News

Escolas do Estado adotam sala de planejamento pedagógico como estratégia inovadora do ensino-aprendizagem amapaense

Compartilhar

O ambiente é padronizado e feito pensando em um contexto de educação cada vez mais integrada. Iniciativa do Governo do Amapá é coordenada pela Secretaria de Estado da Educação.

Nesta sexta-feira, 18, novas unidades de ensino foram inauguradas na escola professora Nanci Nina Costa, localizada na zona sul de Macapá, e o Centro Integrado de Formação Profissional em Pesca e Aquicultura do Amapá (CIFPA), que fica no município de Santana.

Projetada para ser um espaço de integração e troca de experiências entre professores e coordenadores pedagógicos, o ambiente é uma iniciativa do Governo do Amapá, coordenada pela Secretaria de Estado da Educação (Seed), com a missão de auxiliar no processo pedagógico das unidades escolares.

Os novos espaços contam com computadores com acesso à internet, bloco de cavalete, projetor e tela de projeção, mesas e cadeiras compartilhadas, além de painéis para visualização das metas, indicadores e principais informações da escola.

De acordo com a professora e coordenadora pedagógica da escola Nanci Nina Costa, Ediane Ribeiro, o novo espaço possibilitará a integração entre professores e pedagogos, além de antecipar estratégias educacionais.

“Nós estamos assumindo novas funções por conta da pandemia e isso significa dizer que tivemos que nos adaptar, adotar novas práticas. Voltado ao lado do planejamento, a sala possibilita que antecipemos estratégias pensadas em coletivo para executar em favor dos estudantes”, disse Ediane.

Já para a coordenadora pedagógica da escola de pesca, Josilene Araújo, os estudantes têm apresentado bons resultados em relação às atividades trabalhadas pelos professores, e poderão ser ainda mais beneficiados com o que será planejado no novo ambiente.

“Nossos estudantes têm respondido bem as práticas pedagógicas trabalhadas com eles, e esse espaço melhorará, ainda mais, essas práticas, tendo em vista que aqui o professor terá um ambiente para planejar e executar suas aulas utilizando recursos tecnológicos e práticas pensadas para eles”, destacou Josilene.

Segundo a secretária de Educação, Goreth Sousa, todos os recursos necessários para desenvolver ações pedagógicas de apropriação e implementação do Referencial Curricular Amapaense estarão à disposição dos educadores nesse projeto.

“A sala de planejamento é para debater sobre o ensino aprendizagem, competências e habilidades. É também local de conversa sobre o ensino híbrido e de estudo sobre dados, cenários, metodologias e práticas pedagógicas diferenciais. Certamente, aqui os educadores terão grandes ferramentas para atuarem por uma educação de qualidade”, concluiu Goreth Sousa.

Fonte: Governo do Amapá

Assine Prêmio: 
Contar hoje com uma mídia isenta, ética e informativa é a busca de todo leitor. Nosso Jornal e Revista oferecem informações gerais que podem ser lidas por toda a família, em uma abordagem que prima pela ética e respeito. Torne-se um assinante Prêmio e obtenha 25% de desconto aplicando o código (WELIMA).

Print Friendly, PDF & Email

Compartilhar

Wesley Lima

Colunista associado para o Brasil em Duna Press Jornal e Magazine, reportando os assuntos e informações sobre atualidades culturais, sócio-políticas e econômicas da região.
Botão Voltar ao topo