Jornalista brasileiro sofre acidente durante custódia do Estado

Jornalista brasileiro sofre acidente durante custódia do Estado
O Jornalista e preso político na democrática república do Brasil |

Oswaldo Eustáquio, Jornalista brasileiro, único preso político do país, sofreu um grave acidente durante sua instância em uma prisão brasileira. As informações ainda são imprecisas e não se sabe ao certo se ele poderá se recuperar da grave lesão sofrida na quinta vértebra que ainda está pendente de exames que exigem análises especiais e que o hospital onde foi ingressado não possui as tecnologias necessárias para esses exames.

A depudata federal Bia Kics publicou em seu twitter o acompanhamento do caso

O jornalista é acusado inconstitucionalmente por delito inexistente/desconhecido

Perseguido pelo juiz Alexandre de Morais, um dos membros da Suprema Corte deste País com diversos pedidos de impeachment e processos engavetados pelo presidente da câmara federal Brasil.

O Jornalista preso a mando de Alexandre de Moraes perde o movimento das pernas e deputados se pronunciam Por volta da meia-noite, a esposa do jornalista Oswaldo Eustáquio, preso a mando de Alexandre de Moraes nos inquéritos que conduz em segredo no Supremo Tribunal Federal, informou que o jornalista perdeu o movimento das pernas no acidente que o levou ao hospital. Sandra Terena disse: “Gente, estou aqui no hospital. Só falei com o médico. Fui informada que meu marido Oswaldo Eustáquio teve fratura na 5t e chegou ao hospital sem o movimento das pernas.

Até agora nem eu nem o advogado pudemos ver meu marido. Angustiante isso. Ele precisa fazer ressonância”. A deputada Bia Kicis, que estava acompanhando o caso, afirmou: “Acabo de sair do hospital de base onde estive com o médico que atendeu o Oswaldo Eustáquio. Ele fez uma tomografia e está com uma lesão na 5ª vértebra que precisa ser investigada por uma ressonância magnética.

O HBDF não possui esse aparelho (absurdo, será minha 1ª emenda 2021). A expectativa é de que o exame seja feito em outro local em 2 dias. Falei com o secretário de segurança do DF, Anderson Gustavo, para garantir junto ao governo do DF que a ressonância seja feita nas próximas horas a fim de que se identifique a real extensão da lesão e se dê o tratamento a tempo.Já contactei um dos maiores neurocirurgiões em coluna do Brasil e o pus em contato com o médico do HDB.

Ele está acompanhando e me dando as orientações. O mais importante é cuidar da saúde, depois da apuração dos fatos”. Pouco depois, ela acrescentou: “Acabo de receber uma ligação do Delegado Anderson Torres (Secretário de Segurança Pública do DF), que conversou com o secretário de saúde do DF, Osnei Okumoto, que garantiu que a ressonância será feita amanhã às 7:00 h da manhã no HUB. Obrigada Secretário Anderson e Secretário Osnei pela pronta resposta.

Agora é rezar para que tudo termine bem! Agradeço ao dr. Vinicius Benites (o neurocirurgião que mencionei acima) por todo apoio e seguimos acompanhando”. Uma imagem de uma ficha médica que circula na internet, atribuída ao hospital, relata que o jornalista já encontrava-se paraplégico quando foi socorrido. Segundo o documento, houve “acunhamento do corpo vertebral torácico T5, com colapso parcial de sua placa terminal superior, determinando redução de sua altura em até cerca de 30%, sem retropulsão do muro posterior” A jornalista Fernanda Salles indignou-se: “A esposa do jornalista Oswaldo Eustáquio informou que o marido sofreu uma fratura na coluna e chegou ao hospital sem o movimento das pernas. Eis o resultado da caça promovida pelo Supremo Tribunal Federal ao pai de família”.


Saber mais sobre Alexandre de Morais: Entenda a trama contra o Jornalista Oswaldo Eustáquio

Print Friendly, PDF & Email