou melhor para a etapa complementar. Matheus Oliveira, aos 20, e Bruno José, aos 32, assustaram. O primeiro não passou por Caíque, enquanto o segundo errou alvo. Até que, aos 39, Matheus Oliveira recebeu na esquerda e cruzou na medida para Dellatorre fazer 2 a 1. Mas a reação gaúcha parou por aí. Do outro lado, o Oeste chegou com perigo em finalizações de Pedrinho e Bruno Alves, mas o placar seguiu sem mudanças até o apito final.

Com o resultado, o Oeste chegou aos 11 pontos, mas segue na lanterna da competição. Já o Xavante tem 26 pontos e ocupa a 14ª posição. 

CRB 2 x 1 Náutico
O Náutico até assustou primeiro no Rei Pelé em finalizações Jean Carlos e Erick, aos 15. Mas aos poucos, o CRB colocou ordem na casa e passou a controlar o duelo. Aos 22, Pablo Dyego chegou para o Galo. Na sequência, Robinho também levou perigo. Até que, nos acréscimos, Pablo Dyego teve mais uma chance e dessa vez não desperdiçou. Luidy colocou a bola na área, Reginaldo ajeitou de cabeça e o atacante aparece para completar para o fundo das redes: 1 a 0. Na volta do intervalo, o Náutico quase chegou ao empate com Camutanga. Mas foi o CRB que voltou a marcar. Aos 17 minutos, Luidy deixou dele em belo arremate de fora da área: 2 a 0. Com a vantagem no marcador, o time da casa cadenciou o ritmo do jogo. Já aos 40, Álvaro, em golaço de letra, descontou para o Timbu, mas a reação dos visitantes parou por aí.

A vitória mantém o Galo na oitava posição, agora com 32 pontos. Enquanto o Náutico tem 20 e segue na zona de rebaixamento. 

Cuiabá 0 x 1 CSA
O duelo começou devagar na Arena Pantanal, com muita troca de passes, mas pouca efetividade dos dois lados. Até que, já na marca dos 31, Rodrigo Pimpão recebeu na entrada da área e, de cobertura, abriu o placar para o CSA. Minutos antes do intervalo, o Azulão por pouco não marcou o segundo com Norberto, que carimbou a trave. O Cuiabá respondeu com Luiz Gustavo, mas não conseguiu levar o empate para o segundo tempo. A etapa complementar do confronto também foi de pouca inspiração. Luiz Gustavo e Elton tentaram para o Dourado. Enquanto os visitantes responderam mais uma vez com Rodrigo Pimpão. Mas foi só. Sem outras grandes chances, o placar parcial do primeiro tempo seguiu até o apito final.

Com o resultado, o CSA chegou aos 31 pontos e pulou para nona posição. Já o Cuiabá tem 37 e é o quinto colocado. 

Foto: João Vitor/AGIF
Fonte: CBF

Assine Prêmio: 
Contar hoje com uma mídia isenta, ética e informativa é a busca de todo leitor. Nosso Jornal e Revista oferecem informações gerais que podem ser lidas por toda a família, em uma abordagem que prima pela ética e respeito. Torne-se um assinante Prêmio e obtenha 25% de desconto aplicando o código (WELIMA).

Print Friendly, PDF & Email