Secretaria de Saúde repassa orientações e cuidados contra o câncer de pele

Secretaria de Saúde repassa orientações e cuidados contra o câncer de pele

A Secretaria de Saúde de Itajaí está reforçando as orientações e cuidados com o câncer de pele durante o Dezembro Laranja. O objetivo da iniciativa é alertar a população sobre a doença e seus principais sinais para detecção e tratamento precoces. Durante esta semana, o Centro Médico de Referência São Judas intensificou as consultas em teledermatologia para atendimento de pacientes com suspeita de câncer.

Criada em 2014, a campanha Dezembro Laranja foi desenvolvida pela Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD). O câncer de pele é hoje o tipo mais frequente no Brasil e corresponde a 30% de todos os tumores malignos registrados. A estimativa do Instituto Nacional do Câncer (Inca) é que sejam identificados de 180 a 200 mil casos de câncer de pele por ano no Brasil.

Para garantir o diagnóstico precoce e aumentar as chances de cura da doença, o médico dermatologista da Secretaria de Saúde de Itajaí, Marcelo Watanabe, ressalta que os moradores devem ficar atentos aos sinais. Entre eles: manchas que se modificam muito rápido, alterando cor e forma, e feridas que não cicatrizam.

“Também são mais vulneráveis ao câncer de pele pessoas com alteração na imunidade, com histórico familiar de câncer e que ficam muito expostas ao sol, como pescadores, trabalhadores da construção civil e agricultores”, explica Watanabe.

Quem notar algum desses sinais deve buscar atendimento na unidade básica de saúde mais próxima de casa. Os pacientes são encaminhados para o serviço de teledermatologia com dermatoscópio digital, que agiliza os diagnósticos. Os médicos dermatologistas avaliam os casos e pessoas com suspeita de câncer de pele são atendidos mais rapidamente.

“A maioria dos casos de câncer são do tipo não melanoma e têm altos índices de cura se detectados precocemente. Por isso, sempre que perceber algum sinal diferente é importante buscar atendimento médico para investigação”, comenta Marcelo Watanabe.

De outubro a dezembro deste ano, o Centro Médico de Referência São Judas realizou mais de 130 atendimentos em teledermatologia. Destes pacientes, pelo menos 28 foram classificados como amarelo, ou seja, com possível suspeita de câncer de pele. Nesta semana, a unidade também intensificou os atendimentos e chamou todos os pacientes suspeitos que estavam na fila do serviço.

Dicas para se proteger:

Use protetor com fator de proteção solar (FPS) 30 ou mais, e reaplique o produto a cada 2 horas;
Evite pegar sol no horário entre 10h e 16h;
Se entrar na água, reaplique o protetor solar à prova d’água após 40 minutos;
Não realize bronzeamento artificial em câmeras de radiação. Estes equipamentos são proibidos e podem causar câncer de pele;
Exponha-se ao sol com moderação. Cerca de 20 minutos diários são suficientes para repor a vitamina D;
Trabalhadores que atuam ao ar livre devem usar chapéus de abas largas, óculos escuros, roupas de cubram boa parte do corpo e protetores solares;
Fique atento aos sinais em seu corpo. Na dúvida, procure atendimento em uma unidade de saúde. 

Crédito: Maikeli Alves

Fonte: itajai.sc.gov.br


SEU APOIO VOLUNTARIO É MUITO IMPORTANTE!
Sua assinatura não somente ajudará no fornecerá notícias precisas, mas também contribuirá para o crescimento do bom jornalismo que ajudará a salvaguardar nossas liberdades e democracia para as gerações futuras.

Tornando-se assinante Prêmio!

Através do link abaixo você obtém 25% de desconto, também contribuirá com ações voltadas a proteção de animais em situações de abandono, e vítimas de maus tratos. Acesse o link ou escaneie o QRcode o abaixo e obtenha o desconto promocional e contribua com a causa animal!

Conheça como funciona o trabalho de uma OSCIP que resgata animais em situação de risco e abandono.

LINK ASSINATURA ANUAL PAGAMENTO ÚNICO

Print Friendly, PDF & Email