Tsuboi vence chinês e briga por vaga nas quartas de final em Macau

Tsuboi vence chinês e briga por vaga nas quartas de final em Macau

Com Calderano já garantido, Brasil pode ter dois dos oito finalistas.

O brasileiro Gustavo Tsuboi avançou à segunda fase do WTT de Macau, competição que encerra o circuito mundial de tênis de mesa em 2020. Nesta quarta-feira (25), o paulista derrotou o chinês Zhao Zihao, 23º colocado no ranking da Federação Internacional da modalidade (ITTF, sigla em inglês), por 3 sets a 1, de virada, com parciais de 4/11, 11/6, 11/8 e 11/8. Número 44 do mundo, Tsuboi volta a jogar ainda nesta quarta, por volta das 23h40 (horário de Brasília), contra o sueco Mattias Falck, que ocupa o nono lugar no ranking da ITTF.

“No começo eu estava um pouco nervoso. Sempre o primeiro jogo é um pouco difícil. Ainda mais com tantas mudanças, cor da mesa, a arena de jogo, o jeito de pegar a toalha, as bolas. Perdi bem fácil o primeiro set, ele impôs seu jogo e não consegui fazer quase nada. Foi bom depois, que eu consegui achar meu jogo. Consegui variar bastante, saque, recepção. E as coisas foram fluindo melhor, o meu espírito de luta foi crescendo”, declarou Tsuboi, segundo comunicado da Confederação Brasileira de Tênis de Mesa (CBTM).

O regulamento do campeonato em Macau, que reúne 16 jogadores ao todo, é bem diferente do convencional. Os quatro melhores ranqueados entre os participantes – caso do também brasileiro Hugo Calderano, número seis do mundo – entram direto nas quartas de final, mas, antes jogam entre si para definir o posicionamento como cabeças de chave no mata-mata. Os jogos deste grupo são em melhor de cinco sets, com parciais até cinco pontos (ao invés de 11).

Número 1 do Brasil, Calderano foi derrotado na estreia em Macau. Também nesta quarta-feira, o carioca perdeu para o chinês Xu Xin, segundo do mundo, por 3 sets a 2, com parciais de 4/5, 3/5, 5/1, 5/2 e 5/3. Na quinta-feira (26), às 7h30, o brasileiro decide o posto de terceiro cabeça de chave com outro chinês, Lin Gaoyuan, quinto na lista da ITTF.

Os outros 12 atletas competem em outro grupo, de forma eliminatória. Os jogadores com as oito “piores” colocações no ranking entre eles começaram na primeira fase. Os vencedores – como Tsuboi – encaram, agora, os quatro mais bem posicionados entre os mesatenistas que ainda não haviam estreado. Os ganhadores dos confrontos, então, cruzam-se com os quatro cabeças de chave nas quartas de final.

Além da possibilidade de reunir os principais jogadores do mundo, o torneio tem a premiação como atrativo. Cada jogador recebe uma bolsa de cerca de R$ 80 mil só de participação. Se for campeão, o atleta pode acumular mais de R$ 480 mil em bonificações.

Foto: Divulgação/ITTF
Fonte: Agência Brasil

Assine Prêmio: 
Contar hoje com uma mídia isenta, ética e informativa é a busca de todo leitor. Nosso Jornal e Revista oferecem informações gerais que podem ser lidas por toda a família, em uma abordagem que prima pela ética e respeito. Torne-se um assinante Prêmio e obtenha 25% de desconto aplicando o código (WELIMA).

Print Friendly, PDF & Email