Acre: Governo intensifica manutenções preventivas e corretivas no sistema de captação das ETAs I e II

Acre: Governo intensifica manutenções preventivas e corretivas no sistema de captação das ETAs I e II

Principal foco da ação é retirada de balseiros do entorno das bombas flutuantes.

Com o objetivo de evitar quebras de equipamentos e transtornos aos usuários do sistema de abastecimento de água de Rio Branco, o governo do Acre, por meio do Departamento Estadual de Água e Saneamento, intensifica as  manutenções preventivas e corretivas nas estações de captação que compõem os sistemas ETA I e ETA II.

O trabalho começou com a retirada dos balseiros (ilhotas flutuantes formadas por emaranhado de plantas que descem nos rios) que já se acumulavam no entorno, colocando em risco o funcionamento das bombas flutuantes das estações que captam a água rio Acre. Para a realização do trabalho, as equipes  utilizam uma talha de cinco toneladas, cordas, cabo de aço, máquina PC, motosserras, e boa dose de força humana.

Sistema de captação das ETAS I e II recebem nova manutenção. Desta vez, principal foco da foi a retirada dos balceiros do entorno das bombas flutuantes Foto: Clemerson Ribeiro/Depasa

O sistema de abastecimento de água da capital  é monitorado todos os dias, 24 horas por dia. Nesta época do ano, quando o nível do rio Acre se eleva, o trabalho é intensificado. “Os setores de manutenção funcionam como um grande plantão médico, cuidando para garantir que o sistema esteja sempre em pleno funcionamento. No período de chuvas, com o rio cheio, o cuidado é para evitar transtornos que podem ser causados pelos  balseiros, como redução da sucção e perda de vazão o que, quando ocorre, prejudica o abastecimento”, explica a presidente do Depasa, Waleska Dessotti.

Durante a operação realizada nestas terça e quarta-feiras (29 e 30), as equipes técnicas realizaram o levantamento das tubulações, lubrificação de peças, verificação dos quadros de comando elétrico e amperagem dos equipamentos. O trabalho se estende às estações de tratamento e a 10 reservatórios que integram o sistema de abastecimento de água da capital.

“Com esforço e contando como o apoio do Gladson Cameli e da presidente do Depasa, Waleska Dessotti, conseguimos recuperar equipamentos, melhorar a produção e distribuição de água. Neste momento, trabalhamos para solucionar alguns problema pontuais, que ainda ocorrem em algumas ruas da parte alta da cidade”, explica o chefe do setor  de Manutenção do Depasa, Damasco Chaves.

Prioridade

A ampliação e melhoria da qualidade dos serviços de abastecimento e esgotamento sanitário do Acre está entre as prioridades da gestão Gladson Cameli. O governador orienta, acompanha o trabalho das equipes e envida todo esforço em garantir recursos necessários.

Além da recuperação dos equipamentos já existentes e aquisição de equipamentos reserva, o governo, por meio do Depasa, já iniciou licitação para a aquisição de três novas bombas de 600 litros/segundo e altura manométrica de 30 MCA. O investimento é de mais de  R$ 1,6 milhão.

Os novos equipamentos serão instalados na estação de captação da ETA II, que abastece maior parte dos bairros de Rio Branco. As bombas já usadas receberão nova manutenção e ficarão como reserva.

Fonte: Agência Acre

Assine Prêmio: 
Contar hoje com uma mídia isenta, ética e informativa é a busca de todo leitor. Nosso Jornal e Revista oferecem informações gerais que podem ser lidas por toda a família, em uma abordagem que prima pela ética e respeito. Torne-se um assinante Prêmio e obtenha 25% de desconto aplicando o código (WELIMA).

Print Friendly, PDF & Email