News

Começa a construção do Hospital do Coração e do novo Hemocentro de Alagoas

Ordem de serviço para as obras foi dada pelo governador Renan Filho e pelo secretário da Saúde nesta quarta (30); prazo para conclusão é de 24 meses.

O governador Renan Filho e o secretário de Estado da Saúde, Alexandre Ayres, autorizaram, na manhã desta quarta-feira (30), o início das obras do Hospital do Coração e do novo Hemocentro de Alagoas. A solenidade foi realizada em terreno ao lado do Hospital Metropolitano, na Avenida Menino Marcelo, em Maceió, onde serão erguidos os equipamentos de saúde, previstos para serem entregues em até 24 meses, num investimento de R$ 48,6 milhões.

“Temos um prazo contratual de 24 meses, mas nós vamos correr para entregá-los o quanto antes, por isso estamos iniciando (a obra) agora, ainda nesses últimos dias de 2020”, afirmou o governador.

Trata-se do sétimo hospital público que será erguido na gestão do governador Renan Filho, no maior conjunto de investimentos já realizados em Alagoas na área da saúde pública. Quatro deles já foram entregues e estão em funcionamento: o Metropolitano e o da Mulher, em Maceió; e os regionais do Norte, em Porto Calvo; e da Mata, em União dos Palmares.

Encontram-se em obras o Regional do Alto Sertão, em Delmiro Gouveia; e o Hospital da Criança, na capital alagoana, além do Hospital do Coração, cujos serviços começaram logo após a assinatura da ordem de serviço.

“Muitas pessoas precisam de tratamento cardiovascular. Essa ainda é uma das principais causas de morte no país e no mundo inteiro, de maneira que aqui em Alagoas estamos dando passos em todas as direções, fortalecendo a rede de urgência e emergência, ampliando a capacidade do Estado de atender as pessoas de maneira descentralizada com os hospitais regionais, e construindo unidades com perfis específicos”, citou Renan Filho.

A construção do Hospital do Coração vai possibilitar a estruturação do serviço cardiológico e de hemodinâmica, que hoje funciona no Hospital Geral do Estado (HGE). Além de ajudar a desafogar o HGE, o novo equipamento oferecerá estrutura ambulatorial e de cirurgia cardiopediátrica para a Casa do Coraçãozinho.

Presente à solenidade, o médico cardiologista e cirurgião cardiovascular José Wanderley Neto afirmou que a construção do Hospital do Coração é a melhor notícia que recebeu em 40 anos de profissão, atuando aqui no estado.

“Durante todo esse tempo, os leitos para atendimento às doenças cardiovasculares diminuíram e a população só aumentou, então temos centenas de pessoas esperando uma cirurgia numa fila e há outra fila invisível, daqueles que nem conseguem acesso. Aqui, o alagoano terá um atendimento cardiológico decente, seguro e com todas as diretrizes nacionais e internacionais. Esse hospital é a melhor notícia que já recebi nesses 40 anos de cardiologia, em que estou aqui em Alagoas; é um desejo que não é meu, mas de todos os alagoanos”, declarou o médico.

Começa a construção do Hospital do Coração e do novo Hemocentro de Alagoas

O secretário Alexandre Ayres afirmou que o Hospital do Coração preencherá mais um vazio assistencial na rede pública de saúde alagoana e que o novo Hemocentro ofertará uma melhor estrutura física aos profissionais que lá trabalham e conforto aos usuários.

“O Hemoal funciona há muitas décadas ao lado do HGE, num trabalho muito bem feito por aqueles profissionais, mas que não possui mais estrutura física suficiente para prestar um bom serviço à população. Lá embaixo continuará com as coletas, mas aqui teremos um melhor cuidado com os hemofílicos, com os pacientes com anemia falciforme e também para aqueles doadores de sangue que têm interesse de atuar de maneira solidária”, explicou o secretário de Estado da Saúde.

Estrutura

O prédio de quatro pavimentos, que vai abrigar o Hospital do Coração e o novo Hemocentro de Alagoas, será construído numa área de 60 mil m². A unidade, com moderno projeto arquitetônico, se interligará ao Hospital Metropolitano.

“Vamos utilizar o centro cirúrgico do Hospital Metropolitano, isso será fundamental para integrar esforços, integrar leitos e utilizar melhor a rede que o Estado de Alagoas passa a ter”, destacou Renan Filho.

No pavimento térreo, ficarão localizados os setores de radiologia e o ciclo do sangue, que compreende a recepção do doar, consultórios de triagem hemoterápica, sala de coleta, do Serviço Social e setor de dispensação do sangue e hemocomponentes.

Além da área de processamento de sangue e dos laboratórios de hematologia, o segundo pavimento terá ligação ao bloco administrativo do Hospital Metropolitano e vai sediar o Centro Cirúrgico e a Hemodinâmica, com ligação direta ao setor de Transplantes e à sala de Cirurgia Híbrida, que contará com equipamentos de alta complexidade para integração de imagens, como tomógrafo e ultrassonografia.

Já no terceiro andar, ficarão localizados os ambulatórios, o setor de registros gráficos, as enfermarias para internações e a Unidade de Terapia Intensiva (UTI). E no quarto e último pavimento, estarão situadas as áreas administrativas do novo Hemocentro e do Hospital do Coração, além de uma biblioteca setorial e o centro de estudos.

Começa a construção do Hospital do Coração e do novo Hemocentro de Alagoas

Concursos

Ainda durante a solenidade, Renan Filho reafirmou que, a partir do primeiro semestre de 2021, o Governo do Estado iniciará um grande ciclo de concursos públicos com a oferta de aproximadamente 6 mil vagas, sobretudo para as áreas da saúde e da educação.

“Faremos um grande concurso público para a saúde alagoana já no primeiro semestre de 2021, que já está rodando, na fase final; vamos soltar o edital nos próximos meses. A Procuradoria Geral do Estado já autorizou”, revelou o governador.

“Nós faríamos concursos públicos em 2020, mas, em virtude da pandemia, o Estado postergou e no ano que vem vamos fazê-los para diversas áreas. Serão mais de 6 mil vagas de maneira geral, em todas as áreas, e os dois maiores serão exatamente para saúde e educação públicas, que são áreas fundamentais para a estruturação da melhoria da qualidade de vida do nosso povo”, concluiu.

Fonte: Agência Alagoas

Assine Prêmio: 
Contar hoje com uma mídia isenta, ética e informativa é a busca de todo leitor. Nosso Jornal e Revista oferecem informações gerais que podem ser lidas por toda a família, em uma abordagem que prima pela ética e respeito. Torne-se um assinante Prêmio e obtenha 25% de desconto aplicando o código (WELIMA).

Print Friendly, PDF & Email

Wesley Lima

Colunista associado para o Brasil em Duna Press Jornal e Magazine, reportando os assuntos e informações sobre atualidades culturais, sócio-políticas e econômicas da região.
Botão Voltar ao topo