Refrigerador Monitor Top GE

Refrigerador Monitor Top GE

Dando continuidade a série: “50 máquinas que mudaram o rumo da história”. Refrigerador Monitor Top GE.

A existência de depósitos de gelo (Casa de gelo, porões revestidos de madeira e palha, etc) são registrados desde a antiguidade. O gelo era coletado no inverno e armazenado em depósitos ou enterrado em poços profundos para ser usado no verão, mas devido ao mau armazenamento e isolamento havia uma grande taxa de desperdício.

Até o século XIX bebidas geladas estavam disponíveis para todos apenas durante o inverno, pelo menos naquelas latitudes em que a neve e o gelo eram abundantes; mas, em meses mais quentes, apenas as pessoas de melhor poder econômico que tinham esse privilégio.

Com o crescimento da população urbana durante a Primeira Revolução Industrial, seguindo o aumento dos padrões de vida da Segunda, surgiu a necessidade de crescente por refrigeração: tanto para transporte de alimentos frescos que vinham de área de produção distantes quanto para luxos como bebidas e geladas e sorvetes.

História da refrigeração

Jacob Perkins (1766-1849), inventor e físico americano trabalhou como aprendiz de ourives e ficou famoso pelas invenções de peças mecânica, em 1818 ele foi para a Inglaterra com a ideia de fazer moldes de papel moeda que por sinal foi um sucesso. E foram seus experimentos científicos que provaram a compressibilidade da água, esse foi sua principal contribuição a física.

A importância da descoberta de Jacob Perkins advém do fato de que a refrigeração atual funciona primariamente a partir do princípio da compressibilidade de um liquido. Onde o quando um líquido é rapidamente vaporizado, rapidamente se expande e necessita de energia. Ele retira essa energia do local mais próximo, que perde energia, e fica mais frio.

O primeiro refrigerador artificial conhecido foi demonstrado por Willian Cullen (1710 – 1790), um médico, químico e físico escocês, na universidade de Glasgow, em 1748.

Em 1805, Oliver Evans (1755 – 1819), um inventor americano, projetou a primeira máquina de refrigeração movida a vapor, mas nunca construiu uma. Seu projeto foi modificado e usado a princípio da compressão de vapor, construído por Jacob Perkins em 1834, foi a primeiro ano que primeira patente de uma máquina de refrigeração registrado por Perkins.

O fornecimento de gelo para clientes domésticos era um dos maiores negócios do século XIX, mas para manter um frigorífico doméstico funcional era trabalhoso e como a demando estava crescendo, garantir que a mesma fosse atendida tornou-se um verdadeiro desafio. Com o desenvolvimento da refrigeração mecânica em 1834 aplacou o problema.

John Gorrie (1802 – 1855), médico americano, passou sua vida tentando melhorar as condições de vida de seus pacientes. Pregava o esfriamento dos quartos hospitalares para reduzir a febre e deixar os pacientes mais confortáveis. Para isso, usava gelo em uma bacia suspensa no teto (aproveitando que o ar é gelado é mais pesado e descia aos pacientes até uma abertura próxima do chão). Como o gelo precisava ser trazido de barco dos lagos congelados do norte, e armazenados com serragem, Gorrie construiu em 1844 um refrigerador baseado nos projetos de Oliver Evans. Ele é considerado o pai do ar-condicionado. Em 1845, desistiu da prática médica para continuar seus projetos de refrigeração. Seu modelo original está até hoje no Instituto Smithsoniano.

Na década de 1870 as primeiras industrias a introduzir refrigeração em larga escala foram as de fabricação de bebidas e na década seguinte a de produção de carne.

Os frigoríficos industriais eram muito grandes para o uso doméstico, nos primeiros que chegaram aos lares, a câmara frigorífica ficava no porão e a geladeira na cozinha.  

O primeiro refrigerador doméstico aparentemente foi produzido em 1913 por Fred W. Wolf Junior em Chicago, chamado Domelre (Domestic Eletric Refrigerator) mas não foi um sucesso comercial.

Em 1916 a companhia Kelvinator produziu refrigeradores que foi o sucesso comercial como seus descendentes modernos, resfriavam usando uma bomba de calor de fase alternada.

Só em 1925 foram fabricados os primeiros refrigeradores que continham numa mesma unidade a caixa de resfriamento e o motor, compressor e condensador (trio que antes existia separado, ao lado ou embaixo da geladeira.

O primeiro refrigerador a ter sucesso mundial foi um modelo da General Eletric (Monitor-Top) de 1927.

Referências Bibliográficas
CHALINA, Eric. 50 Máquinas que mudaram o Rumo da História. Tradução de Fabiano Morais. Rio de Janeiro. Sextante. 2014.  
 História da Geladeira. Geladeiras Antigas. Acesso em 25 de nov. de 2020.

SEU APOIO VOLUNTARIO MUITO É IMPORTANTE!

Sua assinatura não só fornecerá notícias precisas, mas também contribuirá para o crescimento do bom jornalismo que ajudará a salvaguardar nossas liberdades e democracia para as gerações futuras.

Torne-se um assinante Prêmio e obtenha 25% de desconto acesse o link abaixo e obtenha o desconto promocional.

LINK ASSINATURA ANUAL PAGAMENTO ÚNICO

Obrigado pelo apoio!

Print Friendly, PDF & Email