News

Paraná: Confirmado leilão de área de veículos do Porto de Paranaguá

Após a abertura das propostas recebidas nesta terça-feira (15), a oferta será definida na modalidade viva-voz, na sexta-feira (18), na Bolsa de Valores de São Paulo (B3).

Está encerrado o prazo para apresentação dos envelopes dos interessados em participar com lances do leilão de nova área destinada a veículos no Porto de Paranaguá. Após a abertura das propostas recebidas nesta terça-feira (15), a oferta será definida na modalidade “viva-voz”, na sexta-feira (18), na Bolsa de Valores de São Paulo (B3).

“O interesse do mercado mostra que é uma área atrativa e que o projeto é economicamente viável. O leilão é estratégico para o Paraná e significa mais investimentos e uma melhora na cadeia logística deste importante segmento”, comenta o diretor-presidente da Portos do Paraná, Luiz Fernando Garcia. 

A área, a primeira a ser licitada pela empresa pública, após a Lei Federal 12.815/13 (que trata da descentralização da gestão portuária), tem 74 mil metros quadrados e capacidade para quatro mil veículos. O arrendamento tem prazo de 25 anos, renováveis a critério do Poder Concedente.

Depois da entrega dos envelopes, as propostas serão avaliadas e a licitação será por maior valor de outorga. Para garantir a total e irrestrita publicidade da Sessão Pública do Leilão, todos os atos serão transmitidos ao vivo, via streaming, a partir das 15h, no site www.tvb3.com.br bem como no Canal da B3 no YouTube.

Fonte: Agência de Notícias do Paraná

Assine Prêmio: 
Contar hoje com uma mídia isenta, ética e informativa é a busca de todo leitor. Nosso Jornal e Revista oferecem informações gerais que podem ser lidas por toda a família, em uma abordagem que prima pela ética e respeito. Torne-se um assinante Prêmio e obtenha 25% de desconto aplicando o código (WELIMA).

Print Friendly, PDF & Email

Wesley Lima

Colunista associado para o Brasil em Duna Press Jornal e Magazine, reportando os assuntos e informações sobre atualidades culturais, sócio-políticas e econômicas da região.
Botão Voltar ao topo