“Dói, mas não vou desistir”, diz Albon

“Dói, mas não vou desistir”, diz Albon

Alex Albon compartilhou seus sentimentos pela primeira vez sobre a perda de seu assento na Red Bull para Sergio Perez. Em um post no Instagram, o piloto tailandês – que se tornará o piloto de teste e reserva da Red Bull em 2021 – revelou o que pensa, além de agradecer aos fãs pelo apoio.

O futuro de Albon ao lado de Max Verstappen na Red Bull parecia incerto ao longo da segunda metade da temporada de 2020, embora a equipe tenha dito que daria a ele todas as chances de tornar o assento seu.

Falando pela primeira vez desde o anúncio de sexta-feira, Albon escreveu: “Não posso mentir, pessoal, dói. Eu dei tudo lá fora, mas não foi o suficiente”.

“Eu quero dizer um grande obrigado a todos vocês que me apoiaram ao longo deste ano, especialmente meus fãs tailandeses. Com todas as opiniões diferentes por aí, eu sempre tive vocês para me ajudarem a superar isso.

“Não vou desistir, coloquei minha vida nisso e não vou deixar isso parar por aqui. Tenho mais a dar e meu foco é voltar para 2022 e agitar a bandeira tailandesa novamente”.

O amigo e companheiro de viagem George Russell já havia manifestado seu apoio à Albon, escrevendo simplesmente no Twitter: “Você vai voltar, cara”.

Fonte: Fórmula 1

Assine Prêmio: 
Contar hoje com uma mídia isenta, ética e informativa é a busca de todo leitor. Nosso Jornal e Revista oferecem informações gerais que podem ser lidas por toda a família, em uma abordagem que prima pela ética e respeito. Torne-se um assinante Prêmio e obtenha 25% de desconto aplicando o código (WELIMA).

Print Friendly, PDF & Email