Esportes

Náutico goleia o Oeste em casa e se mantém fora do Z-4 da Série B

Nos Aflitos, Timbu venceu o Rubrão por 4 a 1 em jogo da 36ª rodada, subiu para o 15º lugar e abriu três pontos da zona de rebaixamento.

Náutico conseguiu um importante resultado na luta pela permanência na Série B. Em jogo da 36ª rodada realizado nesta quarta-feira (20), o Timbu recebeu o Oeste nos Aflitos, em Recife (PE), e goleou por 4 a 1, com gols de Hereda, Jean Carlos, Kieza e Erick; Pedrinho diminuiu para o Rubrão.

Com o resultado, os pernambucanos chegaram aos 42 pontos e estão no 15º lugar. Os paulistas, que já tiveram o rebaixamento decretado, ocupam a lanterna, com 26. Além disso, a vitória do Timbu sacramentou matematicamente a queda do Botafogo-SP. Veja os detalhes do jogo:

+ Confira a tabela da Série B!

O jogo

Primeiro tempo todo do Náutico nos Aflitos. Logo no minuto inicial, Caíque França salvou o Oeste em chute à distância de Jean Carlos. No entanto, o Timbu abriu o placar aos quatro: Erick tocou de letra para Hereda, que limpou os marcadores, invadiu a área e bateu cruzado para marcar. O Rubrão tentou a resposta imediata em remate de Pedrinho de longe, mas a bola passou à direita.

Na sequência, os pernambucanos partiram para cima e carimbaram a trave com Erick, em chute aos 13 minutos – no rebote, Kieza bateu e Caíque França fez outra boa defesa. No lance seguinte, Camutanga quase ampliou de cabeça. A missão de marcar o segundo ficou com Jean Carlos, que recebeu lançamento e chutou da entrada da área aos 20, deixando o placar em 2 a 0. Aos 28, Pedrinho teve oportunidade em remate da meia-lua, mas Anderson salvou o Náutico, que chegou ao terceiro gol logo depois: aos 30, Hereda partiu pela direita e cruzou rasteiro para Kieza, que completou de carrinho para a meta e balançou o barbante.

No primeiro minuto da etapa final, Vinícius teve a chance de fazer mais um para o Náutico, mas parou em Caíque França. O Oeste respondeu aos seis, em cabeçada de Bruno Lopes defendida por Anderson. E no lance seguinte, o Timbu chegou ao quarto gol. Após boa jogada dos pernambucanos pela esquerda, Kieza descolou um corta-luz e deixou para Erick, que finalizou para marcar. O Rubrão conseguiu descontar aos 17 minutos com Pedrinho, que aproveitou erro na saída de bola e bateu no canto do arqueiro. Nos acréscimos, os mandantes tiveram a oportunidade de anotar o quinto pelos pés de Kieza, mas a bomba do atacante na área foi salva pelo goleiro. Desta forma, o placar de 4 a 1 se manteve até o fim.

Foto: Paulo Paiva/AGIF
Fonte: CBF

Assine Prêmio: 
Contar hoje com uma mídia isenta, ética e informativa é a busca de todo leitor. Nosso Jornal e Revista oferecem informações gerais que podem ser lidas por toda a família, em uma abordagem que prima pela ética e respeito. Torne-se um assinante Prêmio e obtenha 25% de desconto aplicando o código (WELIMA).

Print Friendly, PDF & Email

Wesley Lima

Colunista associado para o Brasil em Duna Press Jornal e Magazine, reportando os assuntos e informações sobre atualidades culturais, sócio-políticas e econômicas da região.
Botão Voltar ao topo